• Aumentar Fonte
  • Diminuir Fonte
  • Trocar contraste

Conheça as principais alternativas que você pode escolher para se especializar em uma carreira!

Quando você escolhe uma carreira, um dos primeiros caminhos que surgem é a graduação. Mas como todo caminho leva a algum lugar, vale a pena pensar nos tipos de curso de especialização que se pode escolher pra continuar a jornada do conhecimento.

Neste artigo, você vai descobrir quais são os principais tipos de pós-graduação reconhecidas pelo Ministério da Educação (MEC) pra quem quer se especializar em uma área. Curtiu a ideia? Então bora aprender juntos!

curso de especialização – chapéu de formatura preto

O que é e como funciona um curso de especialização?

É comum considerar a especialização como um dos vários tipos de pós-graduação existentes.

Mas, neste artigo, a gente vai entender a palavra pelo seu sentido próprio, combinado? Ou seja, especialização é um aprofundamento em alguma área de estudo.

Isso significa então que você já deve ter alguma base sobre aquilo em que deseja se especializar. Portanto, o primeiro requisito pra começar um curso de especialização é ter uma graduação em ensino superior, como:

  • tecnólogo;
  • bacharelado;
  • licenciatura.
curso de especialização – mão escrevendo com lapiseira

Quais tipos de curso de especialização você pode escolher?

Existem duas categorias principais de especialização: lato sensu e stricto sensu. A diferença está no foco de atuação do profissional. 

Enquanto uma especialização lato sensu busca complementar e expandir o conhecimento pro mercado de trabalho, um curso de especialização stricto sensu é mais voltado pra quem deseja seguir a carreira acadêmica.

Agora, confere aí as alternativas de especialização que você pode escolher depois que concluir sua primeira graduação!

Especialização comum

Geralmente, a especialização comum é a que muitas pessoas buscam pra qualificar ainda mais uma carreira. Como é do tipo lato sensu, esse modelo de pós-graduação tem objetivo complementar.

Trata-se daquele aprofundamento que deixa o currículo da hora, garantindo as melhores vagas de uma determinada área profissional.

Master in Business Administration (MBA)

Ainda na categoria das pós-graduações lato sensu, um MBA (sigla em inglês pra “mestre em administração de negócios”) tem foco muito mais corporativo.

Também é uma especialização, mas com finalidade prática voltada pra atuação dentro de empresas.

Mestrado

Agora, se você for uma pessoa apaixonada por uma área específica de estudo, talvez seu destino seja acadêmico. Nesse caso, uma especialização do tipo stricto sensu pode ser um caminho mais adequado, e o mestrado é uma opção.

Com duração média de dois anos, no mestrado você vai ser preparado pra ser… mestre! Isso significa conhecer tanto um assunto que você pode ensinar a outras pessoas em nível superior.

Por isso, mestres geralmente seguem carreira como professores universitários.

Doutorado

Outro tipo de especialização stricto sensu é o doutorado. O curso pode durar 5 anos e no final você será doutor! Na sociedade atual, doutores são considerados as autoridades máximas em seus domínios de atuação.

Por isso, além de estarem livres pra serem mestres também, podem ainda atuar como pesquisadores, contribuindo com a construção do saber histórico daquela área de estudo.

Ah, e é importante lembrar que as pós-graduações stricto sensu são formações de alta hierarquia acadêmica. Portanto, é preciso apresentar uma tese a uma bancada de outros mestres pra ter sua formação concluída.

Agora que você conhece os principais cursos de especialização disponíveis, vale a pena pensar um pouco sobre sua carreira antes de escolher se aprofundar em um assunto.

Que tal agora dar uma olhada nas alternativas de pós-graduação do Descomplica? Então vem com a gente se preparar pra sua próxima qualificação profissional!