• Aumentar Fonte
  • Diminuir Fonte
  • Trocar contraste

Como funciona o SiSU: confira as principais dúvidas

Se você está afim de conseguir uma vaga na universidade dos sonhos e pretende alcançar este objetivo com a ajuda do SiSU, fica de olho neste artigo!

As inscrições para as vagas do primeiro semestre estarão abertas entre os dias 6 e 9 de abril e o resultado da chamada regular será no dia 13 do mesmo mês.

Para facilitar a sua vida, separamos as informações mais importantes sobre o processo, então fique de olho pra não perder nada importante.

O que é SiSU?

Só para esclarecer, o SiSU (Sistema de Seleção Unificada) é um programa do governo federal criado para os estudantes concorrerem a vagas em universidades públicas usando a nota do Enem.

Ele é gratuito e abre inscrições duas vezes por ano, uma no primeiro e a outra no segundo semestre.

Quem pode participar do SiSU?

Para se inscrever no SiSU não há limite de renda ou idade, no entanto é preciso que você tenha feito a edição mais recente do Enem e não tenha zerado a redação.

Prontinho, se você preenche os requisitos está apto para tentar uma vaga com a ajuda do SiSU.

Como a Desco é brother dos alunos, nós criamos um simulador SiSU exclusivo para você! Corre lá e faça a simulação!

Como se inscrever no Sisu?

As inscrições são totalmente online e gratuitas e acontecem na Página do SiSU. Para acessar você precisará de um login único do gov.br, sistema de acesso único do governo federal. Para fazer o cadastro no gov.br acesse o site https://sso.acesso.gov.br/login.

Bem simples, né? 

Como funciona o SiSU?

Mas como funciona o SiSU e como ele pode me ajudar? Bora lá que a gente te explica!

No momento da inscrição, os candidatos devem selecionar curso, faculdade, unidade, turno e modalidade de concorrência (cotas ou ampla concorrência). Ele irá disputar com outros estudantes que fizeram as mesmas escolhas.

Os candidatos podem escolher até duas opções de curso, lembrando que o primeiro será a opção com prioridade maior que a segunda para o sistema. 

Durante o período de inscrições, as notas de corte do Sisu de cada curso, que são as notas mínimas necessárias para a convocação, são divulgadas uma vez por dia, a partir do segundo dia de inscrição. 

Podendo consultar a classificação parcial dos cursos que escolheram, os estudantes podem alterar suas opções de curso e de instituição de ensino enquanto as inscrições ainda estiverem abertas. É tudo uma questão de estratégia.

Caso a nota seja suficiente para a convocação em ambas as escolhas, o candidato será chamado no curso que escolheu como primeira opção. E é assim que funciona o SiSu! 

O que é nota de corte no Sisu?

Logo acima falamos brevemente sobre a nota de corte do SiSU, mas agora vamos explicar detalhadamente o que ela representa.

Durante o período de inscrições, o SiSU divulga as notas de corte parciais, elas são uma indicação da menor nota possível até aquele momento para a classificação dos candidatos. Isso ajuda o estudante a avaliar se tem chances de ser selecionado. 

Caso a sua pontuação seja menor do que a nota de corte para aquela escolha, é possível  modificar as opções escolhidas para que as chances de conseguir uma vaga sejam maiores. 

Como saber se fui aprovado no SiSU?

Para saber se você foi aprovado no SiSU é bem simples!

No dia 13 de abril, alguns dias após o fim das inscrições, a lista de aprovados estará disponível na página do programa

Basta aguardar o grande dia, acessar e conferir!

Como funciona a lista de espera do Sisu?

Basicamente, a lista de espera existe para preencher as vagas que não foram preenchidas na primeira chamada, no caso, a chamada regular. 

Os candidatos melhor classificados, ou seja, que estão nos primeiros lugares, são convocados a fazer matrícula. As vagas que não forem ocupadas são oferecidas para os candidatos da lista de espera.

Mas veja bem, o SiSU disponibiliza um cronograma e para participar da lista de espera é preciso estar dentro do prazo determinado. Para conferir este cronograma basta acessar o site do SiSU.

O Sisu oferece vagas por cotas?

Uma dúvida frequente é a sobre cotas, então vamos lá! 

Sim! O SiSU oferece vagas por meio de políticas de ações afirmativas.

O candidato que se inscrever utilizando cotas, irá concorrer, da mesma maneira mencionada anteriormente, às vagas junto a outros solicitantes que fizeram a mesma escolha.

As vagas disponíveis podem ser consultadas durante o período de inscrições.

Quantas vezes posso me inscrever no Sisu?

Não há um limite que determine quantas vezes um candidato pode se inscrever no SiSU. Então, um candidato que se inscreveu no SiSU no ano anterior, pode tranquilamente se inscrever no mesmo programa em uma edição seguinte.

Falando nisso, é importante mencionar que um estudante não pode ocupar duas vagas em instituições públicas ao mesmo tempo.

Quem não pode se inscrever no Sisu?

Existem algumas restrições para a inscrição no SiSU, mas calma lá, vamos te explicar!

As pessoas que ainda não concluíram o Ensino Médio mas fazem o Enem apenas para treinar são os chamados treineiros. Essas pessoas não podem se inscrever no SiSU.

Além disso, algumas instituições determinam notas e/ou médias mínimas para a inscrição de alguns cursos, então, se a nota do candidato estiver abaixo do estabelecido, quando ele inserir o curso escolhido, o sistema mostrará uma mensagem com a informação.

Caso isso aconteça, ainda é possível se inscrever em um curso que esteja dentro da nota e média do estudante.