• Aumentar Fonte
  • Diminuir Fonte
  • Trocar contraste

V de Vestibular: saiba como o filme “V de Vingança” te ensina tudo sobre Fascismo em 4 passos

Saiba mais sobre o Fascismo com o filme “V de Vingança” e aprenda da melhor forma possível para o Enem e vestibulares: se divertindo!

tumblr_lg6vwc7XGB1qdxd0io1_500

O filme “V de Vingança” se passa numa Inglaterra futurista. Baseado na HQ de Alan Moore, o filme retrata uma Inglaterra que sobrevive a uma Terceira Guerra Mundial. Depois de algum tempo, a ordem e a paz é estabelecida, porém por meio de uma série de golpes e manipulações ideológicas de um governo de caráter fascista. Mas para entender o que se passa no filme, precisamos entender o conceito de fascismo. O fascismo pode ser entendido como movimento ideológico, ou, regime político autoritário que se utiliza de práticas repressivas, norteado pelo antiliberalismo e antisocialismo e pela antidemocracia. Ganhou força na década de 1920, como consequência da Primeira Guerra Mundial, e pode ser entendido também, pela evocação e defesa das origens e identidades nacionais ou raciais, e exaltação o nacionalismo ao extremo.

1 – O culto a liderança, ou a personalidade

O culto de liderança ou culto à personalidade é um recurso de propaganda política baseada na exaltação das qualidades de um governante, sejam elas reais ou não. Os cultos à personalidade são estratégias utilizadas frequentemente em ditaduras, dentre elas as ditaduras fascistas do início do século XX. O Nazismo e o Fascismo italiano utilizaram-se desse recurso exaltando a figura de Adolf Hitler na Alemanha e de Benito Mussolini.

No filme “V de Vingança”, o chanceler Adam Sutler é o exemplo claro do culto à personalidade.

2 – Campos de concentração e tortura

Os Campos de concentração são geralmente utilizados em tempos de conflitos ou guerras para a detenção de civis ou militares de ordem subversiva. Os campos possuem instalações como dormitórios, refeitórios e também barracões onde geralmente eram realizadas torturas de diferentes tipos. Na Alemanha nazista os campos de concentração foram utilizados para confinar etnias diferentes submetidos a uma espécie de trabalho escravo. O Arianismo e o Antissemitismo são características do Nazismo alemão e pregavam a limpeza racial eliminando os judeus e outras etnias. O genocídio de judeus ficou conhecido como “Holocausto”.

Em “V de Vingança” os campos foram recursos utilizados pelo Governo de Sutler para prender subversivos.

3 – A dominação cultural e censura

Para tentar manipular a sociedade a seu favor, os governos de caráter fascista controlavam os meios de comunicação para promover os seus líderes. Rádio, jornais e também a utilização de símbolos conseguiam manipular a sociedade a favor do governo fascista. O Nazismo alemão com a suástica, os discursos de Benito Mussolini e a utilização do rádio no período ditatorial de Getúlio Vargas são exemplos de como esses governos procuravam manter a sociedade junto aos seus feitos e ações.

No filme, “A Voz de Londres” é um programa televisivo que promove o ditador inglês Adam Sutler.

4 – Repressão e fortalecimento militar

Após a crise de 1929, os países europeus afetados pela Grande Depressão no decorrer da década de 1930, incluindo a Alemanha, viram como uma alternativa para reaquecer a sua economia realizar investimentos pesados na Indústria Bélica. Após Adolf Hitler se tornar chanceler alemão, e posteriormente Führer no III Reich, passou a investir pesado na indústria quebrando as determinações do Tratado de Versalhes. Os investimentos realizados por ele permitiu a geração de empregos na Alemanha, reaquecendo a economia alemã em crise desde o final da 1ª Guerra Mundial.

O fortalecimento do exército e da polícia é o principal símbolo da repressão em uma ditadura.