Quer receber materiais gratuitos e dicas exclusivas?

Insira seu email e receba em primeira mão as novidades sobre o Encceja 2018!

O que é Encceja

Tudo o que você precisa saber sobre o que é Encceja

Já ouviu falar sobre o que é Encceja? Até 2016, candidatos do Enem maiores de 18 anos poderiam usar o exame como forma de obter o diploma do Ensino Médio. Porém, em 2017, o Encceja passou a ser o único meio para conquistar essa certificação, assim como a do Ensino Fundamental. 

Para te ajudar a entender melhor o que é Encceja e arrasar na conquista do certificado de Ensino Fundamental ou Médio, vamos te explicar tudo sobre o exame para zerar suas dúvidas. Confira!

Afinal, o que é Encceja?

O Encceja (Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos) tem como objetivo oferecer o certificado de conclusão do Ensino Fundamental ou do Ensino Médio para pessoas que não concluíram a educação básica na idade certa.

Nesse caso, o Encceja é o caminho mais rápido para conseguir o certificado, já que, ao invés de fazer cursos extensivos como o EJA (Educação de Jovens e Adultos), é possível preparar-se da forma que você preferir e fazer apenas uma prova.

Aliás, o exame é aplicado pelo INEP (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira), o mesmo órgão que aplica o Enem.

Quem pode fazer o Encceja?

Agora que você já sabe o que é Encceja, chegou a hora de saber quem pode fazê-lo, não é mesmo?

O Encceja é destinado a adolescentes, jovens e adultos que desejam receber o diploma de conclusão da Educação Básica — seja para o Ensino Fundamental ou para o Ensino Médio. Os pré-requisitos para fazer o exame dependem da certificação desejada:

  • certificação de Ensino Fundamental: o candidato precisa ter completado 15 anos de idade até o dia da realização da prova;
  • certificação de Ensino Médio: o candidato precisa ter completado 18 anos até o dia da realização da prova.

O que preciso fazer para conquistar a certificação do Encceja?

Primeiro, é preciso entender que o certificado vale apenas para a modalidade do qual você fez prova! Ou seja, se você fizer a prova de Ensino Fundamental poderá obter o certificado para esta modalidade. Já se você fizer a prova de Ensino Médio, terá o certificado só para esta etapa.

O cálculo da nota é feito, assim como no Enem, usando a metodologia da Teoria de Resposta ao Item (TRI) e para conquistar a certificação da modalidade escolhida é preciso:

  • atingir, no mínimo, 100 pontos em cada área do conhecimento, sendo 200 a nota máxima. Isso significa que você precisa acertar, em média, de 10 a 12 questões das 30 de cada área do conhecimento;
  • tirar pelo menos 5 de 10 pontos na Redação.

Outra facilidade para conquistar seu certificado é a declaração de proficiência! Ela funciona assim: se você foi bem em uma área de conhecimento e mal em outras, no ano seguinte só precisa fazer as provas nas matérias nas quais você atingiu a nota mínima. Então com persistência, mesmo sem estudar há anos, dá para conseguir a certificação!

E como é a prova do Encceja?

Para aprofundar seus conhecimentos sobre o que é Encceja e garantir sucesso na prova, não há nada melhor do que saber como ela é. Veja!

A prova do Encceja é considerada, em média, 50% mais fácil do que a prova do Enem. Enquanto o último está mais difícil e conteudista a cada ano, o Encceja foca em conhecimentos do cotidiano e interpretação de texto.

O exame possui 30 questões objetivas — com quatro alternativas — para cada área do conhecimento. Além disso, os candidatos também devem produzir uma Redação. As matérias cobradas para cada modalidade são:

  • Ensino Fundamental: Língua Portuguesa, Língua Estrangeira Moderna, Artes, Educação Física, Redação, Matemática, História e Geografia e Ciências Naturais;
  • Ensino Médio: Linguagens, Códigos e suas Tecnologias, Redação, Matemática e suas Tecnologias, Ciências Humanas e suas Tecnologias e Ciências da Natureza e suas Tecnologias.

Inscrições para o Encceja 2019

As inscrições para o Encceja e a aplicação da prova acontecem apenas uma vez por ano e são totalmente gratuitas. Para se inscrever, o candidato deverá se cadastrar pela internet. Os locais de prova serão comunicados on-line — nada será enviado pelos correios — e é sua obrigação verificar para saber onde é o local de prova antecipadamente.

Como se preparar para o Encceja

Para ajudar na preparação dos candidatos, o próprio Inep disponibiliza alguns materiais de estudo a fim de auxiliar na preparação para o Encceja, é só clicar aqui para baixar!

O Descomplica também oferece um curso objetivo e focado na preparação para você conseguir a nota necessária para a conquista do certificado! São conteúdos que vão direto ao ponto para você que trabalha ou precisa cuidar da família e quer se preparar para o exame no tempo disponível, mas sem perder a qualidade de ensino!

Confira tudo o que o curso preparatório para o Encceja do Descomplica oferece:

  • 80 horas de videoulas com duração de 30 a 45 minutos;
  • videoaulas de redação;
  • material de apoio com teoria e exercícios;
  • videoaulas de planejamento de estudo para te deixar focado no seu objetivo.

Clique aqui para ter mais informações sobre o curso!

Conheça as vantagens do Encceja

Ainda está com dúvidas sobre a importância deste recurso ou ainda o que é Encceja? Calma! Listamos as principais vantagens em realizar a prova com sucesso.

A conquista da certificação de Ensino Fundamental ou Médio pode te proporcionar vários avanços na carreira profissional, além de, claro, muita satisfação pessoal, certo?

Olha só todas as portas que um diploma em mãos poderá abrir:

  • quem conclui o Ensino Médio pode receber um salário até 3 vezes maior;
  • possibilidade de ingressar em um curso técnico profissionalizante;
  • possibilidade de começar uma faculdade — o Encceja não substitui o Enem, com o certificado você pode fazer o exame ou qualquer outro vestibular e concorrer a vagas em cursos de graduação;
  • o Encceja, por ser uma prova nacional e oficial, te dá certeza que você terá a certificação, se tirar a nota mínima. Infelizmente, existem casos de cursos EJA (Educação de Jovens e Adultos) que não são certificados – e você só descobre isso quando tenta ingressar em uma faculdade.