• Aumentar Fonte
  • Diminuir Fonte
  • Trocar contraste

10 maneiras de entender porcentagens que não sejam indicadoras de bateria do seu celular

Você provavelmente já sabe que calcular porcentagens é questão certa no Enem, não é? O que você talvez não saiba é como facilitar as contas e os tipos de problemas que costumam aparecer!

1. Porcentagem é constantemente utilizada no mercado financeiro.

Descontos em lojas para pagamentos à vista são uma das formas de se utilizar porcentagens. Para facilitar as contas, podemos lembrar que 100% é, aritmeticamente igual a 1. Se eu desejo calcular x% de um determinado valor para dar um desconto, basta fazer 1 – x% e multiplicar pelo valor. Exemplo? 20% de desconto para comprar uma geladeira que custa R$2000,00. Basta fazer (1 – 0,2).2000 = 0,8.2000 = R$1600,00.

Agiliza e diminui as chances de erros.

 

 

2. Da mesma forma, para cobrar juros, basta fazer 1 + x% direto.

Mais exemplo? 25% de juros para pagamento de uma geladeira que custa R$2000,00 com cheque pré-datado. Basta fazer (1 + 0,25).2000,00 = 1,25.2000 = R$2500,00.

“Estou 100% certo de que tenho 0% de certeza do que eu vou fazer.”

 

3. Para calcular porcentagens é preciso saber aritmética básica (multiplicação e divisão):

Como calcular 48% de 400? Basta fazer (48/100).400 = 192.

Multiplicando muito na zoeira!

 

4. Ou a velha e boa regra de três:

48 ——- 100

X  ——– 400

Multiplicando cruzado, encontramos: 100x = 48.400 à x = 192.

“A matemática nunca foi minha amiga”

 

5. A porcentagem aparece constantemente em questões de conjuntos.

Nesses casos, muitas vezes podemos tratar o total como 100 para facilitar as contas. Exemplo: Numa classe de x alunos, 30% são meninas e 50% das meninas são loiras. Qual a porcentagem, em relação ao total de alunos, de meninas que não são loiras? Ora, podemos considerar que a classe tem 100 pessoas. Assim, temos 30 meninas das quais a metade (50%) são loiras, ou seja, 15 loiras e 15 não loiras. Como tínhamos considerado o total como 100, basta reincluir a porcentagem: 15%

tumblr_inline_mgymoz8k3m1r6h22v

“60% das vezes, funciona toda vez.”

 

6. Porcentagem nas probabilidades.

Como as probabilidades são números decimais (variando entre 0 e 1), podemos escrevê-las sob a forma de porcentagem. É apenas uma outra forma de escrever, mas é muito comum.

De acordo com a nossa menina malvada tem 30% de chance de já estar chovendo!

 

7. Transformando um número decimal em porcentagem.

Exemplo: 0,25 = 25/100 = 25%; 0,125 = 125/1000 = 12,5/100 = 12,5%.

Simples não? Basta um pouco de conhecimento aritmético.

 

8. Aumento percentual sobre aumento percentual.

Como fazer para calcular quantos por centos de aumento uma pessoa terá no total se num primeiro momento ela tiver um aumento de 10% e num segundo momento um aumento de 25%. Tomando por base um salário qualquer x, o primeiro aumento dará um novo salário de 1,1x. O segundo aumento será em cima do novo salário, logo, 1,25(1,1x). Ou seja: 1,375x. Analogamente, temos um aumento de 37,5%.

 

9. E como calcular um aumento e um desconto?

Uma pessoa recebe x e tem um aumento de 25%, no mês seguinte, tem um desconto de 10% sobre o novo salário. Qual a variação percentual do salário. 1,25x num primeiro momento e depois, 0,9(1,25x). Ou seja, 1,125x. Como já sabemos, 12,5% de aumento.

Todos nos sentimos assim durante uma prova de matemática.

 

10. Agora me diga:

Se uma pessoa ganha R$1000,00 e tem um desconto de 20%, quantos por centos ela precisa receber de aumento para voltar a ganhar os R$1000,00? 0,8.1000 = 800. X.800 = 1000. X = 1,25, ou seja, 25% de aumento.

Pode falar, depois dessas dicas tudo fez sentido! 😉

 

Agora você já sabe que porcentagem serve para mais coisa além de medir a sua bateria do celular, hein? Curtiu? Deixe seu comentário diga pra gente o que você quer ver no blog! 😀