O Gabarito Enem Extraoficial do Descomplica 2022 está quase no ar

Imagem de estudante sorrindo lendo um artigo
Enquanto isso cadastre-se e receba de graça o Resumão de Atualidades!

Preencha o formulário para receber seu e-book de atualidades do semestre

Novas funcionalidades

Conheça o nosso diferencial

Usabilidade

Use o teclado para navegar

Para facilitar o uso, o Gabarito Enem conta agora com recursos de navegação e seleção no teclado.

Imagem exemplo da página de cartão resposta
Comparativo de notas

Compare com os anos anteriores

Depois da simulação da nota, no Simulador Descomplica é possível conferir se a sua performance foi melhor ou pior do que a média dos anos anteriores.

Imagem exemplo da página de resultados
Estrela Decorativa
Sistema de Seleção Unificada

Simule seu resultado no SiSU

Depois de ver sua performance no Enem, é possível fazer uma simulação de notas no simulador SiSU. Com o resultado, você consegue saber em quais faculdades tem chances de passar.

Imagem exemplo da página do Simulador SISU
Como funciona

Aprenda a usar o simulador

Nosso simulador de notas é muito preciso, com grau de acerto de 92%. Portanto, as chances de você saber quanto realmente tirou no Enem são bem grandes. Além disso, é possível comparar suas notas com os anos anteriores, tudo de um jeito simples e intuitivo.

gif do preenchimento do gabarito
01

Passo numero 1

Selecione o dia da sua prova
02

Passo numero 2

Escolha a língua estrangeira
03

Passo numero 3

Indique a cor de sua prova
04

Passo numero 4

Preencha suas respostas
Foto de professores sorrindo
Nossa Correção

Saiba porque nossa correção dá aulas

Após a prova, nossos professores se reúnem em uma live para corrigir as questões em tempo real e, em seguida, elas ficam salvas no Gabaquest, caso queira conferir depois.

Ver questões dos anos anteriores

Perguntas Frequentes

O gabarito do Enem é a divulgação dos resultados do exame, com as respostas corretas das questões aplicadas nos dias de prova. Em geral, o gabarito é liberado pelo Inep alguns dias após a realização do segundo dia de exame, tanto na versão digital quanto na impressa.

O gabarito oficial do Enem inclui a divulgação de possíveis questões anuladas para que o candidato calcule a sua nota e veja se tem chances de conseguir uma vaga no SiSU, por exemplo.

Muitos alunos ficam ansiosos esperando a divulgação do gabarito Enem e, por isso, recorrem ao gabarito extraoficial do Enem, liberado pelo Descomplica horas após o exame. Além de ter alto índice de precisão, o gabarito extraoficial ainda permite comparar sua nota com edições anteriores e calcular a sua nota no simulador SiSU. Vale a pena conhecê-lo!

Sabe quando você termina o Enem e fica naquela ansiedade pra saber logo a nota? Com o gabarito extraoficial do Enem, é possível!

Desenvolvido por nossos especialistas, o gabarito extraoficial do Enem tem 92% de confiabilidade da nota, já que utiliza o mesmo sistema de correção utilizado pelo Ministério da Educação, chegando muito perto da nota oficial divulgada no SiSU.

Além disso, o gabarito extraoficial do Enem Descomplica tem alta confiabilidade! Isso porque nossos professores resolvem o Enem para que você conheça a sua nota rapidinho!

Fácil de usar, o gabarito extraoficial do Enem é disponibilizado logo após a prova e permite, ainda, comparar a sua nota com anos anteriores e simular a sua nota no SiSU. Bom demais!

O Exame Nacional do Ensino Médio - Enem 2022 será aplicado nos dias 13 e 20 de novembro nas versões impressa e digital.

Os estudantes poderão fazer a inscrição na página do participante entre os dias 10 e 21 de maio.

O Enem Digital 2022, que representa a terceira edição da modalidade online da prova, será aplicado no mesmo dia que o Enem impresso. A diferença é que, para fazer a prova, será necessário um computador, oferecido pela instituição de ensino na qual o exame será realizado.

Entre os anos de 2022 e 2025, o Enem Digital será aprimorado e avaliado pelo Inep, que tem o objetivo de transformar, até 2026, toda a aplicação de provas do Enem em digital.

O Enem Digital 2022 tem o mesmo formato que a prova tradicional. Entretanto, o exame é realizado em computadores, instalados em locais de prova determinados pelo Inep. Sua composição segue a mesma: 180 questões objetivas e uma redação. As questões objetivas são feitas no computador e a redação escrita à mão.

A nota do Enem é bastante valiosa, sabia? Com ela, você tem diversas possibilidades para estudar e conseguir bolsas de estudo. Universidades do Brasil e também do exterior aceitam a nota do Enem para que o candidato entre em um curso.

Além de poder estudar nas mais prestigiadas instituições de Ensino Superior do Brasil (universidades federais, estaduais e municipais, além dos institutos federais de educação, ciência e tecnologia), a nota do Enem 2022 dá a possibilidade de tentar bolsas pelo SiSu, ProUni e FIES, que são os principais programas de estudos do Governo.

Todos os anos, o Sisu distribui mais de duzentas mil vagas em cursos de todas as áreas do conhecimento. Recentemente, também incluiu cursos a distância. Quem não conseguir entrar no SiSu com a nota do Enem pode tentar uma bolsa de estudos bancada pelo Governo Federal usando o ProUni, que oferece mais de 250 mil bolsas por ano.

Outra alternativa para usar a nota do Enem é o Fies, que financia estudos universitários a juros baixos e só cobra as parcelas da dívida depois que o participante se forma. A seleção é feita principalmente pela nota do Enem, então, é importante caprichar no exame.

Se quiser estudar no exterior, a nota do Enem também já é aceita em faculdades portuguesas, por exemplo. Mais de 40 delas consideram o resultado no exame!

Logo depois da realização do Enem 2021, o Descomplica já liberou o gabarito extraoficial para os candidatos matarem a curiosidade a conhecerem as suas notas!

Para acessar o gabarito extraoficial Enem 2021, o candidato precisava informar a língua estrangeira que tinha escolhido e a cor de sua prova. Então, ele preenchia suas respostas e conferia os resultados, elaborados por nosso time de especialistas e seguindo o padrão de correção do Ministério da Saúde, que usa a Teoria TRI.

O resultado foi 96,7% de precisão nas respostas, com alta confiabilidade da nota dos candidatos do Enem, que já ficaram sabendo logo de cara se tinham condições de entrar em um curso disputado ou, ainda, calcular sua nota do SiSU em nosso em nosso simulador.

Quer ver suas notas antigas do Enem? É fácil, mas é importante conhecer o ano de participação para descobrir a melhor forma de fazer isso. O boletim do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) funciona assim:

Para quem fez o Enem de 2001 até 2008, o acesso é pelo site do Enem.

Já para os anos de 2009 a 2014, a consulta do Enem pode ser feita na antiga versão do site do Inep.

As notas do Enem 2015 até os dias de hoje estão na Página do Participante atual, disponibilizada no site do Inep.

Ao entrar nesses sites, você tem orientações sobre como recuperar a senha da Página do Participante do Enem, caso você não se lembre mais da sua.

Depois de acessar o gabarito do Enem, é hora de calcular a nota para saber se você conseguirá uma vaga em um programa do Governo ou estará apto para estudar na faculdade que deseja.

Antes de mais nada, é importante saber que a média do Enem pode ser calculada de duas formas: média simples ou por peso.

Para calcular a nota do Enem usando a média simples, é preciso apenas somar suas cinco notas (Ciências da Natureza, Ciências Humanas, Linguagens e Códigos, Matemática e Redação) e dividir o valor por cinco.

Na média por peso, é preciso descobrir qual peso a instituição de ensino dá para cada nota do Enem (peso 1, peso 2 e peso 3). Depois, é só multiplicar cada nota pelo peso atribuído pela universidade (por exemplo, se a instituição deu peso 3 para a redação, você irá multiplicar a sua nota da redação por 3).

Depois de multiplicar todas as notas por seus respectivos pesos, você soma todos os resultados e divide esse valor pela soma dos valores dos pesos.

Quer deixar tudo mais fácil? Que tal usar o simulador SiSU do Descomplica? Nele, você pode simular a sua nota e conferir em qual faculdade tem chances de estudar!

A correção da prova do Enem, que é realizada em dois dias, não leva em conta apenas o número de questões corretas, mas também a coerência das respostas do candidato ao conjunto de questões que integram o exame. Para isso, é usada a TRI (Teoria de Resposta ao Item), que estima a dificuldade das questões e avalia o conhecimento dos participantes.

Dessa forma, é comum que estudantes com o mesmo número de acertos da prova tenham notas diferentes. Isso porque é esperado que o candidato acerte questões muito difíceis e acerte também as muito fáceis. Se isso não acontecer, o sistema pode entender que ele chutou a questão e, por isso, dará menos pontos a essa questão na comparação com candidatos que tenham mantido certa coerência esperada.

Outra característica da TRI é não ter um limite inferior ou superior padrão entre as áreas de conhecimento. Isso significa que as proficiências dos participantes não variam entre zero e mil. Os valores máximos e mínimos de cada prova dependerão das características dos itens selecionados.

Já a redação do Enem pode, sim, ter valor 1.000. No momento de corrigi-la, cada corretor precisa analisar a sua redação de acordo com cinco critérios: modalidade escrita, tema e tipo de texto, coerência textual, coesão textual e propostas de intervenção.

Cada uma dessas cinco competências recebe uma nota entre zero e 200 pontos, que somam 1.000 pontos.

Candidatos isentos de taxa de inscrição do Enem e que não compareceram à prova precisam justificar sua ausência para solicitar novamente a isenção no ano seguinte.

A justificativa deve ser feita na mesma página em que são feitos os pedidos de isenção do Enem, na Página do Participante. Ao entrar lá, o estudante deve fazer o seguinte:

  • Informar CPF, data de nascimento e marcar a figura de segurança solicitada para acessar a área de validação de informações;
  • Confira se você possui os documentos necessários para justificar a ausência e, se a resposta for sim, clique em "Li e concordo" para continuar;
  • Informe o motivo da ausência. Cada opção de justificativa conta com a documentação necessária descrita na própria página;
  • Caso não tenha justificativa, assinale a opção "Não tenho justificativa para comprovar minha ausência" e clique em Continuar;

Faça o upload da documentação nos formatos PDF, PNG ou JPG, com tamanho máximo de 2MB.

Os motivos para justificar a ausência no Enem incluem:

  • Acidente de Trânsito;
  • Assalto ou furto;
  • Casamento;
  • Morte na família;
  • Acompanhamento de cônjuge;
  • Saúde ou emergência médica;
  • Maternidade;
  • Paternidade;
  • Privação de liberdade (prisão);
  • Trabalho;
  • Intercâmbio acadêmico;
  • Atividade curricular.
Foto do aluno orador com estrelas ilustrativas ao lado

Aprendi tantas lições no GEP que nunca aprendi na escola

"A importância de manter uma rotina e criar um cronograma que possa de fato fazer com que o meu estudo seja produtivo."

Jenyfer LopesAluna Descomplica

Foto de professores sorrindo

Ainda está com dúvidas?

Gabarito Enem 2022 extraoficial

O Enem é uma prova usada para avaliar o desempenho de estudantes que já passaram pelo Ensino Médio e é o principal método de seleção para universidades em todo o Brasil. A edição 2022 será a segunda realizada nos formatos impresso e digital.


O exame é composto por quatro provas objetivas, com 45 questões cada, e uma redação. As provas são estruturadas em quatro matrizes de referência, uma para cada área de conhecimento, com a redação revelada apenas no dia da prova. A previsão é que em 2026 todos os participantes do exame façam a prova apenas na modalidade digital.


O Gabarito Enem do Descomplica vai te ajudar a antecipar quais foram os seus erros e acertos no teste. Com o nosso simulador, você vai poder avaliar qual a média aproximada da sua nota. Fique atento às instruções de visualização e uso do nosso gabarito e boa sorte. Estamos torcendo por você!