Questão 68

Será que as coisas pareceriam diferentes se, de fato, todas elas existissem apenas na sua mente — se tudo o que você julgasse ser o mundo externo real fosse apenas um sonho ou alucinação gigante, de que você jamais fosse despertar? Se assim fosse, então é claro que você nunca poderia despertar, como faz quando sonha, pois significaria que não há mundo “real” no qual despertar. Logo, não seria exatamente igual a um sonho ou alucinação normal.

NAGEL, T. Uma breve introdução à filosofia. São Paulo: Martins Fontes, 2011.

O texto confere visibilidade a uma doutrina filosófica contemporânea conhecida como:

  1. Personalismo, que vincula a realidade circundante aos domínios do pessoal.
  2. Falsificacionismo, que estabelece ciclos de problemas para refutar a conjectura.
  3. Falibilismo, que rejeita mecanismos mentais para sustentar uma crença inequívoca.
  4. Idealismo, que nega a existência de objetivos independentemente do trabalho cognoscente.
  5. Solipsismo, que reconhece limitações cognitivas para compreender uma experiência compartilhada.

Comentário da questão

O Solipsismo é uma proposição que deriva do cogito ergo sum de Descartes sim. MAS, Descartes não parou nessa proposição, ele se afastou da crença de que só existem, efetivamente, o eu e as sensações desse eu. Ele afirma que o mundo ao nosso redor existe para além de nossas sensações (res extensa) a partir da noção de que Deus (res divina) existe e é uma substância perfeita e boa, não permitindo que nos enganemos sobre as substâncias ao nosso redor. O solipsismo é um tipo de ceticismo e Descartes não corrobora com essa corrente.

Equipe Descomplica
A melhor equipe de professores do Brasil ;)

Gabarito da questão

Opção E

Questões correspondentes

55 58 79 0

Assunto