• Aumentar Fonte
  • Diminuir Fonte
  • Trocar contraste

Questões comentadas: Eixo Temático 1: Ciência e Tecnologia

Leia o resumo O que falar sobre Ciência e Tecnologia em uma redação de vestibular? e resolva os exercícios abaixo.

1. Analise as sentenças abaixo sobre a relação entre ciência e tecnologia e, em seguida, assinale a alternativa correta:

I – A ciência e a tecnologia, por serem culturas e produtos humanos, apresentam dimensões de ordem filosófica, política, econômica e social que, necessariamente, as enquadram em contextos sócio-históricos, com os quais interagem e se desenvolvem;

II – As nações investem em ciência objetivando a expansão do conhecimento humano, o aprimoramento do seu corpo de técnicos e cientistas a longo prazo, para uma possível exploração de novos princípios e materiais;

III – Os investimentos em tecnologia visam aperfeiçoar o parque industrial e melhorar a qualidade dos produtos, tendo em vista a competição e tradicionalmente, o prestígio político e econômico.

a) Nenhuma das sentenças está correta.

b) Somente as sentenças II e III estão corretas.

c) Somente a sentença I está correta.

d) Todas as sentenças estão corretas.

e) Somente as sentenças I e II estão corretas.

 

 

2. Qual lei, aprovada em 2004, estimula a criação de ambientes especializados e cooperativos de inovação no Brasil?

 

 

Gabarito

1. D

Comentário: Conforme a UNESCO, “a ciência é o conjunto de conhecimentos organizados sobre os mecanismos de causalidade dos fatos observáveis, obtidos através do estudo objetivo dos fenômenos empíricos”; já “a tecnologia é o conjunto de conhecimentos científicos ou empíricos diretamente aplicáveis à produção ou melhoria de bens ou serviços”.  É válido destacar que as descobertas e as invenções sempre fizeram parte da história da humanidade e, em razão das suas valiosas contribuições, as nações têm investido nos avanços tecnológicos e científicos, buscando com isso o desenvolvimento de diversas áreas.

2. A Lei de Inovação Tecnológica (Lei nº 10.973, de 2 de dezembro de 2004), que estabelece medidas de estímulo à inovação e à pesquisa científica e tecnológica no ambiente produtivo, com vistas à capacitação e ao alcance da autonomia tecnológica e ao desenvolvimento industrial do país. Além disso, ela incentiva a colaboração entre universidades, instituições de Ciência e Tecnologia (ICTs), pesquisadores e empresas brasileiras no desenvolvimento de projetos tecnológicos, objetivando o aprimoramento de produtos competitivos no mercado exterior.