Quer ficar por dentro das novas questões do Enem?

Cadastre-se e receba um aviso sempre que novas questões estiverem disponíveis!

Questão 47

As estatísticas mais recentes do Brasil rural revelam um paradoxo que interessa a toda sociedade: o emprego de natureza agrícola definha em praticamente todo o país, mas a população residente no campo voltou a crescer; ou pelo menos parou de cair. Esses sinais trocados sugerem que a dinâmica agrícola, embora fundamental, já não determina sozinha os rumos da demografia no campo. Esse novo cenário é explicado em parte pelo incremento do emprego não agrícola no campo. Ao mesmo tempo, aumentou a massa de desempregados, inativos e aposentados que mantêm residência rural.

SILVA, J.G. Velhos e novos mitos do rural brasileiro. Estudos Avançados, n. 43, dez. 2001.

Sobre o espaço brasileiro, o texto apresenta argumentos que refletem a

  1. heterogeneidade do modo de vida agrário.
  2. redução do fluxo populacional nas cidades.
  3. correlação entre força de trabalho e migração sazonal.
  4. indissociabilidade entre local de moradia e acesso à renda.
  5. desregulamentação das propriedades nas zonas de fronteira.

Comentário da questão

O texto se refere a questão das novas ruralidades, das novas práticas do campo moderno, que por um lado exigem menos mão de obra, o que pode gerar desemprego no campo, ao mesmo tempo que se observa um fluxo de pessoas para essa região exercendo novas atividades econômicas, como ecoturismo, hotel fazenda entre outras. Assim, a heterogeneidade do modo de vida no campo marca esses sinais trocados. 

Equipe Descomplica
A melhor equipe de professores do Brasil ;)

Gabarito da questão

Opção A

Questões correspondentes

86 69 73 0

Assunto