Questão 31

Querido Sr. Clemens,

Sei que o ofendi porque sua carta, não datada de outro dia, mas que parece ter sido escrita em 5 de julho, foi muito abrupta; eu a li e reli com os olhos turvos de lágrimas. Não usarei meu maravilhoso broche de peixe-anjo se o senhor não quiser; devolverei ao senhor, se assim me for pedido…

OATES, J. C. Descanse em paz. São Paulo: Leya, 2008.

Nesse fragmento de carta pessoal, quanto à sequenciação dos eventos, reconhece-se a norma-padrão pelo(a)

  1. colocação pronominal em próclise.
  2. uso recorrente de marcas de negação.
  3. emprego adequado dos tempos verbais.
  4. preferência por arcaísmos, como “abrupta” e “turvo”.
  5. presença de qualificadores, como “maravilhoso” e “peixe-anjo”.

Comentário da questão

A carta, apesar de indicar ao leitor certa coloquialidade por ser pessoal, aborda o emprego correto dos tempos verbais, predominando o pretérito perfeito.

Equipe Descomplica
A melhor equipe de professores do Brasil ;)

Gabarito da questão

Opção C

Questões correspondentes

41 13 16 0

Assunto