Blog Descomplica

Você sabe o que é empregabilidade e qual sua importância?

Se você quer se destacar no mercado de trabalho, então precisa entender melhor o que é empregabilidade e as competências que esse termo envolve.
porDescomplica| 08/09/2021
Imagem de uma mulher trabalhando em um notebook para ilustrar artigo sobre empregabilidade

Compartilhe

Você, com certeza, já ouviu o termo empregabilidade dentro do mercado de trabalho. Porém, ele é aplicado em tantos contextos e de tantas formas diferentes, que parece até que a palavra possui múltiplos significados, não é mesmo?

Pois é quase isso. A questão não é que empregabilidade tenha diversos significados, mas sim que é um termo que carrega muitas outras coisas junto com ele. 

Por isso, hoje viemos explicar não apenas o que é empregabilidade, mas também suas bases e como se preparar profissionalmente pra que você tenha empregabilidade. Bora lá?

O que é empregabilidade?

O significado do termo empregabilidade é: atributos de uma pessoa que a faz capaz de conseguir e manter um emprego. Ok, mas o que isso realmente quer dizer? 

É um conjunto de qualidades, habilidades e perfis que mostram pras empresas que você tem o que precisa pra ser um bom funcionário, que você é uma boa escolha pra contratação.

Saber o que chama a atenção das empresas, e o que te torna atrativo pro mercado, e então desenvolver essas habilidades é saber desenvolver a sua empregabilidade.

Alguma vez você já ouviu a história de uma pessoa que estava feliz no seu emprego, mas que foi abordada por outra empresa que oferecia algo melhor pra que aquele alguém concordasse em trocar de trabalho? 

Pois bem, isso aconteceu, pois aquele indivíduo tem uma alta empregabilidade, ele agrega tanto valor à empresa, que a empresa quer ele trabalhando pra ela, e quer manter esse empregado por muito tempo.

Diferença entre emprego e empregabilidade

Não vamos confundir as duas coisas, emprego é o trabalho em si. É a atividade que você vai executar no dia a dia, a vaga pro qual você foi selecionado, a função a ser exercida. 

O emprego é o que você conquista e que mantém quando se tem uma boa empregabilidade. Como já explicamos, a empregabilidade é a capacidade de ser escolhido pra aquela vaga e de se manter nela por muito tempo.

Qual a importância da empregabilidade?

Imagem de um homem para ilustrar artigo sobre empregabilidade

Responde uma coisa: Você quer ter um trabalho estável, sem medo de ser mandado embora a qualquer momento? Quer poder escolher o seu trabalho, pois existem diversas opções pra você no mercado? Quer conseguir progredir na sua carreira?

Se você respondeu que sim pras perguntas acima, então você precisa trabalhar a sua empregabilidade. 

A empregabilidade é o que vai te garantir trabalho por muito tempo, além da estabilidade de saber que está trabalhando de acordo com o esperado pelo seu empregador.

Portanto, a importância da empregabilidade está em você ser capaz de conseguir um emprego e de mantê-lo, de aumentar as suas chances dentro do mercado de trabalho que está cada dia mais competitivo

Os profissionais de RH são treinados pra identificar perfis novos, perfis em ascensão, pessoas que se encaixam em cada uma das vagas. 

Você saber, ao menos um pouco sobre como eles pensam, te coloca na vantagem de conhecer o que você precisa fazer pra chamar a atenção dos recrutadores.

A empregabilidade te ensina a fazer a autogestão da sua carreira. Antigamente era muito comum que as pessoas contassem com mentores dentro de suas empresas, que as treinavam pra evoluírem na profissão.

Hoje em dia, esse tipo de atividade está se tornando cada vez mais escassa e se vê as pessoas tomando as rédeas das próprias carreira e se desenvolvendo por conta própria.

As bases da empregabilidade

Bom, como já falamos, a empregabilidade é um conjunto de atributos. Esses atributos podem ser divididos em bases, que precisam ser desenvolvidas pelo interessado, pra se tornar mais atrativo pras empresas.

Se você quer poder escolher a vaga de trabalho que quiser, fica ligado nas dicas que vamos te dar pra cada uma das bases da empregabilidade.

Soft skills

As soft skills são as habilidades que são comuns a todos os trabalhos e que estão relacionadas a como as pessoas lidam com os outros e com o ambiente de trabalho. Inclusive aqui entra a forma como a pessoa se comporta dentro do trabalho.

Entre as principais habilidades desse grupo podemos destacar algumas como:

  • Pensamento crítico;
  • Resolução de problemas;
  • Falar em público;
  • Escrita profissional;
  • Trabalho em equipe;
  • Literatura digital;
  • Ética profissional;
  • Gerenciamento de carreira;
  • Fluencia intercultural;
  • Escuta ativa;
  • Resiliência;
  • Colaboração;
  • Trabalhar sob pressão;
  • Trabalhar com orientação pra resultados.

Desenvolver as suas soft skills é algo muito importante pra se destacar dentro do mercado de trabalho. Inclusive, é uma atividade possível e bastante importante pros profissionais. 

O primeiro passo pra desenvolver as suas soft skills é conhecer suas habilidades. Saber quais habilidades você já desenvolveu naturalmente, e quais precisam ser trabalhadas.

Com esse conhecimento, então, é preciso criar um plano pra trabalhar as habilidades menos desenvolvidas. Afinal, é por meio das soft skills que os profissionais podem conquistar espaço e confiança.

Perfil profissional

As empresas esperam que o profissional tenha um certo perfil pra atuar dentro do ambiente de trabalho. Dentro desse perfil, é esperado que o funcionário saiba lidar com as próprias emoções. Em outras palavras, que tenha inteligência emocional.

Além disso, cada empresa tem uma cultura, na qual o profissional precisa se encaixar, se adequar. Existem empresas mais sérias e tradicionais, outras, mais liberais e mais dinâmicas, o perfil do profissional precisa estar alinhado com o da empresa.

Porém, isso não significa que um profissional mais tímido não vai ter oportunidade em uma empresa mais alegre. 

É nesse ponto que entra a habilidade de desenvolver um perfil profissional, por mais que a pessoa tenha suas características próprias ela consegue mostrar pros seus empregadores que o seu jeito não vai ter impacto na rotina da empresa.

Competências técnicas e comportamentais são itens importantes do perfil do profissional, que não podem ser esquecidas.

Habilidades e competências

Saber tomar decisões é imperativo pra quem deseja se manter atrativo no mercado. Além disso, saber trabalhar a sua gestão de tempo e a sua produtividade, são dois pontos considerados condição não negociável por muitos profissionais de RH. 

Nos dias atuais vemos muito o desenvolvimento das profissões remotas e quando a pessoa está trabalhando de casa e não tem um supervisor por perto o tempo todo, ela precisa saber se gerenciar,  gerenciar o próprio tempo, pra não prejudicar o fluxo de trabalho.

Ser proativo, e automotivado também são duas habilidades que estão em alta nas listas dos recrutadores. 

A expertise de receber dados, processar e analisar criteriosamente e gerar informações que vão auxiliar na solução de problemas ou na tomada de decisão é chamado de capacidade analítica e também é uma habilidade importante pra todos os profissionais.

Pensamento Sistêmico

Se você nunca ouviu esse termo, não se preocupe, nós vamos te explicar. O pensamento sistêmico consiste em enxergar a empresa como um sistema vivo. Isso quer dizer que todas as decisões afetam a todos. 

Todos os sistemas estão interligados, por isso um profissional sabe que seus erros e faltas podem impactar os trabalhos de outros colegas. 

Base financeira

Não existem pessoas que consigam se dedicar inteiramente ao serviço quando estão com problemas financeiros. A preocupação vai sempre ocupar uma área de sua mente, que pode comprometer sua capacidade de executar sua função, pode deixar o funcionário distraído.

Por esse motivo, muitas empresas oferecem salários competitivos e programas como a previdência privada. Caso você esteja passando por dificuldades em controlar as suas finanças, busque ajuda, faça um curso livre de gestão financeira.

Integridade

Nenhuma empresa quer ter em seu quadro de funcionários uma pessoa desonesta, que não cumpre com as regras. Ser uma pessoa honesta, ética e íntegra deveria ser básico pra todos

Porém, infelizmente essa não é a realidade do mercado de trabalho, por isso é importante ressaltar que profissionais que o são, se destacam muito dentro do mundo da empregabilidade.

Servir aos seus valores morais, honrando compromissos e respeitando as leis é essencial.

Tenha hobbies

Um bom profissional, que trabalha sempre motivado, é aquele que tem um bom equilíbrio entre a sua vida profissional e pessoal. Por isso, ter atividades que te ajudam a se distrair fora do trabalho é algo muito importante.

Aqui podemos incluir também as atividades físicas. A máxima: corpo são, mente sã é uma verdade. E se você quer conseguir se dedicar ao seu trabalho precisa estar saudável.

Como se manter com uma alta empregabilidade?

Imagem de uma mão mexendo em um mouse para ilustrar artigo sobre empregabilidade

O mercado de trabalho está sempre em busca de profissionais qualificados nas mais diversas áreas. Porém, ele tende a ser diferente dependendo da profissão, do segmento e até mesmo da localização geográfica da vaga. 

Dessa forma, todos esses itens precisam ser levados em consideração quando se está analisando as exigências que o mercado de trabalho tem pra cada profissão.

Em outras palavras, isso influencia nas oportunidades disponíveis pros profissionais, os salários ofertados, entre outros.

Estar sempre a par das habilidades e conhecimentos exigidos nas oportunidades abertas na sua área é uma forma muito fácil de se manter em dia com as novidades da sua profissão.

Afinal, as empresas querem sempre os melhores profissionais trabalhando pra elas, os que têm os conhecimentos mais amplos e as melhores habilidades. E isso é refletido nas exigência pras vagas de emprego abertas.

Mesmo que não esteja buscando novas oportunidades, ficar de olho nas vagas abertas, pode te indicar cursos que você pode precisar correr atrás caso queira, em um futuro, trocar de trabalho, e até mesmo pra ser um profissional melhor na vaga em que já está atuando.

Caso encontre alguma exigência que não conhece, basta pesquisar do que se trata e entrar criar um plano pra aprender mais sobre aquilo e continuar seu desenvolvimento profissional.

Você precisa se desenvolver em todas as áreas que já comentamos aqui. Porém, outro ponto muito importante é o de buscar sempre se manter à frente da tecnologia, e garantir que a sua profissão vai ter demanda de trabalho ainda por muitos anos.

Sim, um ponto muito importante na hora de escolher um curso a ser feito, é saber analisar se aquela profissão ainda tem um futuro. 

Vamos falar mais pra frente disso, porém o importante aqui é você saber que é preciso se preparar bem pra ter um futuro no mercado de trabalho.

Qualificação profissional

Um dos melhores jeitos de se preparar pro mercado é através da sua qualificação profissional. 

E isso começa desde muito cedo. A Faculdade Descomplica é uma instituição que se preocupa com os profissionais do futuro e em ajudá-los a se preparar pro futuro da melhor forma possível.

Pensando nisso é que oferecemos cursos em diversas modalidades:

Adequação vocacional

Você consegue se enxergar produzindo muito, por muito tempo em uma função que você não gosta? 

A verdade é que ninguém é capaz de aguentar por muito tempo fazendo com qualidade algo de que não gosta. Em algum momento o profissional vai começar a apresentar falhas, sua qualidade de produção vai cair e o serviço da empresa vai ficar comprometido.

Por isso, é muito importante que você busque carreiras com as quais tem afinidade. Aquela frase muito conhecida atribuída a Confúcio é uma grande verdade: Trabalhe com o que você ama e você nunca mais precisará trabalhar em sua vida!

Como mostrar minha empregabilidade para o mercado?

Você pode ser um profissional exemplar, mas como você demonstra essas suas características pro seu mercado? Aqui existem duas palavrinhas mágicas: Marketing Pessoal!

Com o mercado de trabalho em constante transformação, as empresas tendem a buscar funcionários cada vez mais completos. Existem algumas atitudes simples que você pode incluir na sua rotina e que vão te ajudar nessa tarefa:

  • Saiba como se comportar em uma entrevista de emprego;
  • Mantenha seus perfis profissionais atualizados;
  • Compartilhe conquistas profissionais nas suas redes profissionais;
  • Sempre que cabível publique artigos sobre seu trabalho e seu mercado;
  • Faça contatos e networking dentro do seu nicho de mercado;
  • Participe de palestras e workshops.

Busque formas criativas de mostrar ao seu mercado o que você está fazendo, o que está desenvolvendo. Você com certeza vai encontrar formas se estiver disposto a buscar.

Os seus relacionamentos podem ser uma grande forma de você conseguir novas oportunidades e de mostrar pro mercado as suas habilidades. 

Portanto, não subestime as suas conexões, e compartilhe, sempre que possível, com os seus conhecidos a sua busca por novas oportunidades, que áreas está interessado, e quais os seus principais diferenciais pra esse tipo de vaga.

Uma outra dica aqui é a de buscar vagas de trabalho da sua área e ver em quais plataformas os recrutadores mais aparecem, quais os principais requisitos comuns a todas as vagas, assim você consegue concentrar seus esforços de divulgação nas plataformas certas, e com as habilidades específicas que são mais valorizadas.

É possível testar minha empregabilidade?

Se você buscar na internet por teste de empregabilidade vai encontrar diversas opções disponíveis. Cada um funciona de uma forma e utilizam um cálculo pra testar o seu nível de empregabilidade. 

A título de curiosidade, caso você queira, pode escolher um desses testes, existem diversas opções gratuitas e completar as informações pra ver os seus resultados.

Porém, existe um jeito um pouco mais antigo e tradicional de testar a sua empregabilidade, que é buscar e aplicar pra novas vagas de emprego

Aqui, porém, também é importante fazer uma ressalva, se você não tem interesse real na vaga, não se candidate, pois você vai apenas tomar tempo dos profissionais que estão buscando candidatos pra preencher a posição aberta.

Testar sua empregabilidade é algo que pode te ajudar em diversas coisas. É possível verificar quais as competências, habilidades ou conhecimentos são exigidos pelo mercado e que você precisa se desenvolver mais.

Assim, com esse conhecimento, você pode escolher novos cursos a serem feitos, ou habilidades a serem trabalhadas. 

Além disso, também, saber a real situação da sua empregabilidade te ajuda a planejar melhor a sua carreira, saber quais as suas chances de conseguir uma promoção, ou de avançar no seu planejamento de trabalho.

Se prepare para entrevistas de emprego

Quando se é convidado por uma empresa pra uma entrevista de emprego, isso diz que ao menos parte do seu perfil já está de acordo com o que os recrutadores estão buscando pra aquela vaga específica. 

Porém, não é indicado que você confie apenas no seu conhecimento técnico do trabalho pra garantir a vaga, é preciso se preparar pra entrevista de emprego.

Quando for participar de uma entrevista de emprego, pesquise mais sobre a empresa antes de chegar lá. Reveja o anúncio da vaga pra estar familiarizado com todos os termos e todos os requisitos da vaga.

Busque saber como é o processo seletivo da empresa e o que eles valorizam nas suas seleções.

Empregabilidade e remuneração

Você sabia que a sua empregabilidade afeta diretamente a sua remuneração? Sim! Quando se é um profissional altamente requisitado no mercado, as empresas aumentam os benefícios e remunerações, pra tornar a vaga mais atrativa pra você.

Porém, você não precisa ser um profissional com muita experiência e renome pra ter uma boa empregabilidade e, consequentemente, uma boa remuneração. 

Trabalhar em áreas que têm muita demanda de trabalho e baixa mão de obra especializada é uma boa forma de aumentar a sua empregabilidade e o pagamento.

Quando há uma grande demanda por um determinado tipo de trabalho e não há pessoas suficientes pra suprir essa demanda, as vagas mais atrativas vão conseguir os profissionais.

Além disso, oferecer uma mão de obra que tem alta demanda e está escassa é uma das formas mais fáceis de se aumentar a sua empregabilidade. Nesse sentido, aqui vale a ressalva de que é preciso oferecer uma mão de obra de qualidade, pra garantir a vaga.

Profissões do futuro

Existem algumas profissões que são atemporais, que sempre vão existir como por exemplo, um médico, um veterinário ou um advogado. 

Existem também as profissões que são passageiras, alguns exemplos de profissões que não existem mais (ou existem em pouquíssimas cidades), mas que já foram muito importantes são:

  • Telefonista;
  • Leiteiro;
  • Operador de mimeógrafo;
  • Acendedor de poste.

Também existem algumas profissões que muito provavelmente estão com os dias contados, como:

  • Caixa de supermercado;
  • Profissional de telecomunicações;
  • Corretor de imóveis;
  • E até mesmo, atendentes de bancos.

Essas profissões deixaram, ou deixarão de existir por conta dos avanços tecnológicos. Se os profissionais dessas áreas não se atualizam, eles acabam ficando sem oportunidades de emprego.

Quando se é profissional, de uma profissão que não existe mais, sua empregabilidade vai a zero. Pois não existem oportunidades de atuação pra você no mercado.

Então, outro ponto importantíssimo na escolha do seu curso, e da sua área de trabalho é saber avaliar quais são as profissões do futuro.

Então, quais são as profissões do futuro?

Atualmente as profissões mais aquecidas no mercado são as áreas de comercial e vendas. Segundo um levantamento realizado pelo InfoJobs, empresa de tecnologia pra recrutamento, mais de 43% das vagas pra cargos de liderança estão nesses nichos.

Além disso, algumas das principais profissões do mercado no momento são:

  • Gerente de marketing de performance;
  • Desenvolvedor back-end;
  • Advogado digital;
  • Employer Brand.

Portanto, se conheça! É preciso ir além do que é ensinado nas escolas, é preciso conhecer de tudo um pouco das habilidades e conhecimentos gerais, além disso, é preciso se conhecer.

O autoconhecimento é, com certeza, o seu maior aliado. Ter noções reais de como você é, como atua, e como o mercado te vê é uma poderosa ferramenta pra te ajudar a desenvolver um plano realista pra ajudar a sua carreira.

Conhecer seus valores, pontos fracos e fortes ajuda a definir metas e monitorar sua carreira. Quando você sabe o que precisa melhorar, consegue trabalhar nos pontos certos que estão te atrasando e te segurando.

Agora você já sabe o que é empregabilidade e como se desenvolver pessoalmente e profissionalmente pra aumentar o interesse de empresas em seu perfil profissional. 

Portanto não perca mais tempo e conheça os cursos da Pós Descomplica e veja como eles podem te ajudar a alcançar ainda mais sucesso!

Comentários

ícone de atenção ao erroícone de atenção ao erroícone de atenção ao erro
Quer receber novidades em primeira mão?
Prontinho! Você receberá novidades na sua caixa de entrada.

Veja também

Separamos alguns conteúdos pra você

logo descomplica