• Aumentar Fonte
  • Diminuir Fonte
  • Trocar contraste

Movimentos Circulares

Olá galera! Continuamos a estudar bastante? Então vamos continuar sem desanimar o nosso caminho!

Veremos hoje um apanhado geral do nosso querido (nem tanto assim né) Movimento Circular.

Para entendermos o M.C.U e o M.C.U.V. , vamos começar fazendo um link, desse movimento com o que vimos no outro post.

Nós podemos relacionar as grandezas envolvidas nos movimentos circulares com as do movimento retilíneo. Todas elas possuem um correspondente, vamos a eles?

-ΔS, agora se transforma em Δθ (a nossa distancia será angular agora, lembra que estamos andando em um circulo?)

-V => ω ( a velocidade agora é angular [ rad/s ] )

– o tempo é o mesmo né?

– a => α  ( a aceleração também é angular)

A relação entre todas essas grandezas é muito simples. Basta multiplicarmos por R (raio da sua trajetória) as grandezas angulares e termos as lineares. Por exemplo:

V= ωR

S=θR

Lembrando que todas as equações do movimento retilíneo, valem para o circular, trocando apenas as letras. O que era S, vira θ, o que era V, vira ω, e o que era a, vira α.

Temos mais dois conceitos para analisarmos, o de Freqüência ( f ), e o de Período ( T ).

A definição de freqüência é a seguinte: Freqüência é o número de voltas que um corpo dá em um segundo. ( ou seja, quantas vezes ele gira o circulo todo por segundo)

Período é o quanto tempo leva para o corpo da uma volta completa ( ou seja, em quanto tempo ele consegue dar a volta no circulo).

Podemos relacionar a freqüência com o período da seguinte maneira:

T= 1/f

Podemos ainda relacioná-los com o movimento, por meio da seguinte fórmula:

ω= 2πf

Vale lembramos rapidinho sobre transmissão de movimento por meio de polias ( ou rodas dentadas).

Temos 3 conjuntos:

Nas polias ligadas por meio de corda ou correntes (tipo as coroas da sua bicicleta) temos que a velocidade linear (V) é igual para qualquer ponto da corda.

Nas ligadas por eixo fixo (tipo o eixo dos carros) a velocidade angular (ω) é igual para todas.

E nas ligadas por contato (tipo as engrenagens dos relógios que vemos nos desenhos) o V é igual para todas.

Bom galera, ficamos por aqui! No próximo post eu trago a tabela de unidades como prometido para vcs. Lembrem-se de deixar seus comentários ai em baixo.

Abraços e beijos, Até a próxima!

Contato: eduardo@descomplica.com.br

Sigam-me no twitter para atualizações!