Como funciona o sistema nervoso?

Como funciona o sistema nervoso?
Como funciona o sistema nervoso?

Diversas funções são realizadas nos animais. Isso se deve ao envio e recepção de diversas mensagens que atigem diferentes órgãos e sistemas que os organismos possam ter. Nesse caso, podemos observar  dois tipos de controles para que os animais possam ter a sua fisiologia funcionando: há o controle hormonal, realizado exclusivamente por substâncias químicas que são lançadas na corrente sanguínea até chegar às suas células alvo, e o controle nervoso, onde parte da mensagem encaminhada e transmitida é química e parte é elétrica. Neste resumo, você verá como funciona o sistema nervoso, que pode ser dividido em Sistema Nervoso Central e Sistema Nervoso Periférico, além de ver como o controle ocorre através do impulso nervoso.

Sistema Nervoso Central (SNC)

Este compreende o encéfalo e a medula espinhal, no caso dos vertebrados, que realizam em geral os controles do corpo, como os 5 sentidos e o controle motor. Esta parte do sistema nervoso é protegida pelo crânio e pelas vértebras. A parte mais interna é mais clara, chamada substância branca, formada pelos axônios recobertos de mielina, material lipoproteico que envolve as fibras e aumenta a velocidade de transmissão dos impulsos nervosos. Na região mais externa é mais escura, também conhecida como substância cinzenta, que forma o envoltório ou córtex cerebral.

Sistema Nervoso Central (SNC)
Sistema Nervoso Central (SNC)

Sistema Nervoso Periférico (SNP)

Esta parte do sistema nervoso não está incluso no sistema nervoso central, mas ao final envia mensagens ao SNC. Ele compreende os nervos, gânglios nervosos e órgãos terminais, como os nervos sensitivos, nervos motores e nervos mistos. Os nervos sensitivos recebem o estímulo de órgãos sensitivos e levam o impulso nervoso ao SNC. Já os nervos motores recebem a mensagem do SNC os levam à uma glândula ou músculo. Os nervos mistos realizam ambas as funções citadas acima.

Visão separada do sistema nervoso central e periférico
Visão separada do sistema nervoso central e periférico

Impulso Nervoso

Os neurônios são células nervosas que realizam a propagação do impulso nervoso. Eles possuem os dendritos (que recebem a mensagem química de outro neurônio), o corpo celular (região que propaga a mensagem química recebida até o axônio), o axônio (que realizará a passagem da mensagem química) e os telodendros (que emitirão a mensagem química a outros neurônios). Veja um esquema do neurônio abaixo:

Neurônio: a célula nervosa
Neurônio: a célula nervosa

O impulso nervoso tem um sentido específico: vai dos dendritos, passa pelo corpo celular e chega ao axônio, terminando no telodendro. A comunicação entre neurônios ocorre através da passagem de substâncias químicas conhecidas como neurotransmissores, que atravessam a fenda sináptica (entre os telodendros de um neurônio e os axônios de outro).

Detalhes da sinapse
Detalhes da sinapse

Depois que um neurônio passa os neurotransmissores para o outro e a mensagem química percorre o corpo celular, chega a vez da transmissão através dos axônios, que, como dita anteriormente, é elétrica. Quando em repouso, o axônio está positivo fora, devido a uma maior quantidade de Na+ fora e negativo na região interior, devido a uma maior quantidade de K+ dentro. Essas diferenças de concentração devem-se à bomba de sódio e potássio, que, por transporte ativo e consequente gasto de energia, mantém essa diferença de concentração destes íons.

Axônios em repouso
Axônios em repouso

Quando ocorre o estímulo, essa polaridade se inverte pela entrada de sódio no axônio e saída de potássio no mesmo. Neste caso, dizemos que a membrana do neurônio (ou melhor falando, do axônio) está despolarizada. Nesse momento, esta célula não emite mais estímulos. Entretanto, para que ela volte a funcionar e consequentemente enviar mensagens, ela é repolarizada pela entrada dos íos K+ e saída dos íos Na+, tornando-a positiva do lado de fora e negativa do lado de dentro.

E aí, fixou o assunto para o vestibular? Você pode ver como o jogo Mario Kart te ajuda a entender o Sistema Nervoso, revisar os principais conceitos com um mapa mental incrível etambém resolver os exercícios abaixo para testar os seus conhecimentos!

Exercícios sobre sistema nervoso

1.  (FaZU-2001) A região de encontro entre os neurônios e entre neurônios e órgãos, onde ocorre a transmissão química de impulsos elétricos, é denominada:

a) desmossomos
b) axônio
c) neuroglia
d) bainha de mielina
e) sinapse

2.(Mack-2008) Algumas drogas utilizadas no tratamento de alguns tipos de depressão agem impedindo a recaptação do neurotransmissor serotonina, no sistema nervoso central. Assinale a alternativa correta:

a) Neurotransmissores são substâncias que agem no citoplasma do corpo celular dos neurônios, provocando o surgimento de um impulso nervoso.
b) Numa sinapse, os neurotransmissores são liberados a partir de vesículas existentes nos dendritos.
c) Após sua liberação, o neurotransmissor provoca um potencial de ação na membrana pós-sináptica e é recaptado pelo neurônio pré-sináptico.
d) Somente as sinapses entre dois neurônios utilizam neurotransmissores como mediadores.
e) Neurotransmissores diferentes são capazes de provocar potenciais de ação de intensidades diferentes.

VEJA COMO RESOLVER ESTA QUESTÃO PASSO-A-PASSO!

3. (Fuvest-2004) O esquema representa dois neurônios contíguos (I e II), no corpo de um animal, e sua posição em relação a duas estruturas corporais identificadas por X e Y.

a) Tomando-se as estruturas X e Y como referência, em que sentido se propagam os impulsos nervosos através dos neurônios I e II?
b) Considerando-se que, na sinapse mostrada, não há contato físico entre os dois neurônios, o que permite a transmissão do impulso nervoso entre eles?
c) Explique o mecanismo que garante a transmissão unidirecional do impulso nervoso na sinapse.

VEJA COMO RESOLVER ESTA QUESTÃO PASSO-A-PASSO!

Gabarito

1. E

2. A

3.  a) Os impulsos se propagam de Y para X.

b) A transmissão do impulso nervoso ocorre, na sinapse, graças à liberação de mediadores químicos (neurotransmissores) pelas terminações do axônio do neurônio II. Essas substâncias atuam nos dendritos (e não “dentritos”, como está na figura) do neurônio I.

c) A transmissão unidirecional na sinapse é garantida pelo fato de que as vesículas com neurotransmissores existem apenas nas terminações do axônio pré-sináptico.

Continue estudando
artigo
Post do blog

Mapa Mental: Tecido e Sistema Nervoso

Que tal se preparar para o vestibular? Confira esse mapa mental sobre Tecido e Sistema Nervoso:
artigo
Post do blog

Quais as principais características do tecido nervoso?

Além de conhecer as funções do Sistema Nervoso, é importante conhecer o tecido nervoso, que o compõe. Aprenda tudo sobre o assunto com este resumo completo!