• Aumentar Fonte
  • Diminuir Fonte
  • Trocar contraste

Quer saber como desenvolver um aplicativo? Confira as principais etapas!

Saber como desenvolver um aplicativo é fundamental pra quem deseja lançar soluções pra esse mercado, que está em constante crescimento. Pois o desenvolvimento envolve várias etapas, desde a definição do objetivo até chegar à fase de testes.

Pra ajudar você a descobrir como desenvolver um aplicativo, a gente vai explicar a seguir quais os custos desse processo e os tipos de apps que existem. Depois, você vai ver os principais passos pro desenvolvimento de um aplicativo. Bora lá!

Como desenvolver um aplicativo: por que é importante aprender?

Como desenvolver um aplicativo: por que é importante aprender?

Só pra ilustrar, o valor gasto por consumidores em apps subiu 20% em 2020, segundo relatório da App Annie. Esse crescimento se relaciona com a pandemia de covid-19, que levou muitas pessoas a buscarem soluções mobile.

Portanto, dá pra entender porque muita gente busca conhecimento e oportunidades de negócios nessa área. Só que é fundamental conhecer as fases de como desenvolver um aplicativo pra promover a sua viabilidade.   

Afinal, a criação de um aplicativo demanda pontos como o planejamento e avaliação de custos. É necessário saber bem que tipo de problema o seu app resolve, além de analisar os recursos necessários pra implementar a sua ideia.

Quais são os tipos de aplicativos disponíveis?

Quais são os tipos de aplicativos disponíveis?

Os aplicativos podem ser divididos em nativos, web app e híbridos. Essa diferenciação ocorre por conta dos tipos de desenvolvimento de app, com o propósito de atender aos sistemas operacionais mais usados: iOS e Android. 

Os apps nativos funcionam somente em um desses sistemas operacionais, seja Android ou iOS. Com isso, os apps nativos também são considerados mais seguros e ágeis.

Já o web app é um site mais responsivo pra dispositivos móveis e não é um aplicativo real. Assim, a programação do app é feita pra identificar se o usuário acessa o site pelo celular e pode se adaptar ao aparelho. 

Por fim, os apps híbridos são aqueles que contém o mesmo código pra Android e pra iOS. Desse modo, esse tipo de aplicativo é uma espécie de combinação entre os aplicativos nativos e web app. 

Quais os principais passos de como desenvolver um aplicativo?

Quais os principais passos de como desenvolver um aplicativo?

Depois de ver a importância de aprender a como desenvolver um aplicativo e os tipos deles disponíveis, confira as etapas pra criação.

Delimite a solução

O primeiro ponto é reconhecer o objetivo do seu aplicativo. Então, você precisa se dedicar a estudar o mercado em que pretende oferecer uma solução. A partir daí, você vai entender qual a potencialidade do produto em relação aos concorrentes.

Em outras palavras, é necessário saber se a sua ideia de aplicativo atende a uma demanda que já existe. Ainda que outros apps também ofereçam respostas à mesma procura do consumidor, é possível encontrar diferenciais pra se destacar no setor.

Defina o público-alvo

Você vai precisar conhecer o público-alvo do seu app pra entender a quem a sua solução pode se direcionar. Por exemplo, um aplicativo de mobilidade terá como público-alvo os motoristas e os passageiros.

É importante definir essa questão, porque, pra baixar o seu aplicativo, o usuário vai precisar identificar o tom da sua marca. Com isso, você também vai construir melhores estratégias de marketing pra se comunicar com esse público. 

Outros exemplos são os aplicativos de atividades pra crianças, que tem como público-alvo os pais e cuidadores. Sem dúvida, é fundamental compreender quais são os hábitos desses grupos e as suas necessidades pra oferecer um app pra eles.

Escolha a equipe de produção

Nesse sentido, você vai precisar de uma equipe com vários profissionais pra criar o app. Designer, analista de sistemas, arquiteto de softwares, desenvolvedor, analista de testes e gerente de projetos são algumas das funções necessárias.

Porém, pra desenvolver o aplicativo, você não precisa necessariamente contratar esses profissionais de forma direta. Pode ser mais barato buscar uma empresa com expertise na área e, dessa forma, terceirizar o serviço.

Estabelecer o orçamento

As despesas de implementação podem ser altas, já que os aplicativos necessitam de atualizações contínuas. Portanto, é essencial levar alguns fatores em conta na avaliação do custo de criação de um app:

  • recursos disponíveis;
  • plataformas (Android ou iOS);
  • tipo do aplicativo (híbrido ou nativo);
  • interface simples ou personalizada;
  • acesso (cadastro por e-mail ou redes sociais);
  • app pago ou gratuito.

Escolher o modelo de negócio

Há várias maneiras de obter ganhos com o desenvolvimento de aplicativos. Essa fase é importante porque você vai conseguir saber qual será o Retorno sobre Investimento (ROI) e obter receita.

Não são apenas os downloads pagos que geram monetização. Entre as principais formas de ganhar dinheiro com um app, estão o uso de assinaturas, os pacotes premium e a publicidade. 

Construa a interface

O design do seu aplicativo precisa ser atraente e funcional pros usuários. A escolha de um layout mais limpo e de imagens com boas resoluções pode chamar a atenção do seu público.

Sobretudo, é indispensável pensar na experiência do usuário do app. Portanto, quem utilizar o aplicativo não pode encontrar obstáculos pra encontrar o que mais procura e se distrair com outros elementos.

Faça testes

Com a conclusão do desenvolvimento do aplicativo, chega a fase de testes. Nesse momento, é interessante analisar o modo de funcionamento, pra corrigir eventuais falhas antes do lançamento.

A adequação do app a vários modelos de smartphones é um dos principais quesitos. Também é necessário avaliar a comunicação que o aplicativo faz com o sistema do dispositivo.

Mais um teste importante é o de mobilidade, que pode assegurar a comunicação com outros apps. Outros testes comuns são o de usabilidade, além do desempenho e da segurança. Depois disso, o seu aplicativo vai estar pronto pro lançamento.

Com base no que a gente apresentou, você viu como desenvolver um aplicativo necessita do cumprimento de vários passos. É preciso delimitar questões como a monetização, o objetivo e o público-alvo. A gente também explicou os principais custos envolvidos nesse processo e como diferenciar os tipos de aplicativos.

Gostou de entender como desenvolver um aplicativo? Se você se interessa por tecnologia, a Faculdade Descomplica oferece diversas oportunidades de ampliar o seu conhecimento pra esse mercado. Conheça as graduações disponíveis!