• Aumentar Fonte
  • Diminuir Fonte
  • Trocar contraste

Terapia Nutricional: descubra 3 fatos sobre esta área!

A compreensão da população sobre a importância de uma nutrição funcional e equilibrada pra prevenir, e até mesmo tratar doenças que acometem a sociedade, aumenta cada vez mais. Isso porque, a busca maior por um estilo de vida saudável é reflexo dessa perspectiva. Diante desse contexto, uma área que tem recebido destaque, é a Terapia Nutricional.

Assim, por mais que muitos desconheçam esse segmento de atuação, trata-se de uma carreira que pode trazer um grande retorno profissional.

Pensando nisso, e buscando tirar suas dúvidas sobre o tema, a gente separou 3 fatos que você precisa saber sobre a área. Confira!

terapia nutricional – cesta de mercado com legumes e frutas

1. Terapia Nutricional é uma subespecialidade

Como você já deve saber, a Medicina se subdivide em várias especialidades pra melhor compreensão do paciente, da doença apresentada e do tratamento adequado em cada caso.

Quando se apresenta problema em um órgão específico do corpo humano, por exemplo, é preciso recorrer a um cardiologista ou a um dermatologista.

Da mesma forma, se o paciente busca um acompanhamento preventivo direcionado pra uma fase da vida, pode recorrer a um pediatra ou geriatra.

Nesse sentido, a Terapia Nutricional se apresenta como uma subespecialidade da Nutrologia, cujo objetivo central é diagnosticar, prevenir e tratar doenças que sejam afetadas pela alimentação.

terapia nutricional – comprimidos na mesa brancos, amarelos e laranjas

2. Há três formas de administração da terapia

Em linhas gerais, a Terapia Nutricional é um conjunto de técnicas e procedimentos adotados com o objetivo de garantir a manutenção ou a pronta recuperação de pacientes incapazes de realizar normalmente suas necessidades nutricionais

Portanto, a função do profissional responsável é a de manter o estado nutricional adequado por meio da terapia.

Essa, por sua vez, pode ser administrada de três formas distintas: pela nutrição oral, enteral ou parenteral

A primeira, como o nome sugere, é a oferta de suplementos nutricionais pela via oral. A nutrição enteral, por outro lado, é aquela aplicada através do tubo de alimentação.

Por fim, a nutrição parenteral se dá quando o paciente não tem condições de ingerir os suplementos. Nesse caso, a terapia ocorre diretamente pelas veias.

terapia nutricional – profissional da saúde fazendo anotações

3. A Terapia Nutricional é multidisciplinar

A partir do conhecimento sobre a especialidade da Terapia Nutricional, é possível compreender a sua importância nos hospitais e clínicas médicas. Entretanto, o que muitos desconhecem, é que se trata de uma área do c

nhecimento multidisciplinar que abrange a atuação de vários profissionais. 

Considerando a importância desse gerenciamento hospitalar em conjunto, a ANVISA prevê como obrigatória a formação de Equipes Multidisciplinares de Terapia Nutricional, ou EMTN, nos hospitais no Brasil. 

Assim, o tamanho da equipe pode variar conforme as necessidades de cada instituição. No entanto, deve compor o grupo, no mínimo, um profissional de cada área listada a seguir:

  • Medicina;
  • Farmácia;
  • Enfermagem;
  • Nutrição.

Pra quem se interessa pela Nutrologia, a Terapia Nutricional pode ser uma excelente escolha de carreira.

Entretanto, por se tratar de subespecialidade ela exigirá uma qualificação profissional mais avançada

Nesse sentido, a Faculdade Descomplica pode ser uma grande aliada do aluno. Afinal, a partir de cursos como o de Pós-Graduação em Nutrição Hospitalar Clínica, você poderá caminhar rumo às melhores colocações na área.

E aí? Curtiu o conteúdo? Agora que você já conhece 3 importantes fatos sobre a Terapia Nutricional, não deixe de investir no seu futuro profissional e se inscrever pra Pós-Graduação Online da Faculdade Descomplica!