Exclusivo para alunos

Bem-vindo ao Descomplica

Quer assistir este, e todo conteúdo do Descomplica para se preparar para o Enem e outros vestibulares?

Saber mais

Classificação de lentes em Bordas Finas e Bordas Grossas

Introdução à classificação das lentes delgadas em convergentes e divergentes e suas subclassificações em bordas finas e bordas grossas.

Pontos principais das lentes convergentes e divergentes

Raios Particulares das lentes convergentes e divergentes

Formação de imagens em lentes convergentes

Continuação de formação de imagens em lentes convergentes

Formação de imagem nas lentes divergentes

Equação de Gauss e aumento linear

Óptica da Visão

Questão de lentes do CESGRANRIO

Exercício de bordas finas e bordas grossas

Questão de lentes da PUC

Questão de Lentes da UFRJ

Exercício de formação de imagem

Questão de Lentes da FUVEST

Lentes

São formadas por calotas transparentes com um índice de refração diferente do meio onde estão inseridas.

Representação

Normalmente, em questões, as lentes são representadas das seguintes formas:

A configuração da lente pode gerar dois tipos de comportamentos para nossa lente e são esses comportamentos que vamos focar.

Comportamento: o comportamento de uma lente pode ser de convergência de raios ou divergência de raios. Por conta disso, podemos chamar a lente de convergente ou divergente. Esse comportamento está relacionado com o índice de refração do meio e da lente, além do formato da lente.

Caso mais comum: lente de vidro imersa no ar. Índice de refração da lente é maior do que o do meio:

  • Lente biconvexa (bordas finas): comportamento convergente
  • Lente bicôncava (bordas grossas): comportamento divergente

Caso incomum: lente oca com ar imersa na água. Índice de refração da lente é menor do que o do meio:

  • Lente biconvexa (bordas finas): comportamento divergente
  • Lente bicôncava (bordas grossas): comportamento convergente

Raios Principais nas lentes

  • O raio luminoso que incide paralelamente ao eixo principal é refratado pelo foco (vice versa).
  • O raio luminoso que incide na centro óptico não muda de trajetória.

As lentes convergentes formam imagens com iguais classificações que os espelhos côncavos.

Quando o objeto encontra-se entre o foco e a lente a imagem é virtual, direita e maior.

As lentes divergentes formam imagens com iguais classificações que os espelhos convexos.

A imagem formada na lente divergente é virtual, direita e menor.