Simple Past para iniciantes: definição e exercícios

Aprenda as regras e aplicações do Simple Past para não errar mais!

O simple past é o que chamamos de Passado Simples. Em português, é o nosso pretérito perfeito e retrata fatos que aconteceram num passado e que não voltam a acontecer no presente.

Assim como os demais tempos verbais que estudamos aqui, a estrutura do simple past é essencial para identificarmos num texto qual tempo verbal está sendo utilizado. E isso é muito importante para analisarmos questões de interpretação no vestibular.

1. Conjugação do Simple Past

Um ponto super importante do simple past é o fato do verbo não se conjugar diferente em nenhuma pessoa, ou seja, ele vai ser exatamente igual em todas os pronomes (isso mesmo!!! Sem diferença com o she, he e it). Que delícia né?

1.1. Afirmativa

A principal característica do Simple Past na afirmativa é a terminação -ed no verbo. Basicamente você precisa repetir o verbo no infinitivo (sem o “to”) e acrescentar o -ed no final.

Seguindo o mesmo exemplo que usamos no Simple Present, vamos ver como fica o verbo “to work” no passado

verbo “to work” no passado

No entanto, existem algumas regrinhas para o acréscimo do -ed nos verbos. Não se desespera que vamos descomplicar tudo pra vocês. Se liga:

  • Verbos terminados em -e vão receber apenas o -d no final do verbo. Exemplos:
    • to live: He lived in Nova York.
    • to like: Jéssica liked that boy when they’re young.
    • to arrive: She arrived early this morning.
  • Quando o verbo terminar em -y logo depois de uma consoante, vamos trocar o “y” pela letrinha “i” e acrescentar -ed no final da palavra. Por exemplo: Try. O -y desse verbo vêm logo após a letra “r”, que é uma consoante, certo? Dessa forma quando conjugamos o verbo na terceira pessoa, o “try” vira “tried”. Na frase, temos: She tried to do a good work.

  • Palavras que possuem uma sílaba ou terminam em sílaba tônica com a formação de uma consoante + vogal + consoante (por exemplo, o verbo “stop”) vão ter a duplicação da última letra e o acréscimo do -ed.

Exemplo She stopped her car across the street.

Importante!!!

  • Se terminar em consoante+vogal+consoante e a última sílaba NÃO for a tônica, a regrinha de duplicar a letra não se aplica ok? Exemplo: listen - listened
  • Da mesma forma com o “y”, se ele for precedido de vogal, não vai haver a troca do “y” por “i”. Exemplo: play - played
  • advérbios que mais aparecem: yesterday, yesterday morning, last week, last month, last night, the day before yesterday, etc.
  • Temos verbos irregulares em inglês, como já vimos em outros posts aqui do blog. Esses verbos fogem a todas as regras e ganham formas completamente novas no simple past. Lá no final vocês vão ver a lista com os principais deles!

1.2. Interrogativa

Quando formamos frases interrogativas em inglês, o verbo necessariamente tem de vir para a frente do sujeito. Vimos isso quando falamos sobre o verbo to be, lembram?

Se no Simple Present usávamos o verbo auxiliar do para formar frases interrogativas e negativas, no Simple past também usaremos, a diferença é que esse verbo é um dos verbos irregulares e, por conta disso, temos a conjugação dele como did no passado. Como o verbo auxiliar vai receber a conjugação devida, o nosso verbo principal segue no infinitivo (sem o “to”!!).

Se liga só:

verbo “to work” no passado

1.2. Negativa

Quando formamos frases negativas em inglês, temos o acréscimo do not. Vimos isso também quando falamos sobre o verbo to be.

Na estrutura Negativa também precisaremos do verbo auxiliar do, que no passado já vimos ser did. Seguindo a mesma construção da interrogativa, mas agora sem a necessidade do verbo auxiliar vir antes do sujeito.

Observe:

verbo “to work” no passado

Importante!

Não podemos esquecer que tanto na interrogativa quanto na negativa o uso do verbo auxiliar faz com que todos os verbos que o acompanham sejam colocados na forma infinitiva sem o to!

1.3. Verbos irregulares

Em inglês temos alguns verbos irregulares que ganham formas completamente novas no Simple Present. A regra de conjugação permanece a mesma na afirmativa, interrogativa e negativa, ou seja, o verbo é o mesmo em todas as pessoas da afirmativa e recebe o auxiliar did nas demais, sendo apresentado no infinitivo sem o to para a formação da estrutura.

Abaixo segue a lista com os principais verbos irregulares:

verbo “to work” no passadoverbo “to work” no passadoverbo “to work” no passado

Fonte: Só Língua Inglesa. (adaptado)

👉 Continue estudando Inglês com o Descomplica

2. Simple Past: exercícios

Vamos ver se você aprendeu direitinho? Dá uma olhada nesses três exercícios de fixação:

  1. (PUC – SP) Last Christmas he a lot.

a) ate b) eats c) is eating d) eat

  1. (Faculdade de Direito de Curitiba) – Tell alternative that contains answer to: Did she eat all those plants last night?

a) Yes, she eats all those plants last night. b) Yes, she ate all those plants last night. c) Yes, she eaten all those plants last night d) Yes, she eat all those plants last night. e) Yes, she eaten all those plants last night.

  1. List item

(PUC – PR) Fill in the blanks with the correct alternative:

Where _ they _ ?

a) Go – Did b) Did – Went c) Do – Did d) Did – Did e) Did – Go

GABARITO

  1. a
  2. b
  3. e

A maior sala de aula direto da sua casa!Junte-se aos 230 mil alunos que descobriram como melhorar os resultados estudando online!

👉 Clique aqui e saiba como!

Aprenda as regras e aplicações do Simple Past para não errar mais!
Aprenda as regras e aplicações do Simple Past para não errar mais!
Continue estudando
Post do blog

Verbo to be: conjugação e exercícios (BÁSICO)

Aprenda a conjugar o verbo to be e a resolver exercícios básicos com essa temática.
artigo
Post do blog

Como usar o Present Perfect: exercícios e mapa mental

Dicas para o uso e exercícios para praticar!
artigo