Quer ficar por dentro das novas questões do Enem?

Cadastre-se e receba um aviso sempre que novas questões estiverem disponíveis!

O Instituto de Arte de Chicago disponibilizou para visualização on-line, compartilhamento ou download (sob licença Creative Commons), 44 mil imagens de obras de arte em altíssíma resolução, além de livros, estudos e pesquisas sobre a história da arte.

Para o historiador da arte, Bendor Grosvenor, o sucesso das coleções on-line de acesso aberto, além de democratizar a arte, vem ajudando a formar um novo público museológico. Grosvenor acredita que quanto mais pessoas forem expostas à arte on-line, mais visitas pessoais acontecerão aos museus.

A coleção está disponível em seis categorias: paisagens urbanas, impressionismo, essenciais, arte africana, moda e animais. Também é possível pesquisar pelo nome da obra, estilo, autor ou período. Para navegar pela imagem em alta definição, basta clicar sobre ela e utilizar a ferramenta de zoom. Para fazer o download, disponível para obras de domínio público, é preciso utilizar a seta localizada do lado inferior direito da imagem.

Disponível em: www.revistabula.com. Acesso em: 5 dez. 2018 (adaptado).

 

A função da linguagem que predomina nesse texto se caracteriza por

  1. evidenciar a subjetividade da reportagem com base na fala do historiador de arte.
  2. convencer o leitor a fazer o acesso on-line, levando-o a conhecer as obras de arte.
  3. informar sobre o acesso às imagens por meio da descrição do modo como acessá-las.
  4. estabelecer interlocução com o leitor, orientando-o a fazer o download das obras de arte.
  5. enaltecer a arte, buscando popularizá-la por meio da possibilidade de visualização on-line.

Comentário da questão

O caráter referencial do texto se manifesta pela ênfase na informação a respeito de como acessar as imagens.

Equipe Descomplica
A melhor equipe de professores do Brasil ;)

Gabarito da questão

Opção C

Questões correspondentes

29 44 23

Assunto