Questão 100 da prova azul do segundo dia do Enem 2021

No seu estudo sobre a queda dos corpos, Aristóteles afirmava que se abandonarmos corpos leves e pesados de uma mesma altura, o mais pesado chegaria mais rápido ao solo. Essa ideia está apoiada em algo que é difícil de refutar, a observação direta da realidade baseada no senso comum.

Após, uma aula de física, dois colegas estavam discutindo sobre a queda dos corpos, e um tentava convencer o outro de que tinha razão:

Colega A: “O corpo mais pesado cai mais rápido que um menos pesado, quando largado de uma mesma altura. Eu provo, largando uma pedra e uma rolha. A pedra chega antes. Pronto! Tá provado!”.

Colega B: “Eu não acho! Peguei uma folha de papel esticado e deixei cair. Quando amassei, ela caiu mais rápido. Como isso é possível? Se era a mesma folha de papel, deveria cair do mesmo jeito. Tem que ter outra explicação!”.

 

HÜLSENDEGER, M. Uma análise das concepções dos alunos sobre a queda dos corpos. Caderno Brasileiro de Ensino de Física, n. 3, dez. 2004 (adaptado).

O aspecto físico comum que explica a diferença de comportamento dos corpos em queda nessa discussão é o(a)

  1. peso dos corpos.
  2. resistência do ar.
  3. massa dos corpos.
  4. densidade dos corpos.
  5. aceleração da gravidade.

Comentário da questão

Questão conversa sobre corpos abandonados de uma mesma altura atingir o solo em tempos diferentes. Isso só ocorre na presença de resistência do ar. Vemos que duas folhas de papéis idênticas, porém em formatos diferentes, caem, quando abandonadas da mesma altura, em tempos diferentes, com isso fica evidente que o peso dos corpos não interfere na sua queda livre.

Equipe Descomplica
A melhor equipe de professores do Brasil ;)

Gabarito da questão

Opção B

Questões correspondentes

93 112 115 0

Assunto