Mapa Mental: Princípio de Le Chatelier

25/07/2016 Larissa Coelho

Saiba mais sobre o Princípio de Le Chatelier (ou “Le Chatôlier”, para os íntimos, rs) com esse mapa mental!

mapa-qui-principio-chatelier

 

O Equilíbrio Químico ocorre quando, em uma reação reversível, a velocidade da reação direta é igual à velocidade da reação inversa. Uma vez atingido o estado de equilíbrio, as concentrações de reagentes e produtos permanecem constantes. Consideremos a equação genérica:

EQ2

onde v1 é a velocidade da reação direta e v2 a velocidade da reação inversa.

Esse estado é alcançado, em outras palavras, quando a concentração de reagentes e produtos permanece constante. Observe:

EQ3

No início v1 é o máximo porque as concentrações de A e B apresentam valores máximos, enquanto v2 é igual a zero, porque C e D ainda não foram formados. À medida que a reação ocorre, A e B diminuem, e C e D aumentam, portanto, v1 diminui e v2 aumenta, até que as duas velocidades se igualem. No instante em que v1 = v2, podemos dizer que o sistema atinge o estado de equilíbrio.

Atingido o estado de equilíbrio, a reação química continua a ocorrer (nível microscópico) nos dois sentidos, com a mesma velocidade e, portanto, as concentrações de reagentes e produtos ficam constantes. Por isso, podemos dizer que o equilíbrio é um equilíbrio dinâmico.

Ao considerarmos o sistema como um todo (nível macroscópico), aparentemente a reação “parou” de acontecer, porque as concentrações de reagentes e produtos permanecem inalterados indefinidamente.

Para que o estado de equilíbrio possa ser atingido, é necessário que:

– o sistema encontre-se num recipiente fechado;

– a temperatura fique constante.

Classificação

Os equilíbrios químicos podem ser classificados em homogêneos e heterogêneos.

Equilíbrio Homogêneo

É aquele em que todos os participantes se encontram numa única fase. Portanto, classificamos o sistema como sendo homogêneo.

H2(g) + I2(g)  SETA2HI(g)

HCN(aq) SETAH+(aq) + CN(aq)

Equilíbrio Heterogêneo

É aquele em que os participantes se encontram em mais de uma fase. Portanto, classificamos o sistema como sendo heterogêneo.

C(s) + O2(g) SETACO2(g)

Constante de equilíbrio químico

As constantes de equilíbrio são determinadas com base nas concentrações, em mol/L, das espécies químicas envolvidas e são representadas por KC. Observe o exemplo a seguir:

2 Fe(s) + 3 Cu2+(aq) SETA 2 Fe3+(aq) + 3 Cu(s)

UM RESUMO COMPLETO SOBRE EQUILÍBRIO QUÍMICO ESTÁ TE ESPERANDO BEM AQUI.

Não deixe de conferir também os 3 fatores que vão te fazer entender porque as lentes dos óculos mudam de cor e, depois, resolva exercícios de vestibular sobre Equilíbrio Químico e teste seus conhecimentos! 🙂

Larissa Coelho

Larissa Coelho escreveu 3136 artigos

Deixe o seu comentário!

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *