• Aumentar Fonte
  • Diminuir Fonte
  • Trocar contraste

Pare tudo o que está fazendo! Você não pode perder esse resumo sobre a Comissão da Verdade e Lei da Anistia

Tenho certeza de que vocês estavam muito ansiosos e ansiosas por esse resumo. Vamos então unir toda nossa vontade de aprender e vamos descomplicar juntos a ditadura e seus percalços ainda muito presentes na atualidade, falando um u sobre a lei da Anistia e a Comissão da verdade.

A lei da anistia foi criada em 29 de Agosto de 1979 pelo presidente do regime militar Figueiredo no período da ditadura. Houve, na sociedade, muitas lutas pela anistia, defendidas por políticos da oposição e estudantes. A luta pela anistia concedia a soltura dos presos políticos da oposição, além do perdão irrestrito para todos os exilados pela ditadura.

1 ditadura

Como acabei de dizer, a lei da anistia oferecia o perdão irrestrito! Eis a grande questão, aluno e aluna! O perdão não era tão irrestrito assim, não abrangia os acusados de terrorismo (em sua maioria guerrilheiros) e nem os considerados assassinos (guerrilheiros também). Mas adivinha? Os militares torturadores foram perdoados! Então vamos falar uma gotinha sobre essa questão dos militares torturadores? Toda história, bom aluno e boa aluna, tem dois lados, então essa que estamos contando também. Há quem diga que a Lei de Anistia favoreceu os torturadores e há também quem ache que não.

2

E a Comissão Nacional da Verdade, o que ela é e o que ela tem a ver com tudo isso? Ela foi uma comissão criada por uma lei, no ano de 2012, que tem como dever investigar violações dos direitos humanos cometidas durante a ditadura. Sabe uma coisa que essa comissão fez de muito legal? Não? Eu te conto! Lembra-se do Wladimir Herzog, que eu te contei que foi morto por militares, mas que alegaram ser suicídio? Pois é, a família dele conseguiu, através da Comissão, com que fosse retirada a causa de morte em sua certidão de óbito como suicídio e fosse colocada morte por maus tratos nas localidades do DOI-CODI. Que tal você dar uma olhada no site e me contar depois o que achou? O mais importante é você poder tirar suas próprias conclusões!

Hoje, o Brasil possui muitos grupos contrários à tortura “para que não se esqueça e para que nunca mais aconteça”. Como, por exemplo, o grupo “Tortura Nunca Mais”. Já ouviu falar? É bem interessante. Eles apoiam os direitos humanos e luta pela memória dos desaparecidos, mortos e torturados na ditadura. Eles foram reconhecidos como grupo que tem utilidade pública e sem fins lucrativos. Isso é muito importante para vermos como temos tanta gente lutando ainda hoje pelos direitos e pela democracia, além de lutar também pela justiça. É legal perceber que, ainda hoje, é importante discutir sobre as consequências da ditadura militar, pois, além de cair no vestibular, esse assunto faz parte da minha, da sua, da nossa história.

ditadura 3

Beijos históricos para vocês, como sempre! E, é claro, comentem aí e me digam o que acharam sobre o resumão de hoje!