• Aumentar Fonte
  • Diminuir Fonte
  • Trocar contraste

9 áreas do Marketing que você precisa conhecer antes de iniciar sua carreira!

Conhecer as principais áreas do Marketing é o primeiro passo pra quem deseja apostar nessa carreira, que se aponta como uma das mais promissoras no mercado. Ainda que você não tenha iniciado a faculdade, ter essa informação em mente ajuda a clarear seus objetivos profissionais, levando-o a fazer escolhas mais focadas.

Mas antes de a gente falar mais sobre esses detalhes, vale a pena explicar um pouco essa atuação. No geral, o profissional de marketing tem a função de “preparar o terreno” pras vendas. Ele também tem um papel especial pra que o consumidor tenha vontade de manter uma relação contínua com a marca.

Pra se dar bem, o profissional precisa conhecer maneiras de suprir as necessidades do cliente. A partir disso, deve fazer com que enxergue valor no produto — de preferência, mais valor que o produto da concorrência. 

Bem, compreendidos esses pontos, continue a leitura e fique por dentro das áreas do Marketing

1. Inbound Marketing

1. Inbound Marketing

O Inbound Marketing é um tipo de filosofia que pode ser adotada por quaisquer das áreas do Marketing. 

Enquanto o Outbound Marketing (o mais tradicional) atua indo atrás do consumidor pra convencê-lo da aquisição, o Inbound prefere atraí-lo e esperar que surja nele a vontade da compra.

Pra entender melhor, pense no telemarketing, em que o profissional liga pra alguém e oferece determinado produto. Essa é uma das formas de atuação do Outbound. 

Agora, imagine, por exemplo, uma pessoa que precisa comprar um relógio. Ela, então, digita o termo no Google. Assim, avalia os resultados da pesquisa e resolve entrar em alguns sites. Aqui, vê-se uma atuação de Inbound.

Percebeu a diferença? A magia disso tudo é que, no segundo cenário, os profissionais precisam colocar em prática algumas estratégias pra que a marca chame mais atenção nesse momento.

2. Marketing de Produto

2. Marketing de Produto

Essa área de Marketing estuda táticas pra fazer com que o produto tenha mais chances de suprir as necessidades do consumidor. É importante que ele se mostre atrativo pra que, assim, seja valorizado.

Uma das técnicas adotadas é a dos 4 Ps. Nela, é preciso definir os seguintes atributos:

  • produto: se refere àquilo oferecido ao mercado. Envolve, ainda, design, qualidade e embalagem;
  • preço: é o ato de precificar. É influenciado pela mão-de-obra, mercado e consumidores;
  • praça: aborda os pontos de venda e canais de distribuição;
  • promoção: vem do verbo promover e se refere ao modo de divulgar o produto.
3. Marketing de Comunidade

3. Marketing de Comunidade

Uma comunidade é a reunião de pessoas com algo em comum: um interesse, um valor ou o local em que moram.

O Marketing de Comunidade busca reunir pessoas fãs da marca. Uma ação praticada atualmente é a criação de grupos no WhatsApp e no Telegram. 

E por que isso é tão inteligente? Por vários motivos:

  • as pessoas que fazem parte se sentem mais especiais, já que têm uma relação mais próxima com a empresa;
  • isso faz com que elas se tornem ainda mais fãs e tenham um consumo constante; 
  • cada integrante reforça o outro. O fato de alguém perceber que existem ali outras pessoas que admiram a marca é uma forma de confirmar que sua opinião é realmente válida.

Mas o principal disso é que não basta reunir as pessoas em um lugar. É preciso aplicar estratégias pra que elas se mantenham interessadas. E é aí que entra o papel do profissional.

4. Gestor de E-commerce

4. Gestor de E-commerce

Vender online costuma ser bem menos burocrático e custoso do que vender em loja física. No entanto, isso não significa que é só acrescentar os produtos no site e não fazer mais nada.

O Gestor de E-commerce é uma das mais importantes áreas do Marketing, justamente por esse motivo. Na prática, é preciso:

  • saber usar bem uma plataforma de e-commerce;
  • aplicar estratégias pra que os consumidores visitem o site;
  • administrar a logística (vendas, envio do produto, estoque, emissão de nota fiscal);
  • usar ferramentas de análise, como um sistema de informação de marketing.
5. Mídias Sociais

5. Mídias Sociais

Em mídias sociais, a atuação é por meio das redes sociais, que se mostram, hoje, um dos melhores canais de comunicação com o consumidor.

O profissional planeja os conteúdos que serão postados e gerencia os resultados alcançados. O objetivo é fazer com que os posts sejam atrativos, gerem engajamento e, ainda, provoquem a vontade de aquisição.

6. Analista de Marketing Digital

6. Analista de Marketing Digital

O que faz o Analista de Marketing Digital uma das mais valorizadas áreas do Marketing é o fato de esse profissional ser responsável por estudar formas de fazer com que a marca cresça no mercado e conquiste autoridade e boa reputação.

Assim, é preciso entender e saber aplicar conceitos importantes, como:

  • SEO (otimização para mecanismos de buscas), pra que as páginas do site estejam nos primeiros resultados de busca;
  • Inbound Marketing;
  • tráfego pago;
  • planejamento de conteúdo pra site, blog, e-mail, redes sociais.
7. Gestor de Tráfego

7. Gestor de Tráfego

No Marketing Digital, tráfego se refere a visitas nos sites e cliques em links e em propagandas, por exemplo. É o movimento de usuários que demonstram interesse em determinado produto. Pode ser pra obter informações, pra verificar o preço ou, ainda, pra comprar.

Um tráfego alto é importante, pois, na teoria, quanto mais consumidores têm interesse, maior a probabilidade de compra. O problema é que isso é só a teoria, pois existem problemas na prática:

  • é preciso atingir o alvo certo. Não adianta chamar a atenção de quem, definitivamente, não vai comprar;
  • também não adianta atingir o alvo certo, mas ninguém sentir vontade da aquisição.

É uma das mais prestigiadas áreas do Marketing. O profissional precisa fazer análises contantes nas estratégias pra entender, por exemplo, por que determinada publicidade não tem um bom alcance ou por que as pessoas clicam, mas decidem não comprar. A partir disso, o profissional vai otimizar as práticas.

8. Produção de Conteúdo

8. Produção de Conteúdo

Assim como acontece em diversas profissões, dividir funções é estratégico, pois é uma forma de agilizar o trabalho.

O profissional que trabalha com produção de conteúdo atua junto de vários outros, como o Analista de Marketing Digital. Além disso, ele precisa ter conhecimentos importantes, como o de Inbound Marketing. 

É tida como uma das principais áreas do Marketing justamente pelo motivo de que um conteúdo relevante pode exercer grande poder pra marca crescer e pra vender. A ideia aqui é escrever artigos pra blog, e-books, posts em redes sociais e descrições de produtos do e-commerce, por exemplo. 

9. Endomarketing

9. Endomarketing

Hoje, já se sabe que os colaboradores de uma empresa são essenciais pro crescimento. Se estão satisfeitos com o trabalho que exercem, produzem mais, trabalham com vontade e continuam atuando nela por muito tempo. O negócio, por sua vez, atinge melhores resultados, se desenvolvendo mais.

O Endormarketing tem foco na equipe. O objetivo é fazer com que os colaboradores se sintam motivados e tenham orgulho de trabalhar na empresa. 

Quantas áreas do Marketing diferentes e interessantes, não é mesmo? Mas saiba que, na prática, todas se complementam. Isso porque o Marketing é imenso: cheio de estratégias que precisam ser testadas e aperfeiçoadas. Ele é uma mistura de ciência e arte e é por isso que atrai tanta gente!

Se você se interessou pelo curso, saiba que faz toda a diferença ter uma boa formação profissional! Por isso, conheça a Faculdade Descomplica. Aqui, você estuda online com os melhores professores do mercado e com a mensalidade mais atrativa!