• Aumentar Fonte
  • Diminuir Fonte
  • Trocar contraste

4 verdades e mentiras sobre o Enem 2018

Maria Inês Fini, presidente do Inep, na divulgação do edital do Enem 2018. Fonte: EBC

O Enem 2018 tá chegando! Acreditamos que você, como ótimo vestibulando que é, já deve estar a mil na preparação para a prova. Se esse não for o caso, não tem problema! Ainda dá tempo de começar a estudar e mandar super bem! Então, chega mais: o edital da edição deste ano trouxe algumas novidades. Começaram a falar muita coisa sobre as mudanças no Enem. Mas será que tudo isso que falam é verdade? Vem com a gente descobrir?

COMECE A SE PREPARAR PARA O ENEM AGORA MESMO!

Este ano o Enem estará mais difícil?

Mentira! Os representantes do Inep já declararam à imprensa que o Enem 2018 não será mais difícil que as outras edições do exame. Caso você não saiba, “Inep” é uma sigla para Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira – este é o órgão vinculado ao Ministério da Educação responsável pela logística e organização do exame.

Provavelmente esse boato começou a circular por causa de uma novidade no Enem 2018: o dia das provas de Ciências da Natureza e Matemática terá 30 minutos a mais de duração. O antigo Ministro da Educação, Mendonça Filho, afirmou que essa mudança foi feita por conta dos pedidos dos candidatos. Ainda assim, o nível de dificuldade das questões permanece o mesmo, pode ficar tranquilo! 😉

A prova é aplicada em dois domingos?

Verdade! Desde 2017, o Enem é aplicado em dois domingos consecutivos. O Inep optou por fazer essa mudança por conta dos sabatistas. Estes candidatos resguardam o sábado por motivos religiosos e só podiam começar a prova depois do pôr do sol do primeiro dia de provas. No final, a prova era feita toda na parte da noite! Pesado, né? Agora estes participantes conseguem fazer a prova descansados e com mais calma.

Consigo o certificado do Ensino Médio fazendo o Enem?

Mentira! De fato, a função de certificar para o Ensino Médio foi conferida ao Enem durante alguns anos. Porém, em 2017, isso mudou. Agora o exame responsável por essa função é o Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos, também conhecido como Encceja. A prova também certifica para o Ensino Fundamental, além de ser voluntária e gratuita. 💰

O Enem pede leituras obrigatórias

Mentira! Enem não cobra, nem nunca cobrou, nenhuma lista de leituras obrigatórias para suas provas! O que acontece é que, nas questões de Literatura, alguns autores caem com mais frequência. Toda banca tem aqueles assuntos queridinhos, né? É assim com todo vestibular e não poderia ser diferente com o Enem! Fizemos esse levantamento dos três autores brasileiros que aparecem recorrentemente no exame e você pode conferir essa galerinha aqui.  👍

Ficou tudo mais claro agora, né? Fique tranquilo, as mudanças no Enem não foram feitas para te prejudicar. E foram bem pouquinhas, fala  aí, vai! Se você ainda tiver alguma dúvida, destrinchamos o edital inteiro para você se sentir mais seguro. Siga firme com o seu estudo que estamos aqui para o que você precisar! Vamos juntos nessa corrida pela vaga na universidade?