• Aumentar Fonte
  • Diminuir Fonte
  • Trocar contraste

Entenda a importância do atendimento pré-hospitalar (APH)

Você sabe o que é atendimento pré-hospitalar? Quando bem-feito, é possível considerá-lo uma etapa imprescindível da prestação de socorro, consistindo, via de regra, na ida de uma equipe médica até o lugar onde está a vítima que requer cuidados.

Conhecido também pela sigla APH, em termos simples, ele se refere aos procedimentos que são executados tanto a caminho do hospital quanto na cena em que se deu o acidente. 

Geralmente, as suas ações têm uma concentração maior em circunstâncias de urgência e/ou de emergência e, na sua constância, ocorrem a avaliação, a estabilização clínica e um pré-diagnóstico.

Após, então, há o encaminhamento pra unidade hospitalar, onde será feita a intervenção necessária.

No entanto, a gente sabe que não são poucas as dúvidas acerca do APH. Elas comumente envolvem o que efetivamente faz um profissional que atua nessa área, quais são os tipos de atendimento envolvidos e quais são as suas etapas.

Pensando nisso, a gente elaborou este post com o intuito de sanar os questionamentos mais comuns acerca do procedimento. Bora lá conferir?!

atendimento pré-hospitalar - kit de primeiros socorros

O que se pode entender como atendimento pré-hospitalar (APH)?

Como é sabido, os atendimentos iniciais prestados a uma vítima são de vital importância não só pra sobrevivência, como também pra um bom prognóstico.

Inclusive, há procedimentos que, pra terem a necessária eficácia, precisam ocorrer poucos minutos (ou até somente segundos) após a ocorrência de um acidente, por exemplo.

Nesse sentido, é imprescindível que haja profissionais altamente qualificados pra execução desse primeiro atendimento, que ocorre de forma antecipada, antes da chegada da assistência médica que será responsável pelo socorro mais complexo.

Então, um dos meios pelos quais pode ocorrer essa tal assistência emergencial é justamente o APH. A seguir, a gente vai explicar melhor o que se pode entender como atendimento pré-hospitalar.

O conceito

O APH é o atendimento efetuado por um profissional da área de saúde com a finalidade de prestar socorro a indivíduos que experienciam uma emergência clínica ou que foram vítimas de um acidente, ou seja, uma primeira assistência

Assim, este atendimento abarca tanto os procedimentos médicos necessários pra estabilização do paciente quanto o seu deslocamento pra uma unidade de pronto atendimento. A regulamentação desse serviço se dá por meio da Portaria nº 2048.

Os tipos de atendimento pré-hospitalar

O atendimento pré-hospitalar pode ser de dois tipos distintos: fixo ou móvel. A seguir, a gente vai explicar de forma didática cada um deles.

APH fixo

O APH fixo é aquele que se dá em unidades de saúde de reduzida complexidade com o intuito de oferecer ao indivíduo uma primeira assistência até que seja possível realizar a sua transferência pra um nível superior.

APH móvel

No Brasil, o SAMU (Serviço de Atendimento Médico de Urgência) é o maior exemplo de APH móvel, embora essa categoria abarque também o corpo de bombeiros e outros serviços móveis de urgência.

Nesse caso, por meio de automóveis especializados, os profissionais de saúde chegam até a vítima e atuam nos primeiros cuidados que são essenciais pra manutenção da vida e pra estabilização do paciente.

Em seguida, a vítima é transportada pra alguma unidade de saúde que disponha dos meios requeridos pra continuidade da assistência.

atendimento pré-hospitalar - kit de primeiros socorros

Quais são as etapas do atendimento pré-hospitalar?

De forma bastante simples, o APH abrange três etapas. Veja a seguir:

  • assistência ao paciente no local da ocorrência;
  • transporte do paciente à unidade hospitalar;
  • chegada do paciente ao hospital.

Além disso, também é fundamental enfatizar que o atendimento pré-hospitalar se “desmembra”, basicamente, em duas modalidades, que compreendem:

  • SBV (Suporte Básico à Vida) — caracterizado por não envolver a execução de manobras invasivas;
  • SAV (Suporte Avançado à Vida) — caracterizado pela realização de procedimentos mais invasivos de suporte circulatório e também ventilatório, como a administração de medicações, o acesso venoso e a intubação orotraqueal.
atendimento pré-hospitalar - profissional da saúde mexendo no kit de primeiros socorros

O que efetivamente fazem os profissionais de APH?

Basicamente, o profissional habilitado pra prestar o atendimento pré-hospitalar deve executar algumas ações básicas, que são:

  • avaliar o cenário de forma cautelosa — identificando a situação e os riscos do ambiente, como o quadro atual pode evoluir, as potenciais ameaças ao entorno e quais são os recursos que devem ser acionados;
  • acionar a equipe responsável pelo resgate — o que é feito se necessário após a avaliação anterior, mantendo em mente que solicitar esse socorro é tão fundamental quanto prestar os primeiros cuidados à vítima;
  • sinalizar o lugar — o que é especialmente relevante em se tratando de casos de acidentes, principalmente os automobilísticos;
  • utilizar barreiras de proteção — o que está diretamente relacionado com o uso de EPIs (Equipamentos de Proteção Individual), valendo dizer que isso se aplica tanto ao ambiente pré-hospitalar quanto ao ambiente hospitalar;
  • relacionar as testemunhas — o que é crucial pra própria proteção profissional, legal e pessoal enquanto prestador do socorro à vítima;
  • fazer a correta abordagem — o que inclui, por exemplo, a sua própria identificação perante o indivíduo a ser atendido e a classificação deste (se é um bebê, uma criança ou um adulto, por exemplo).
atendimento pré-hospitalar - profissional da saúde colocando soro

Qual é a importância do atendimento pré-hospitalar?

O APH visa, como dito, tanto à preservação das condições vitais da vítima quanto o seu deslocamento até uma unidade hospitalar sem a geração de eventuais traumas.

Pra tanto, um atendimento pré-hospitalar verdadeiramente qualificado é fundamental e altamente importante pra que o indivíduo chegue com vida ao hospital.

Você se identificou com essa área de atuação? Pois saiba que existe uma especialização com o intuito de preparar os profissionais da área da saúde pra exercê-la. É a pós-graduação em Urgência, Emergência e Atendimento Pré-Hospitalar. 

Aqui na Pós Descomplica, por exemplo, o curso tem duração de 360 horas e conta com aulas 100% online, provas realizadas a distância, lives semanais com o corpo docente pra tirar quaisquer dúvidas e muito mais. A gente acredita que educação é pra todos e o nosso objetivo é realmente descomplicar pra você.

E aí? Agora que você já entendeu o que é atendimento pré-hospitalar, que tal dar aquele upgrade na sua carreira e se especializar pra atuar na área?

Faça já a sua inscrição na Pós em Urgência, Emergência e Atendimento Pré-Hospitalar e estude com a gente! Partiu?!