• Aumentar Fonte
  • Diminuir Fonte
  • Trocar contraste

Pós-Graduação em Educação: Confira os 15 Cursos Mais Procurados

Transmitir conhecimento requer dedicação, empenho e empatia. E já que cada disciplina requer um preparo por parte do professor, fazer uma especialização é fundamental pra quem pretende lecionar. Porém, quando uma pessoa decide fazer uma pós-graduação em Educação, surge a dúvida de qual curso escolher.

A princípio pode parecer algo fácil de resolver, como optar por uma área do conhecimento que a pessoa mais se agrada pra lecionar. E isso é muito importante mesmo, não só no ramo educativo, mas em qualquer carreira. Fazer o que gosta é pré-requisito pra uma jornada de sucesso.

Só que se tornar professor não é a única maneira de contribuir pro desenvolvimento da educação. O estudo das metodologias de ensino, por exemplo, é um tema ao qual muitos profissionais se dedicam, procurando entender as mudanças sociais e comportamentais, e como a escola reage perante elas.

O outro lado da moeda é a análise do próprio ser humano e de como sua cultura encara o aprendizado. Também tem a parte administrativa de uma instituição de ensino, que tem suas peculiaridades. Enfim, são muitas coisas pra considerar.

Por isso, neste artigo, você vai conhecer as 15 pós-graduações em Educação mais procuradas. Vem com a gente!

pós graduação em educação - pessoa com a mão no notebook e xícara na outra mão

Mas, antes, entenda como você deve ler este texto

O ser humano está em constante evolução, o que engloba mudanças em seu comportamento e na forma como internaliza algumas coisas.

Algumas disciplinas estão presentes na grade curricular básica (Ensino Fundamental e Médio) há muitos anos, mas na era da informação muda-se a forma de transmitir o conhecimento.

Então os assuntos abordados em cada etapa podem ser os mesmos que você estudou. Entretanto, a maneira como o professor de hoje deve montar as aulas e elaborar as atividades é completamente distinta, pois o aluno mudou.

Hoje a sociedade valoriza assuntos como alimentação saudável, prática de atividades físicas como prevenção a diversas doenças e um ensino inclusivo.

A gente sabe que, dada a importância da educação, o acesso a ela é essencial pra todo ser humano, então a acessibilidade do ensino precisa existir.

Então, separamos as disciplinas em alguns setores. Primeiro, as relacionadas às práticas pedagógicas. Depois, às matérias em si. E, por fim, os cursos voltados à gestão de instituições de ensino.

Vamos nessa?

pós graduação em educação - professor mostrando um crânio humano para alunos

Cursos de pós-graduação em Educação para Práticas Pedagógicas

O que a gente quer dizer com essa expressão “práticas pedagógicas”? São atividades que influenciam indiretamente a ministração de aulas em sala de aula. É o caso das atribuições dadas a coordenadores, reitores etc.

A seguir, você vai conhecer os cursos mais procurados dessa categoria.

1. Pedagogia

Começando por aquela que na hora vem na cabeça quando a gente fala sobre especialização em Educação: a pós-graduação em Pedagogia.

A Pedagogia capacita o profissional pra proporcionar um ensino útil e eficiente, com metodologias de ensino correspondentes aos comportamentos modernos dos alunos.

Ela é necessária tanto pra quem quer expandir seus conhecimentos na área, como pros que buscam seguir carreira na área da Gestão. Estamos falando de cargos de confiança, como diretores, coordenadores pedagógicos, reitores, entre outros.

As Ciências Humanas e Sociais compõem a maior parte da grade, pois um ensino inclusivo é mais que necessário em escolas de qualquer nível.

A sociedade está cada vez mais diversificada, mas a procura pelo conhecimento continua a mesma. Por isso, oferecer a melhor experiência possível pra todo mundo é muito importante.

Tudo isso (e outras questões que envolvem o acesso igualitário à educação) deve ser preservado na gestão de uma instituição de ensino e também nos projetos idealizados e patrocinados por ela.

É por isso que essa especialização é necessária pra pessoa que está à frente de um departamento ou da empresa.

2. Coordenação Pedagógica

Lembra quando você estava fazendo faculdade e tinha o coordenador do curso? A pós-graduação em Coordenação Pedagógica prepara o profissional pra essa função.

Ele não deve apenas intermediar solicitações de alunos com diretores, mas elaborar planejamentos em conjunto com os professores pra proporcionarem a melhor experiência de ensino.

Hoje o aluno é mais ativo e questionador, ao contrário do sistema educacional antigo, onde o docente falava, o aluno ouvia e estudava pra ter boas notas.

Esse profissional vai acompanhar o desenvolvimento de cada estudante. Mas não “acompanhar” no sentido de escrever um relatório do final de um período. É no sentido de olhar com empatia pra entender no que é que essa forma de ensino está errando ou acertando e corrigi-las ou mantê-las.

Assim, decide se algumas dessas correções serão aplicadas imediatamente ou só a partir do próximo período.

Se for algo que foge de sua alçada e precisar de revisão e liberação de um departamento superior, o coordenador pedagógico se responsabiliza por levar essa questão adiante.

O que deve sempre ser ressaltado é que todas essas mudanças precisam beneficiar única e exclusivamente o aluno. Hoje ele é o centro de tudo em qualquer instituição de ensino.

3. Psicopedagogia

A pós-graduação em Psicopedagogia prepara o profissional pra lidar com a mente humana no processo de aprendizagem. Isso possibilita à pessoa enxergar alguns pontos em que uma metodologia não cumpre o seu papel de ensinar e tomar decisões pra corrigir a situação.

Alguns internalizam o conhecimento com mais dificuldade se o assunto não for do seu interesse. Outros, apesar de gostarem muito mais de Língua Portuguesa, por exemplo, não têm problemas em tirar boas notas em Matemática e Física.

Também há os que sofrem de Distúrbio de Déficit de Atenção (DDA), comprometendo seu aprendizado. Cada um desses exemplos citados variam de pessoa pra pessoa.

É papel de especialista em Psicopedagogia entender como o cérebro lida com as informações passadas pela escola e sugerir melhorias.

Entre as áreas de conhecimento abordadas na pós-graduação em Psicopedagogia estão a Psicanálise, a Semiótica e, claro, a Medicina.

4. Pós-Graduação em Educação Inclusiva

A gente já falou que a sociedade está cada vez mais diversificada e que o aluno de hoje é mais questionador, mais ativo.

A pós-graduação em Educação Inclusiva “aborda aspectos afetivos, relacionais e sociais diante da diferença […], abrangendo concepções atuais sobre a educação” – como a gente descreve lá na página da Pós Descomplica.

Foi melhor replicar essa descrição do que parafrasear, simplesmente porque define muito bem do que se trata essa pós. Ela é destinada a quem quer levar adiante os valores de uma educação acessível.

Aqui, o aluno é o protagonista de qualquer projeto educacional. Portanto, durante o curso, são abordados vários assuntos relacionados à inclusão social.

pós graduação em educação – professora ensinando alunos adolescentes sentados

Cursos de pós-graduação em Educação focado nas disciplinas escolares

Quer ir pra sala de aula? Então veja algumas pós-graduações focadas nas disciplinas escolares.

5. Docência e Prática de Ensino em Português

Agora, a gente pode usar palavras difíceis, né, produção? Tá, não é bem assim. Gostar da Língua Portuguesa não significa apreciar o português arcaico.

Mas se você gosta do idioma (e está lendo um artigo sobre pós-graduação em Educação), por que não trilhar o caminho da docência?

A pessoa que faz pós-graduação em Docência e Prática de Ensino em Português se torna professora em todas as áreas do idioma. Estamos falando tanto da parte gramatical como da literária também.

Óbvio que posteriormente o profissional pode escolher se especializar ainda mais e ser menos generalista. É comum professores que gostam muito de determinada área, como Literatura, desejarem construir sua carreira vinculada a ela.

Mas generalista ou especialista, professores com esta pós-graduação não só têm liberação burocrática pra lecionar em qualquer área da Língua Portuguesa, mas também capacidade pra tal.

Portanto, é uma opção muito interessante pros que querem unir a paixão pelo idioma com o carinho por ensinar.

6. Docência e Prática de Ensino em Matemática

Outra pós-graduação em Educação muito procurada (e igualmente importante em relação à anterior) é a Docência e Prática de Ensino em Matemática. Nela, o profissional se torna apto a lecionar matérias dessa parte das Ciências Exatas.

Toda disciplina que envolve cálculos deve ser ensinada com bastante cuidado, pois, pra ser aprendida, requer atenção do começo ao fim.

É onde entra aquele estudante questionador, que se tiver qualquer dificuldade pode expressá-la de uma forma que prejudique o aprendizado.

Essa pós-graduação prepara professores pra transmissão de conhecimento utilizando técnicas de ensino-aprendizagem que visem o maior aproveitamento do aluno.

Pode ser feita por qualquer pessoa interessada na área da Educação, assim como os profissionais da área (como pedagogos, coordenadores etc).

7. Docência e Prática de Ensino em História

“Compreender o passado pra não repetir os erros no futuro”. Ok, isso também tá certo, mas a História é mais importante do que só apontar nossos erros.

É por meio dela que a gente entende o que existe por trás de tudo aquilo que influenciou algo no momento.

Por exemplo, todas as manifestações antirracismo perdem o sentido se a gente não olhar pro contexto histórico e de como tudo sucedeu a partir do ponto onde iniciaram as explorações no continente africano até o ponto onde estamos.

Nada é por acaso. Nada existe sem uma essência. Toda essência carrega uma cadeia de conhecimentos que foi montada durante gerações.

E todos esses conhecimentos foram construídos com base no envolvimento histórico, político e social que as pessoas viviam. Quando a gente entende isso, percebe a importância do professor de História.

A pós-graduação em Docência e Prática de Ensino em História garante que um profissional que não necessariamente se comove, mas valoriza o conhecimento histórico em todos os âmbitos, possa transmitir esse conteúdo.

Então, a grade de ensino também aborda teorias relacionadas ao processo de aprendizagem.

8. Docência e Prática de Ensino em Ciências

Seguindo a mesma linha das três últimas disciplinas mencionadas, chegamos à Docência e Prática de Ensino em Ciências. Essa disciplina compõe a grade curricular atual do Ensino Fundamental e Médio, ou seja, há muitas possibilidades de atuação profissional.

A matéria não aborda somente o estudo do corpo humano. São levantados diversos questionamentos sobre as Ciências Sociais e Ambientais, importantes pra todo estudante.

Isso exige que o professor esteja preparado pra explorar essas áreas do conhecimento a fim de elaborar uma boa aula.

Tem alunos que não gostam de Ciências por vários motivos. Palavras difíceis, assuntos desgastantes e experiências exaustivas são alguns dos motivos.

Só que essas pessoas, por mais que não gostem, precisam de um conhecimento mínimo dos assuntos tratados na aula, como o corpo humano.

Ela não precisa seguir carreira, se tornar um profissional da saúde ou algo do tipo. Assim como ninguém é obrigado a ser um historiador, embora precise ter um conhecimento histórico dos temas mais importantes.

Então, as aulas precisam ser elaboradas pensando na integração desse perfil de aluno, reforçando a questão da inclusão do ensino.

9. Ensino de Língua Inglesa

Sabia que o idioma do The Book is On the Table tem, pelo menos, cem mil vocábulos a mais que o Português? Isso derruba aquela frase que muitos já ouviram: “O inglês é uma língua pobre”. Quem diz isso não poderia estar mais enganado.

O Ensino de Língua Inglesa é uma pós-graduação em Educação ideal pro professor que não apenas gosta do idioma, mas que tem fluência nele. Trata-se de uma responsabilidade imensa, pois é o dialeto mais falado do mundo e presente na nossa grade desde o ensino infantil.

Mas o curso não abrange só termos relacionados à prática do Inglês, pois é uma pós que prepara profissionais pra atuarem numa sala de aula. Então, inicialmente, o aluno adquire conhecimentos essenciais à qualquer pessoa pós-graduada, como compreensão, organização textual, tipos de textos etc.

10. Tradução de Inglês

“Ué, mas quem dá aula de inglês também consegue traduzir. Então é melhor fazer a pós de ensino, mencionada anteriormente”. Negativo, capitão. Claro que um professor de Inglês sabe traduzir, mas o que faz um tradutor vai muito além.

O ambiente em sala de aula e o ensino de um idioma são dois elementos totalmente distintos da rotina de um tradutor. Como a gente já disse, o Inglês é o idioma mais falado do mundo, então existem inúmeras empresas que lidam com clientes internacionais nessa língua.

Essa relação gera documentos, cartilhas, relatórios e inúmeros materiais que precisam ser adaptados pra funcionários e stakeholders (ou público-alvo, de uma empresa). Nessa hora, ninguém chama o professor de inglês.

Então, a pós-graduação em Tradução de Inglês é fundamental pra pessoa atuar tanto nesse lado burocrático como no departamento de comunicação (gestão de eventos, por exemplo).

Se sua instituição fará um workshop e trará um convidado estadunidense, ela vai precisar de alguém pra interpretar — outra função bem interessante do mundo da tradução.

Nessa hora, sai de cena qualquer know-how de ensino e entram todos aqueles obtidos nesta pós-graduação. Tem a ver com interpretação de palco, dinâmica e diversos pontos que são ensinados exclusivamente a tradutores.

Por isso, é uma pós-graduação também procurada por profissionais não ligados à educação, como Relações Públicas e Jornalistas.

11. Pós-Graduação em Educação Infantil

Trabalhar com os pequeninos é uma das tarefas mais importantes da vida de um professor. Muito do que eles aprendem nessa fase da vida acaba virando “memória-base” (essa referência é pra quem já assistiu Divertida Mente, da Disney). Então, a experiência de ensino deve ser a mais incrível possível.

A gente sabe que os valores individuais são moldados conforme a pessoa cresce, se expõe à vida e lida com algumas situações. Porém, há conceitos que nunca mudam e seguem com o ser humano durante toda sua vida.

É por isso que um futuro melhor está nas mãos das crianças. E elas estão nas mãos dos seus professores.

Eles passarão os primeiros conhecimentos sobre amizade, trabalho em equipe, honestidade e muitas outras coisas presentes nas entrelinhas de cada atividade escolar.

O profissional que trabalha nessa área tem uma grande responsabilidade. A pós-graduação em Educação Infantil capacita o professor pra trabalhar sob esse conceito, enfatizando a devida responsabilidade que possui.

Se isso faz sentido pra você (e você gosta de crianças, vale ressaltar), deve considerar a especialização nessa área.

12. Atividade Física, Esporte e Lazer Escolar

A questão da saúde está em alta com diversas campanhas de conscientização. É impossível não olhar pras maneiras com a qual uma escola trabalha esse assunto com seus alunos.

A pós-graduação em Atividade Física, Esporte e Lazer Escolar é ideal pra profissionais de Educação Física que levam a sério o estudo e prática de atividades no âmbito escolar, conhecendo e acreditando nos benefícios que oferecem.

Como a gente falou no tópico anterior, muitas coisas que as crianças aprendem são levadas por toda a vida. Se um desses itens for a importância das práticas físicas, teremos uma sociedade mais saudável e consciente.

Muitos pais e/ou responsáveis buscam saber como a escola trabalha esse ponto antes de matricularem seus filhos ou dependentes.

O esporte também influencia muito no caráter da pessoa. Coisas como respeito, inclusão, diversidade e trabalho em equipe são executadas todas ao mesmo tempo numa atividade esportiva.

Só que é fundamental que esses valores estejam presentes em todos os setores da vida.

Professores de Educação Física que dão aulas pro ensino base devem compreender essa importância e garantir que tais conceitos se cumpram em suas atividades.

Trata-se de uma disciplina ideal pra pessoas que compactuam com esses ideais.

pós graduação em educação – três pessoas de social sorrindo entre elas

Cursos de pós-graduação em Educação para Administração Escolar

A gestão de uma instituição de ensino deve seguir algumas diretrizes devido à responsabilidade que possui. Se você tem interesse nessa área da Educação, conheça, a seguir, os cursos mais procurados.

13. MBA em Gestão Escolar

Voltado aos profissionais que estão à frente de uma instituição de ensino, o MBA em Gestão Escolar aborda conceitos de Administração que incrementam a experiência de aprendizagem em sua totalidade.

Isso porque, gerir uma escola exige demandas específicas, do maternal ao ensino superior.

Todos os professores têm sua agenda, e o planejamento das atividades deve considerá-la. Excursões e eventos fora do horário de aula, por exemplo, ainda que sejam riquíssimos em termos de conhecimento, precisam ser bem organizados.

Além disso, existe o relacionamento da instituição com os órgãos governamentais, adequação às exigências e cumprimento de medidas de segurança.

É a liderança da escola que deve garantir todo esse funcionamento. O profissional é responsável por elementos importantes da escola e das metodologias aplicadas, por isso, precisa ser altamente capacitado.

14. Gestão e Normas Educacionais

Enquanto o MBA anterior traz conhecimentos gerais sobre a administração escolar, a pós em Gestão e Normas Educacionais é focada na questão normativa da instituição.

São abordados assuntos diretamente ligados à constituição do Brasil e em como ela atua na área da Educação.

Este profissional também se torna apto a ingressar na carreira política, podendo criar projetos de lei que melhorem o processo de aprendizagem.

Profissionais da Pedagogia têm muitas ideias inovadoras que acabam barradas na questão legal. Ter alguém especialista em Gestão e Normas Educacionais defendendo pautas relacionadas é fundamental.

Assim, leis retrógradas que prejudicam o sistema educacional ganham mais chances de serem adaptadas à nova realidade.

Portanto, você pode ver que, conforme a gente falou no início deste artigo, existem outras maneiras de contribuir pra Educação sem estar na sala de aula.

15. Coordenação Pedagógica e Supervisão

Na primeira parte deste artigo, a gente falou sobre a pós em Coordenação Pedagógica. Agora, o MBA em Coordenação Pedagógica e Supervisão pertence à terceira parte do texto porque é mais voltado às rotinas administrativas de uma escola.

Tudo o que envolve o processo educativo da instituição está interligado, e quem garante isso é quem atua na supervisão. Essa pessoa não interfere tanto nos assuntos acadêmicos, mas atua diretamente ligada aos ideais da escola, estabelecidos pela diretoria.

A visão estratégica de negócios é estimulada ao máximo, sempre com os olhos voltados ao desenvolvimento do aluno e da instituição. Portanto, é uma pós-graduação em Educação que carrega muita responsabilidade e exige um profissional com boa qualificação.

Ao longo deste artigo, você pôde perceber o quão delicado e peculiar é trabalhar com escolas, então também sabe que uma supervisão cuidadosa é essencial.

pós graduação em educação – pessoa de óculos pensativa com a mão no queixo

Algumas coisas a considerar antes de escolher uma pós-graduação em Educação

Quando você decide ingressar em um curso de pós-graduação em Educação, deve entender que, ainda que as disciplinas se difiram, todas elas possuem alguns pontos em comum.

O mais importante deles é aquilo que já mencionamos no artigo: o aluno é o centro de tudo e ele está cada vez mais interativo e questionador.

Isso não é ruim, pois todas as estruturas sociais e profissionais cresceram com base no diálogo produtivo. Sendo assim, é essencial garantir que haja essa produtividade na conversa, que seja inclusiva, respeitosa e relevante.

Outro valor intrínseco é o trabalho coletivo. É possível obtê-lo tanto nas atividades com os alunos como na manutenção do relacionamento entre os professores e gestores da instituição.

Então a implementação de tecnologia aplicada à sala de aula, por exemplo, pode ser relevante pro bom rendimento de todos.

Como pôde ver, as alternativas são diversas, mas fazer uma pós-graduação é o caminho mais sólido pra quem quer se tornar um especialista na área da Educação. Se você sente paixão por fazer parte deste ecossistema, com certeza vai se tornar um bom profissional na área.