• Aumentar Fonte
  • Diminuir Fonte
  • Trocar contraste

Aqui estão 4 dicas para você arrasar na interpretação de tirinhas no vestibular. Vai perder?

Vida de vestibulando não para! E para te dar o melhor suporte, vamos fazer uma análise sobre as tirinhas ou, se você preferir, história em quadrinhos? Sim! Elas estão em todas as provas e o vestibular a-d-o-r-a, porque há uma infinidade de possibilidades com que as mesmas possam ser trabalhadas. Vamos dar uma olhada?

 

1. Não dá para contestar: Mafalda reina!

Não tem como fugir! A argentina mais idolatrada nos vestibulares e a mais abordada é a Mafalda! Suas tirinhas, feitas pelo saudoso cartunista Quino, possui um leque de possibilidades temáticas. Seu grande diferencial é despertar no leitor a consciência crítica e reflexiva sobre questões sociais, econômicas e culturais – sem perder a leveza da dose humorística e deixando a situação mais informal.

4 dicas para interpretar tirinhas no vestibular 4 dicas para interpretar tirinhas no vestibular

2. Fique de olho nos elementos não verbais!

Fazer a interpretação das tirinhas não requer somente a atenção nas personagens ou no discurso. No ano de 2012, a Uerj abordou uma questão que deixou muita gente de cabelo em pé. Façamos uma análise:

4 dicas para interpretar tirinhas no vestibular

O enunciado perguntava ao leitor como se deu o destaque pelo desaparecimento da minhoca no 2ª quadrinho. A resposta dessa questão correspondia ao apagamento da moldura no quadro, pois a ideia proposta pelo autor era remover um elemento externo (a moldura), para destacar a ação interna à imagem (a minhoca se escondendo das cobras). Difícil, não? Interpretação é tudo!

 

3. Saiba relacionar o assunto abordado com seus conhecimentos

Capitalismo, desigualdade social, estereótipos, questões trabalhistas: esses são alguns dos temas que as tirinhas podem utilizar a fim de que o leitor saiba argumentar e dissertar A prova da Unicamp, já realizou essa estratégia. Dá uma olhada:

4 dicas para interpretar tirinhas no vestibular

Além da visível reflexão sobre os danos ambientais, a banca foi mais a fundo, perguntando sobre os aspectos regionais do discurso dos personagens. Ou seja: variabilidade linguística! O candidato deveria dissertar sobre o assunto e explicar sobre os desvios oracionais presentes na fala de Chico Bento e seu amigo.

4. As tirinhas também cobram gramática!

Gente, português é vida <3 Interpretação de texto, mais ainda. Na prova da UFSCAR, a tirinha relacionava aos conhecimentos gramaticais, sobre a transitividade dos verbos. Você sabe né? Em muitos contextos, o uso da preposição pode alterar o valor semântico que o verbo exerce. Portanto, não vacile para a preposição, hein?

4 dicas para interpretar tirinhas no vestibular

No primeiro quadrinho, o verbo intransitivo vencer acompanha a preposição ‘na’ (em+a), dando a ideia de expressar o lugar onde o personagem venceu. Já no segundo quadrinho, o verbo transitivo vencer estabelece o valor semântico de superação, de criar uma proposta/projeto melhor do que a ONU.

 

Pode falar: é mais fácil do que você imaginava, não é mesmo?

*Dancinha comemorativa da vitória*

Já sabe, né? Incorpore essas dicas na sua alma de vestibulando e prepare-se para a sua aprovação. Ah, e também deixe seu comentário! :]