Quer receber materiais gratuitos e conteúdos exclusivos? 😉

Insira seu e-mail e receba todas as novidades sobre o Enem 2019 em primeira mão

O que não fazer se você vai prestar Medicina

Fique de olho em atitudes que podem ser obstáculos no caminho até a aprovação e saiba tudo sobre medicina!

Existem mil e uma listas pela internet com tudo sobre medicina que você deve saber para o Enem. É claro que é importante seguir alguns passos para mandar bem na prova e conquistar a tão sonhada aprovação. Mas, no caminho até lá existem alguns pontos que podem mais atrapalhar do que ajudar. 

CONHEÇA OS SEGREDOS PARA PASSAR EM MEDICINA

Além de saber tudo sobre medicina, confira as armadilhas que podem surgir neste processo!

Aqui você vai encontrar situações vividas por calouros de Medicina que, no fim das contas, não ajudam nos estudos e nem te deixam mais perto da sua vaga. Confira:

1. Focar totalmente nas específicas de Medicina e deixar as outras matérias de lado

É claro que, para conquistar a aprovação em Medicina, você precisa mandar bem em Biologia, Física e Química. Elas são as disciplinas específicas que têm um peso maior e vão impactar mais na sua nota. Mas não se esqueça de que as demais disciplinas — História, Geografia, Português, Matemática — também contam pontos e fazem parte da sua nota final. Mandar mal nelas pode te colocar atrás na disputa pela vaga.

O ideal é que a quantidade de estudo seja proporcional à importância que a matéria tem no seu vestibular. Ou seja, você não vai estudar tanto Geografia quanto estuda Biologia, por exemplo. Mas, ainda sim, precisa estudá-la o suficiente para acertar o maior número de questões possíveis na prova.

O lema aqui é saber dosar seu esforço e dedicação para cada área de conhecimento do vestibular — pense nisso na hora de montar seu cronograma de estudos!

2. Virar noites sem dormir

O sono deve fazer parte da sua rotina todos os dias e a gente te dá dois motivos para isso:

1) Enquanto você está dormindo, seu cérebro está absorvendo e assimilando tudo aquilo que aprendeu naquele dia. Ter uma boa noite de sono faz diferença na transição entre estudar uma matéria e realmente aprendê-la. Dormir ajuda a fixar o conteúdo na sua mente.

2) Se você não dormir, no dia seguinte estará cansado, certo? Virando noites e noites sem dormir, logo você vai virar um zumbi que só fica olhando para as aulas e para os livros, ao invés de ser um estudante ativo. Produtividade zero, não é mesmo? Não compensa passar a madrugada estudando se, no dia seguinte, você estará morto e seu estudo não renderá nada. 

3. Esquecer dos amigos e se isolar nos estudos

Mesmo na reta final para o Enem, é bom tirar um tempinho longe dos estudos, um “break” para relaxar e se desligar um pouco dessa maratona de aula, matéria, resumo… Viver apenas estudando, todos os dias da semana, vai te deixar mega esgotado e esse cansaço pode ser refletido na hora da prova :/

Por isso, procure manter na sua vida – principalmente nessa fase de tanta dedicação – pessoas que querem seu bem, que torcem pela sua aprovação, e reserve um tempinho para recarregar suas energias pertinho delas! Aquelas que só falam coisas negativas e te colocam pra baixo não merecem seu tempo, que, nesse momento, é ainda mais precioso, né?  

4. Tomar medicações para “ajudar nos estudos” sem recomendação de um profissional

A gente sabe que tem hora que você quer continuar estudando, mas o corpo já não aguenta mais. Então, você acaba recorrendo a medicações para conseguir ficar acordado ou para conseguir se concentrar melhor nos estudos.

Por mais que você queira muito estudar mais e sinta que a preparação nunca está suficiente, não é bom tomar remédios sem prescrição médica.

É importante respeitar os limites do seu corpo enquanto estuda e entender quando ele está te dizendo para descansar ou para diminuir o ritmo. Você não precisa se arriscar com medicamentos para conquistar a aprovação em Medicina, combinado?

Estamos aqui para te ajudar a segurar essa barra e a saber tudo sobre Medicina. E aí, partiu aprovação?