Não entregue os pontos na reta final

Olá, concurseiro. Cá estamos, de novo, falando de reta final de estudos para concursos. Esse tema dá pano para manga!

Muitas pessoas estão no aquecimento para os concursos do Ministério Público Público do Estado do Rio de Janeiro, do Tribunal Regional Federal da 3a Região, do Tribunal de Justiça do Pará e de muitos outros certames.

No entanto, há quem se sinta paralisado quando o edital sai, pensando que não dá para fazer mais nada. As razões são diversas: porque não se conseguiu estudar todo o enorme conteúdo programático, por ter surgido disciplina nova ou pelo fato de não conseguir fazer uma revisão completa. Com isso, a pessoa desiste do certame ou estuda pouco para a reta final, pois acredita que está tudo perdido.

Aí, que o concurseiro se engana! Dá tempo de fazer muita coisa na reta final.

banner_descomplica_concursos

O que fazer na reta final?

É preciso lembrar que é impossível reestudar/revisar tudo. Afinal, anos são necessário para estudar todo o conteúdo. Portanto, em 2 ou 3 meses, deve-se mirar no que é viável.

A reta final é o momento para estudar diversas disciplinas que são novas e revisar o principal das antigas. Você precisa ser estratégico nesse momento, verificando a incidência de cada assunto por meio do estudo de questões. Serão elas que nortearão sua revisão.

Nessa fase, você será bombardeado por inúmeros cursinhos tentando vender material de reta final e dizendo que é essencial para sua aprovação. Seja forte e seguro(a) e fique com as suas anotações de aula do Descomplica! Confie no trabalho de formiguinha que vem fazendo no longo tempo.

Dica para os iniciantes

Se um desses editais for um dos seus primeiros concursos, não se desespere se estiver estudando há pouco tempo. Por favor, não desista no primeiro desafio! É recomendável, neste momento, continuar formando a sua base com o seu curso do Descomplica. É muito provável que sua aprovação não venha agora, mas é muito importante continuar estudando e usar essa experiência a seu favor.

Nos poucos meses que antecedem a prova, é muito importante ter em mente que convém manter as emoções em ordem para não causar mais desgaste que os estudos em si. Além disso, nunca é demais recordar que essa é apenas uma boa oportunidade e muitas outras surgirão. Portanto, não se desespere se não for possível estudar tudo do jeito desejado.

Resumo da Ópera

Não é conveniente que você desista de estudar na reta final. É imprescindível aproveitar o tempo após a publicação do edital, pois é possível  fazer muita coisa em 2 ou 3 meses. Arriscamos dizer que, até a véspera, é possível evoluir muito. Experimente!

Se você quiser conversar comigo sobre essas e outras questões, siga-me no Instagram @concurseiro.solitario. Será um prazer!

Raquel Monteiro, é advogada pós-graduada em Direito Público pela Universidade Gama Filho, blogueira do Concurseiro Solitário. Já foi oficial da Marinha do Brasil e agora, todas as quintas, posta aqui no Tudo Sobre Concursos as vicissitudes da vida de uma legítima concurseira carioca.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here