• Aumentar Fonte
  • Diminuir Fonte
  • Trocar contraste

Qual o salário e principais áreas de um profissional de Big Data?

A profissão de analista de Big Data tem se tornado cada vez mais fundamental dentro das empresas e se transformado em uma das áreas mais importantes da tecnologia nos últimos anos. Afinal, são inúmeras as oportunidades no mercado de trabalho e os salários e proventos são bem satisfatórios.

E, se você se interessa por essa especialização, mas ainda precisa de mais detalhes sobre o que faz um analista de dados, quanto ganha esse profissional em média e quais as possibilidades nas principais áreas de atuação, nós preparamos este post com dicas e informações úteis sobre o tema.

Sendo assim, sem grandes delongas, vamos direto ao ponto. Boa leitura!

big data salário - pessoa analisando gráficos na tela do tablet

Afinal, o que é e o que faz um analista de Big Data?

Como o próprio nome já sugere, o analista de Big Data, ou analista de dados, tem como função principal analisar e gerir dados diversos de um negócio ou atividade, no intuito de assegurar a eficiência e a rentabilidade da empresa, além de propor diretamente melhorias, estratégias e inovações aos gestores.

Em outras palavras, o analista de Big Data se responsabiliza por levantar, mensurar, analisar e interpretar o conjunto de dados extraídos de uma determinada fonte e transformar isso é uma base de avaliação e tomada de decisão estratégica pra empresa.

👉 Descubra o salário de cada profissão com o Quanto Ganha

Pra ficar mais fácil de entender como isso funciona na prática, podemos supor alguns exemplos possíveis de dados que um analista de Big Data pode trabalhar em um negócio. Confira:

  • o volume quantitativo de transações online da empresa em determinado período;
  • o número de chamadas telefônicas recebidas por um fornecedor dentro do ano;
  • o volume de dados dispensados no envio de certos documentos.

Enfim, tudo o que se refere a análise de dados, independentemente de suas origens ou fontes, podem servir como função de trabalho pra um analista de Big Data em uma empresa.

gráficos na tela do computador

Como é o mercado de trabalho nessa área?

De acordo com pesquisas recentes, ainda em 2021, as ofertas de trabalho no setor de Big Data cresceram quase 500% durante a pandemia e a falta profissional especializado pra preencher todas essas vagas é algo bem comum.

Além disso, tais oportunidades não se limitam unicamente aos analistas de Big Data (apesar de serem maioria nessa procura). Ainda, há uma grande demanda por especialistas, tecnólogos e engenheiros de dados nesse enorme mercado.

Os principais motivos que explicam esse “boom” de procuras por profissionais de Big Data se dão em diferentes fatores. Podemos defini-los como mudanças de hábitos e de formatos de trabalho durante a pandemia, por exemplo.

Dessa forma, requer novas estratégias e análises das empresas, como a transformação de novos mercados nesse período. 

big data salário - pessoa analisando gráficos nas telas do celular e notebook

Quais são as funções de cada especialista em Data Science?

Como bem destacamos, hoje, dentro dessa área de Big Data, o profissional de maior destaque e procura no mercado ainda é o analista. Porém, há inúmeras outras especializações que podem proporcionar diferenciais competitivos e, consequentemente, agregar salários e oportunidades ainda maiores.

A seguir, nós explicamos melhor o que cada um desses especialistas faz na prática. Confira:

  • especialista em dados: em geral, essa especialização se amplia a diversos profissionais da área, especialmente pra aqueles que possuem algum curso ou conhecimento específico, mas não necessariamente detém formação ou graduação em Big Data;
  • engenheiro de dados (Data Engineer): é o profissional responsável por desenhar, construir e manter a solução de dados da empresa. Ou seja, ele monta todo o processo pra levantar e mensurar os dados de diferentes fontes. A finalidade é a de disponibilizar tais informações de uma forma organizada e planejada pra que possam ser trabalhadas mais facilmente pelos analistas e especialistas;
  • analista de dados (Data Analytics): é o profissional que levanta e analisa os dados de uma determinada fonte e os repassa. Trata-se de um trabalho realizado de forma detalhada e estratégica, no qual os gestores entendem como o negócio está se comportando;
  • cientista de dados: este tenta prever como o negócio deve se comportar daqui pra frente e que tipos de ações e estratégias devem ser aplicadas no futuro.

Vale destacar que essas não são as únicas especializações possíveis que um profissional de Big Data pode ocupar dentro de uma organização. 

Aliás, existe uma enorme variedade de ocupações nesse setor, o que pode variar entre as empresas. Consequentemente, os proventos e responsabilidades são diferentes em cada caso.

big data salário - pessoa analisando gráficos na tela do computador

Big Data: salário de um profissional da área

Por ser um mercado extremamente amplo e diversificado, tanto o analista de Big Data, como outras especializações dependem de diferentes fatores pra mensurar uma média de seus proventos.

Na própria pesquisa destacada nos tópicos anteriores, foi também realizado um levantamento sobre as faixas de ganhos dos profissionais do setor. Segundo esses dados, os salários podem chegar até R$ 22 mil, dependendo da empresa, da função e, principalmente, da capacitação do profissional.

Mas na média geral, um analista de Big Data, hoje, tira entre R$ 4 mil a R$ 9 mil. Engenheiros e cientistas podem variar de R$ 7 mil a R$ 15 mil.

big data salário - pessoa trabalhando com linguagem de programação

Como se especializar em Big Data?

Atualmente há uma infinidade de cursos e graduações específicas pra quem quer se especializar em análise de dados.

No entanto, como bem vimos, os salários e proventos mais atraentes desse mercado se direcionam a profissionais mais capacitados e com especializações no currículo.

Além disso, vale reforçar que, apesar da grande demanda por profissionais na área, este é um setor de extrema exigência, que demanda por colaboradores realmente preparados e com uma boa bagagem de conhecimento.

Portanto, como dica, além da graduação, é fundamental investir em uma especialização a mais em Big Data, tal como uma pós ou MBA. Sem dúvida, esse é o primeiro passo pra conquistar melhores posições e proventos na área.

Em resumo, estas foram algumas das dicas mais essenciais pra quem tem interesse em se especializar como analista de Big Data. Vale ficar de olho no melhor caminho pra chegar até o topo, com uma boa posição profissional e um salário satisfatório, viu?!

E, se você curtiu e já quer colocar esse desafio na agenda, a gente te convida a conhecer o novo curso de MBA Online Big Data e Inteligência Competitiva do Descomplica. Aproveite a oportunidade e bons estudos!