• Aumentar Fonte
  • Diminuir Fonte
  • Trocar contraste

Exercício Resolvido: Soluções

Banner-Blog_monitoria_1349x504px_exercicio-Resolvido

Para resolver essa questão assista uma aula sobre Soluções.

 

Hoje vamos resolver uma questão da primeira fase da UERJ, de 2013! IRRA!

1. (UERJ) Em um laboratório, duas torneiras enchem dois recipientes, de mesmo volume V, com diferentes soluções aquosas. Observe os dados da tabela.

 01

O gráfico abaixo mostra a variação do volume do conteúdo em cada recipiente em função do tempo.

02

Admita que as soluções depositadas em R1 e R2 até o instante t = 40 s tenham sido misturadas em um novo recipiente, formando uma solução neutra.

Sabendo que a concentração inicial da solução ácida é igual a 0,10 mol·L-1, a concentração inicial da solução básica, em mol·L-1, corresponde a:

a) 0,10
b) 0,15
c) 0,20
d) 0,25

 

 

 

 

 

 

GABARITO

1. B

Após 40 s, o volume de solução aquosa de ácido clorídrico de concentração 0,10 mol.L -1 depositado em R1 corresponde a V

O volume de solução aquosa de hidróxido de sódio depositado em R2 em 40 s é determinado a partir de uma relação de proporcionalidade, pois sabe-se que em 60 s, o volume equivale a V:

60 – V

40 – x

x = 40·V/60 = 2V/3

A reação química entre o ácido clorídrico e o hidróxido de sódio é representada por:

HCl + NaOH → NaCl + H2O

Dessa equação, pode-se constatar que a proporção estequiométrica entre ácido e base é de 1:1. Logo, há equivalência quando o número de mols de HCl (nA) é igual ao número de mols de NaOH (nB):

nA = nB

Em uma solução, o número de mols é igual ao produto da concentração em quantidade de matéria (C), em mol·L-1, pelo volume (V), em litros:

CA·VA = CB·VB

Substituindo os valores, teremos:

0,10M·V = CB·2V/3

CB = 0,15 mol·L-1

Certinho, galerinha? Dúvidas? Comentem! 😀