Como fazer a redação do Enem? A gente responde!

O ano só começou, mas a redação do Enem já está te tirando o sono? Vem cá que a gente te ajuda!

O Exame Nacional do Ensino Médio ainda está longe, mas aquela bad já bateu. Você já começou a se estressar com a famigerada redação do Enem, e já consegue imaginar os dias passando com um monte de livros jogados na sua cabeça, um monte de textão dos anos anteriores…

Mas vamos com calma! Nós sabemos exatamente como te ajudar a chegar na nota 1000! Vem cá ver o que o professor Eduardo Valladares tem a dizer!

Nós também temos algumas coisinhas a te dizer. Vamos lá?

1) Argumentação

Você já deve estar careca de saber o que é uma redação dissertativo-argumentativa, mas não custa lembrar: argumentar é defender um ponto de vista, convencer seu interlocutor da opinião que você está sustentando. Para isso, você precisa, sobretudo, de organização para chegar onde você quer. Por isso, antes de começar a escrever, é bom você decidir quais e quantos argumentos você vai usar para sustentar sua tese. E por falar nela…

2) Tese

A tese é o ponto de vista central que você vai defender: se é contra ou a favor da proposta, ou se tudo é relativo demais para ser simples. Sua tese deve ser apresentada na introdução, que serve justamente para declarar seu ponto de vista. Tome cuidado com o espaço! Cinco ou seis linhas são o suficiente para uma boa introdução!

3) Desenvolvimento

Aqui jaz a treta. Não perca a cabeça e fique calmo! O desenvolvimento não precisa ser difícil! Se você já decidiu seus argumentos na tese, basta desenvolvê-los! Mas nada de pegar dez argumentos diferentes achando que tá causando! Você precisa controlar o espaço que vai usar e ainda desenvolver cada argumento direitinho!

Vamos lá: cada parágrafo de desenvolvimento deve ter um tópico frasal, isto é, a ideia mais importante a ser defendida naquele parágrafo. Para desenvolvê-lo, encha sua redação de porquês, motivos, causas, consequências, exemplos, etc. Por fim, basta amarrar o parágrafo: já tendo início e meio, falta apenas concluir sua ideia e partir para o próximo argumento!

Dúvida: rola usar o segundo argumento para se contrapôr ao primeiro? Claro! É um método que se utiliza da dialética: depois de apresentar dois argumentos contrários, você utiliza um terceiro parágrafo para mostrar de que lado você está. Lembre-se apenas de que é muito importante tomar uma posição! Afinal, o corretor da sua redação está esperando ser convencido pelos seus argumentos.

No final de tudo, você deve concluir sua redação com uma proposta. Mas isso fica para outro dia 😛

E aí? Já sabe tudo sobre como fazer uma redação do Enem perfeita? Mande ver e deixe um comentário 😉

Continue estudando
Post do blog

Questões Comentadas: Coesão Textual

Leia o resumo O que é Coesão Textual e Coerência Textual?” e resolva o exercício abaixo.
artigo
Post do blog

Mapa Mental: Estrutura da Dissertação

Aprenda a Estrutura da Dissertação para arrasar na redação do ENEM e garantir sua nota 1000! 😀
artigo