Blog Descomplica

Saiba qual é o salário de um microbiologista, como é a carreira e mais

Você tem curiosidade para saber o salário de microbiologista? Descubra essa e outras informações importantes sobre essa carreira.
porDescomplica| 02/09/2021

Compartilhe

Você está em dúvida sobre o salário de microbiologista? Isso é natural, já que faz todo sentido querer saber se uma possível área de especialização pode render os ganhos que você tanto deseja.

O setor de microbiologia tem como principal foco o estudo de micro-organismos e as interações deles com o nosso organismo e os produtos que consumimos. Então, toda essa abrangência significa um vasto mercado de atuação que fica disponível pra você.

No entanto, como qualquer outra carreira, é uma escolha que deve ter identificação com os seus objetivos profissionais. Ou seja, não basta saber qual é o salário de microbiologista, já que também é fundamental ver como é o curso e onde aparecem as melhores oportunidades.

Quer saber de tudo isso? Então, basta conferir as informações que a gente reuniu neste artigo supercompleto a seguir. Bora lá?

ponta de microscópio biológico

O que é microbiologia?

Microbiologia é a especialização científica focada especificamente em micro-organismos. Os tipos mais conhecidos deles são:

  • bactérias;
  • fungos;
  • vírus;
  • protozoários.

Em um ano incerto do século XVII, os micro-organismos foram descobertos pelos cientistas Robert Hooke e Antoni van Leeuwenhoek. Assim, a forma como encaramos a vida mudou radicalmente.

Esses seres microscópicos podem influenciar diretamente na nossa saúde, exigindo uma boa compreensão de profissionais qualificados a partir de muitos estudos.

Descubra o salário de cada profissão com o Quanto Ganha

Por isso, envolve pesquisas sobre doenças, processos preventivos — como medicamentos, vacinas e soros —, além de contribuir pra expectativa de vida das pessoas.

O trabalho com microbiologia também se relaciona com a fabricação de alimentos, indo desde processos de fermentação até conservação. Por fim, não é uma atividade restrita ao estudo relacionado a seres humanos, já que animais também podem ser atendidos por essa análise.

História da microbiologia

Como área de estudo, a microbiologia existe desde o século XVII. No entanto, em 1546, o médico italiano Girolamo Frascastoro se dedicou ao estudo de doenças contagiosas. Na época, havia a hipótese de que criaturas vivas e “invisíveis” por serem tão pequenas eram responsáveis pelas transmissões.

No entanto, como não havia métodos pra comprovar a hipótese de Girolamo, a ideia não foi pra frente por alguns bons anos. Além disso, nessa época, as doenças eram apontadas como castigos divinos devido à influência da Igreja Católica em vários círculos de pensamento.

No século XVII, o pesquisador inglês Robert Hooke fazia uso do recém-inventado microscópio pra estudar os organismos do tamanho de células. Por conta disso, essa é a fase em que se considera como a origem do estudo de microbiologia.

Ao mesmo tempo, o comerciante holandês Antoni van Leeuwenhoek estabeleceu outra linha importante de estudo a respeito dos micro-organismos. Também usando o microscópio, ele identificou protozoários, bactérias e leveduras em seus materiais.

Foi somente no século XIX que todo esse estudo muito rudimentar foi se consolidar pelas mãos do cientista francês Louis Pasteur.

Dedicado a estudar todas as formas de vida, ele se aprofundou no que hoje se tornou a microbiologia ao comprovar diversas hipóteses sobre micro-organismos de diferentes tipos.

Especializações na área

Existem áreas de estudo ainda mais específicas dentro da área de microbiologia, cada uma atendendo a um tipo diferente de micro-organismo em suas pesquisas. Se você está pensando em seguir carreira nesse segmento, vale a pena se decidir se vale a pena buscar oportunidades nesses setores.

A seguir, conheça quais são as principais áreas de especialização da microbiologia.

Microbiologia médica

A área de microbiologia médica envolve o estudo de micro-organismos e sua influência sobre a saúde das pessoas. Especificamente, é o trabalho relacionado à imunologia pro controle e a prevenção de doenças provocadas por eles.

Microbiologia farmacêutica

Quem trabalha com microbiologia farmacêutica se especializa no estudo de micro-organismos pra produção de medicamentos. Então, é um processo que envolve a compreensão sobre como vírus, bactérias, entre outros, atuam no organismo e de quais formas é possível combatê-los.

Microbiologia de alimentos

Outra possibilidade dentro da microbiologia é a focada em alimentos. Esses profissionais se dedicam a estudar os micro-organismos presentes naquilo que comemos, desde produtos naturais até os industrializados.

Microbiologia ambiental

O microbiologista ambiental se dedica a analisar a formação dos micro-organismos na natureza. Isso envolve o trabalho de estudar como fungos e bactérias agem na decomposição da matéria orgânica e seus demais elementos químicos.

Microbiologia microbiana

Esse exemplo de especialização em microbiologia se refere ao estudo da manipulação genética e molecular dos micro-organismos. Dessa forma, ela pode se relacionar com as demais e ser responsável pela melhor compreensão desses organismos vivos microscópicos.

Formação anterior

Quem entra pra área de microbiologia geralmente já tem uma formação superior em Ciências Biológicas ou Saúde, como:

  • Bioquímica;
  • Medicina;
  • Enfermagem;
  • Odontologia;
  • Fisioterapia;
  • Medicina Veterinária;
  • Ciências Biológicas;
  • Nutrição;
  • Biomedicina.

Um curso como esse também é indicado pra quem é professor de Ciências e Biologia de terceiro e segundo graus com a intenção de se aprofundar mais a respeito do tema de microbiologia.

microbiologista salário - beckers de vidro com líquido azul

Como é um curso de Microbiologia?

Se você tem interesse em trabalhar com microbiologia, então precisa fazer um curso na área. É isso que vai proporcionar a qualificação necessária pra poder exercer as suas atividades e desenvolver a sua carreira.

Um curso como esse é geralmente direcionado pra quem já tem uma formação e atuação na área de saúde ou ciências biológicas. O conteúdo gira em torno do aprofundamento sobre questões relacionadas aos micro-organismos e as formas como eles interagem com o corpo humano e os produtos que consumimos.

Ou seja, é indicado pra quem é médico, biomédico, biólogo, farmacêutico, químico, veterinário ou, até mesmo, engenheiro de alimentos.

Carga horária

Um curso de Microbiologia costuma ter cerca de 400 horas de carga horária. Isso pode se estender por até 2 anos de duração dependendo da frequência das aulas.

Grade curricular

A grade curricular de um curso de microbiologia costuma englobar disciplinas que vão desde o estudo de infecções humanas até biotecnologia.

Por exemplo, o profissional tem contato com a disciplina de Antimicrobianos, que é o estudo dos mecanismos de funcionamento de antibióticos. Outro caso é o dos conceitos de biologia molecular, controle microbiológico, biossegurança, entre vários outros relacionados.

microbiologista salário - pessoa segurando placa de petri

Vale a pena fazer um curso para ser microbiologista?

Como você viu até aqui, seguir carreira em microbiologia permite o contato com uma área de estudos fascinante com várias aplicações diferentes. No entanto, a escolha de uma carreira envolve bastante reflexão pra não fazer uma escolha errada, não é?

Quer uma ajuda nisso? A seguir, a gente separou os principais motivos que mostram como vale a pena fazer um curso pra se tornar microbiologista.

Mercado aquecido

Mesmo antes da pandemia de Covid-19, sempre houve um grande interesse em estender pesquisas relacionadas a bactérias e vírus. Afinal, trata-se de um conhecimento e experiência fundamentais pra manutenção da saúde da sociedade.

Atualmente, o mercado de microbiologia está mais aquecido devido aos eventos recentes. Existe uma valorização elevada devido a cada vez mais empresas enxergarem o potencial de investir em pesquisas nesse sentido.

Diversas áreas de atuação

Quem se torna microbiologista tem um grande leque de possibilidades de profissões pra escolher. Isso é bastante vantajoso, já que contribui pra uma maior gama de oportunidades no mercado.

Por exemplo, você pode escolher trabalhar com pesquisa, fabricação de medicamentos, no tratamento de pacientes, entre várias outras possibilidades. Isso é uma garantia de poder se colocar no mercado de trabalho com facilidade.

Oportunidades de especialização

Você sempre quis ser um profissional de uma área bem específica? Então, uma especialização é a melhor forma de alcançá-la.

Seguir pelo caminho de uma especialização faz com que você possa se valorizar como profissional e conquistar mais oportunidades no mercado. Ao escolher a microbiologia, você poderá imergir ainda mais nesse universo pra abrir o seu olhar pra novas possibilidades.

Realização profissional

Seguir com uma especialização em microbiologia também é um jeito de alcançar a tão sonhada realização profissional. Cada vez mais gente conclui uma graduação sem saber pra aonde ir em seguida a fim de atingir esse objetivo. Não deixe que isso aconteça com você.

Dessa forma, você poderá trabalhar com atividades que tenham total identificação com os seus objetivos de carreira. Ou seja, facilitará em muito a conquista da sua realização profissional dentro da área que você escolheu.

Dinamismo no dia a dia

Tudo muda muito rápido no meio da microbiologia. Afinal, essa é uma área bastante fundamentada em pesquisas e descobertas que podem revolucionar o jeito como cuidamos do corpo e consumimos produtos.

Dessa forma, você contará com bastante dinamismo em seu dia a dia dentro de uma especialização em microbiologia. Além de acompanhar essas movimentações rápidas, você também poderá fazer parte delas com as suas próprias contribuições.

microbiologista salário - microbiologista dentro do laboratório

Onde o microbiologista pode trabalhar?

A melhor forma de ter certeza se determinada área vale a pena é conhecendo os locais onde é possível trabalhar ao se especializar nela. Quando falamos de microbiologia, a ótima notícia é que existe uma variedade de espaços bem diferentes que empregam microbiologistas.

Quer ver? Então confira a seguir quais são os principais lugares onde um microbiologista pode trabalhar e em quais atividades.

Hospitais e clínicas

Microbiologistas da área médica podem trabalhar em unidades de saúde na análise de pacientes e no diagnóstico de quadros clínicos. Afinal, esses trabalhos exigem compreensão aprofundada sobre as ações dos micro-organismos, como é o caso de bactérias e vírus.

Em hospitais e clínicas, também costumam existir alas exclusivas pra microbiologia. Nesse caso, o profissional pode encontrar oportunidades não apenas de realizar atividades sobre as quais é especialista como também exercer cargos de liderança.

Indústrias de alimentos

O setor de alimentos é outro que emprega quem se especializa em microbiologia, sendo um exemplo de área não relacionada a de saúde com demanda pra esse tipo de profissional. Aqui, o trabalho envolve a pesquisa e análise da ação de micro-organismos na fabricação de todo tipo de alimento.

A atuação do microbiologista também envolve demandas de controle de qualidade, indo desde a avaliação de concentrações de micro-organismos até a designação dos níveis seguros de consumo dos produtos.

Laboratórios de análises clínicas

Voltando à área de saúde, outro exemplo de campo de atuação pra quem se especializa em microbiologia é a dos laboratórios de análises clínicas. Ou seja, é a atividade relacionada a receber, analisar e diagnosticar exames de diversos tipos dos pacientes.

Esse trabalho também pode ser realizado em conjunto com hospitais e clínicas pra um acompanhamento integrado de pacientes. Nesse caso, as atividades envolvem interações regulares com médicos e enfermeiros.

Fábricas de cosméticos

Você sabia que o segmento de cosméticos também tem demanda por profissionais especializados em microbiologia?

Assim como ocorre na indústria de alimentos, gente dessa área precisa realizar análises e diagnósticos constantes pra garantir que os produtos fabricados sejam seguros e atendam aos critérios de qualidade.

Além disso, o segmento de microbiologia também permite aprender mais sobre a ação dos produtos na pele e como contribuir pra evolução deles. Assim, é um potencial de inovação muito valioso pra quem tem boas ideias.

Universidades e faculdades

Por fim, há a possibilidade de se tornar alguém da área de microbiologia com foco em pesquisa e estudos. Instituições como universidades e faculdades costumam contar com esses profissionais pra compor times especializados, gerando boas oportunidades pra esse segmento.

Claro, esses espaços também têm demanda por professores habilitados a ensinarem conteúdo referente à microbiologia. A eles fica a missão de formar novos profissionais no mercado, seja como parte integrante de um curso como o de Biomedicina ou no caso de pós-graduações.

microbiologista salário - recipientes na mesa do laboratório

O que é necessário para ser um microbiologista?

A maioria das profissões tem requisitos em relação ao perfil do profissional. Ou seja, são algumas características que tornam muito mais fácil a realização das atividades e costumam contribuir pro acesso a melhores oportunidades. Em outras palavras, você tem que saber se microbiologia é a sua cara.

Pra ter certeza disso, a gente reuniu, a seguir, aquelas que são as principais características desejáveis em um bom microbiologista. Confira!

Interesse por Biologia

Pra começar, o básico é gostar de Biologia. A área de estudo das coisas vivas engloba bastante conhecimento, mas é fundamental pra qualquer tipo de atuação em microbiologia. É por isso que se trata de uma especialização que costuma ser voltada a quem já tem essa graduação.

Só que, mais do que simplesmente ter um diploma, você tem que querer continuar integrando esse segmento. Ou seja, tem que querer respirar Biologia e contribuir pro desenvolvimento dela em suas áreas diversas.

Curiosidade e sede por conhecimento

Por se tratar de uma área em constante desenvolvimento a partir de novos estudos e descobertas, a microbiologia exige profissionais que tenham gosto por respostas. Ou seja, tem que ter curiosidade, querer sempre aprender mais e não se contentar com pouca informação.

Afinal, a evolução de qualquer tipo de atividade em microbiologia envolve o estabelecimento de uma hipótese e os estudos pra corroborá-la. Tudo isso requer um apetite por conhecimento e uma curiosidade que nunca é esvaziada.

Gosto por estudar

Além de ter curiosidade, você também precisa gostar muito de estudar. O microbiologista deve estar sempre acompanhando as últimas descobertas em publicações de diferentes origens, sendo sempre capaz de integrar esse conhecimento com as suas atividades.

Aliás, é muito importante ter facilidade com outros idiomas pra ser possível acompanhar textos estrangeiros sem precisar de tradução. Assim, você consegue sair na frente e implementar toda a inovação necessária pro seu campo.

Habilidades de observação

Quem escolhe a microbiologia como especialização também precisa ser uma pessoa altamente observadora. Afinal, esse trabalho exige bastante da capacidade de acompanhar as interações dos micro-organismos com diversos outros corpos, desde produtos até o organismo humano.

Tal observação envolve a capacidade de identificar tendências e padrões que possam contribuir pros seus estudos. Boa parte do que se sabe a respeito desses seres tão pequenos hoje em dia se deve à observação de especialistas.

Organização e gestão de tempo

Por fim, não podemos deixar de lado a importância de ser uma pessoa bem organizada. Seja em microbiologia ou em qualquer outro mercado, você precisa ter a capacidade de gerir o seu tempo pra que não ocorram falhas nem tropeços que comprometam seus resultados.

Em muitos casos, o trabalho é em equipe. Então, se um elo dessa cadeia falha por conta de problemas de organização, todo o processo é prejudicado.

microbiologista salário - microbiologista olhando pelo microscópio

Qual é o salário de microbiologista e outros profissionais da área?

Outro assunto fundamental pra entender como é a área de microbiologia é o rendimento dela. Afinal, todo mundo quer poder se sustentar a partir do próprio trabalho, de preferência aquela área com a qual sempre sonhou, certo?

Se você tem curiosidade de saber o salário de microbiologista e demais especializações dentro dessa área, então é só ficar de olho nas informações a seguir.

O levantamento dos dados abaixo foi feito a partir das oportunidades publicadas no site Vagas e das pesquisas do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED).

Microbiologista

A média de salário de microbiologista é de R$ 2.912,00. Além disso, é observado um piso salarial de R$ 2.224,00 pra quem está começando na área. Por fim, o teto chega a um total de R$ 4.468,00.

Ainda segundo os dados, a maioria dos profissionais formados em microbiologia têm graduação em Ciências Biológicas.

Imunologista

Quer saber o salário de imunologista? Essa é outra área de atuação próxima a de microbiologista, também tendo o seu próprio plano de carreira e salário.

O salário médio de um imunologista é de R$ 6.648,44. Há bastante variação quando se trata de mínimo e máximo: o piso observado é de R$ 1.376,00, enquanto o teto é de R$ 23.467,49.

Toxologista

Está com curiosidade de saber o salário de toxologista? Essa é uma das especializações dentro da área de Farmácia, tendo também relação com os estudos do segmento de Microbiologia.

A média salarial de toxologista é de R$ 4.342,81. Quem tem senioridade costuma ganhar uma média de R$ 5.901,30 e o piso salarial observado pra quem é toxologista é de R$ 4.054,04.

microbiologista salário - pessoa no notebook

Onde encontrar um bom curso para ser microbiologista?

Já se decidiu a favor de seguir carreira na área de microbiologia? Então, resta buscar a tão importante qualificação pra dar esse passo tão importante pro seu desenvolvimento profissional. Isso significa se matricular em uma instituição de ensino que possa entregar o conhecimento necessário.

A seguir, a gente separou os principais critérios que você deve levar em consideração ao escolher um curso de qualidade pra se tornar microbiologista.

Currículo dos professores

A qualificação em microbiologia que você tanto sonha depende bastante do currículo dos professores que fazem parte do curso. Afinal, é por meio da vivência e do estudo deles que você poderá ter contato com o conteúdo essencial da sua área de atuação.

Então, antes de decidir por um curso de microbiologia, faça uma pesquisa a respeito do currículo dos professores que compõem o corpo docente. Isso envolve buscar os nomes de quem leciona cada disciplina e se aprofundar em suas qualificações.

Disponibilidade do curso

Um dos fatores que você precisa considerar é o método de disponibilização do conteúdo do curso. Por exemplo, se ele é realizado presencialmente e com qual frequência.

Felizmente, existem muitos cursos de graduação e especialização a distância. Isso significa que você pode consumir o conteúdo das aulas no seu próprio ritmo, sempre encaixando o material quando a sua rotina permite.

Validade do certificado

Por fim, a sua formação em microbiologia somente será válida se o seu certificado tiver reconhecimento pelo MEC. Esse é um critério fundamental pra você poder exercer a profissão sem contratempos, então vale a pena gastar um tempinho a mais de pesquisa pra ter certeza.

O reconhecimento pelo MEC é o que atesta a qualidade da instituição de ensino e a sua seriedade no campo da Educação. Esse é um recurso que ajuda a proteger você de se enganar e restringir seu campo de atuação na área.

A escolha por uma especialização deve envolver a análise cuidadosa de uma série de critérios, indo desde a sua identificação com a área até a rentabilidade dela. Então, é natural ter curiosidade pra saber o salário de microbiologista e suas demais profissões relacionadas.

Agora que você já tem essa e várias informações muito importantes, já tem tudo o que precisa pra tomar uma decisão a respeito da sua carreira. Se você se enxerga seguindo pelo caminho da microbiologia, então aproveite pra buscar pela qualificação certa pra aproveitar as melhores oportunidades.

Quer uma dica? A Pós Descomplica tem a especialização em Microbiologia Avançada disponível pra você. Acesse o site e confira as informações mais importantes sobre o curso.

Comentários

ícone de atenção ao erroícone de atenção ao erroícone de atenção ao erro
Quer receber novidades em primeira mão?
Prontinho! Você receberá novidades na sua caixa de entrada.

Veja também

Separamos alguns conteúdos pra você

logo descomplica