• Aumentar Fonte
  • Diminuir Fonte
  • Trocar contraste

Redação: Coesão e Coerência

Oi, pessoas! Tudo bem?

Durante as aulas de desenvolvimento, discutimos a necessidade de se “produzir sentido” em um texto. Esse sentido é conhecido como coerência textual. Falamos, também, sobre a forma de se manter as partes de um texto conectadas, amarradas, o que conhecemos como coesão textual. Embora tais noções já tenham sido passadas de forma a facilitar a construção do texto, faz-se necessário estudar de forma mais profunda a questão da coesão.

A coesão de um texto pode ser definida como a forma de se estabelecer ligações, conexões entre as partes de um texto, evitando repetições entre as palavras, através de mecanismo específicos. Há três níveis de ligações: o intrafrasal, ou seja, aquele que estabelece a ligação entre os elementos dentro do período; o interfrasal, em que pelo menos dois períodos se conectam; e o interparagrafal, pelo qual a conexão ocorre entre parágrafos diferentes.

Os mecanismos de coesão são dois: a coesão referencial e a coesão sequencial. Falemos um pouquinho sobre cada uma delas.

A coesão referencial é responsável por evitar repetições entre as palavras, e utiliza recursos anafóricos e catafóricos, se referindo a termos que vêm antes ou depois do mecanismo de coesão, respectivamente. Os recursos utilizáveis são inúmeros; entre os principais, temos os pronomes, os sinônimos, outros grupos de palavras muito úteis, os hipônimos e hiperônimos, os epítetos, as metonímias, os advérbios e os numerais.

Os elementos de coesão sequencial são responsáveis – como o próprio nome sugere – pelo sequenciamento ou andamento do texto. Estabelecem as principais ligações entre as partes da sua redação, de forma que a coesão textual se manifeste mais notoriamente. Entre os principais recursos, destacam-se as frases de apoio, os conectivos e os ganchos semânticos.

Na aula ao vivo do nosso site, você vai poder entender um pouquinho mais de cada um desses elementos de coesão. Que tal dar uma olhada?

Responsáveis pelas competências 3 e 4 de sua redação, a coesão e a coerência somam 400 (se você ainda não entendeu: quatrocentos!!!!) pontos na sua nota do ENEM. Achoque dá pra ver a importância delas no texto, né?

Vamos escrever? Bom texto e bom 1000!

 

Esse resumo foi produzido pelo monitor de Redação Bernardo Soares.