• Aumentar Fonte
  • Diminuir Fonte
  • Trocar contraste

Exercícios Resolvidos: Industrialização Brasileira

Leia o resumo “Organização do território e Industrialização Brasileira” e resolva os exercícios abaixo.

1. (UECE) Sobre o crescimento da exploração do café no século XIX no Brasil, assinale o correto.

a) Essa fase coincide com uma fase de vitalidade e expansão dos mercados europeus e com o desenvolvimento dos Estados Unidos.

b) O café era produzido em larga escala, porém a preços baixos e com baixa rentabilidade.

c) Desde o período colonial que a produção cafeeira competia no mercado internacional com a produção açucareira brasileira.

d) O norte do Brasil era, por excelência, a região produtora de café, pois podia contar com vasta mão de obra escrava.

 

 

2. (Mackenzie-SP)Duas atividades econômicas destacaram-se durante o período colonial brasileiro: a açucareira e a mineração. Com relação a essas atividades econômicas, é correto afirmar que:

a) na atividade açucareira, prevaleciam o latifúndio e a ruralização, a mineração favorecia a urbanização e a expansão do mercado interno.

b) o trabalho escravo era predominante na atividade açucareira e o assalariado na mineradora.

c) o ouro do Brasil foi para a Holanda e os lucros do açúcar serviram para a acumulação de capitais ingleses.

d) geraram movimentos nativistas como a Guerra dos Emboabas e a Revolução Farroupilha.

e) favoreceram o abastecimento de gêneros de primeira necessidade para os colonos e o desenvolvimento de uma economia independente da metrópole.

 

 

3. (IFMT) Sobre a indústria brasileira, sua concentração e desconcentração espacial, a alternativa correta é:

a) A industrialização brasileira foi tardia, ao longo do século XIX, concentrando-se na região Sudeste do Brasil, reproduzindo as desigualdades regionais sociais e econômicas.

b) No governo de Getúlio Vargas, no período do Estado Novo, a preocupação estatal foi com a indústria de base, com enfoque na produção de energia e setor de transportes; já no governo de Juscelino Kubitschek, o setor automobilístico teve a atenção maior.

c) A industrialização como substituição de importações, com capital estatal abundante e mão-de-obra barata, acontece no Brasil através da indústria de bens de consumo duráveis e com destaque para o setor têxtil e produção de alimentos.

d) A partir de 1950, como parte do planejamento estatal do governo federal, inicia-se a desconcentração industrial, acentuada depois de 1990, pela crescente abertura econômica e desenvolvimento técnico- científico.

e) Com a desconcentração industrial, o Sudeste brasileiro, principalmente São Paulo, passou por grandes mudanças espaciais e sociais, deixando de ser a área de maior concentração industrial, posto ocupado hoje pelo Nordeste brasileiro.

 

 

Gabarito

1. A

Comentários: 

a) Essa afirmativa é verdadeira, até porque essa expansão dos mercados europeus e EUA foi responsável pelo sucesso da atividade cafeeira, sendo os dois os principais destinos da produção de café brasileira.

b) O Café era produzido em larga escala, porém os preços eram controlados pelo mercado brasileiro, que dominava a produção mundial e a rentabilidade também era boa, até a crise de 29, que derrubou os preços e gerou a quebra da economia cafeeira.

c) A produção Açucareira e a produção do café não competiram entre si, pois, enquanto o ciclo do açúcar vai ocorrer entre os Séculos XVI e XVII, o ciclo do café surge no início do séc. XVIII, mas apresenta a sua força entre meados do Século XIX até 1930, com a crise de 29.

d) A região que ficou marcada pela grande produção do café foi a região sudeste, que inclusive se beneficiou do crescimento econômico a partir da economia cafeeira, para ser a pioneira no processo de industrialização do Brasil.

2. A

Comentários: 

a) é verdade, porque enquanto a atividade açucareira tinha como modo de produção de monoculturas em latifúndios, em regiões litorâneas, a mineração favoreceu a interiorização, pela descoberta de metais preciosos em Minas Gerais, Goiás e Mato Grosso, além ter ajudado na urbanização, com povoamentos e futuras cidades no entorno dos locais de mineração.

b) Não é uma afirmativa verdadeira, porque durante o período da mineração também era vigente o trabalho escravo, lembrando que a mineração teve seu auge durante todo o século XVIII, e a escravidão só foi abolida no final do século XIX.

c) Boa parte do ouro brasileiro foi parar na Inglaterra, devido a dívidas contraídas pela coroa portuguesa, E o lucro do açúcar não serviu para acumulação de capitais ingleses.

d) A guerra dos Emboabas teve relação com a atividade de mineração, devido a atritos entre os paulistas e os “emboabas”, pessoas que eram de outros lugares fora de são Paulo. Já a Revolução Farroupilha não tem relação nem com a atividade açucareira, nem com a mineração, pois ocorreu no século XIX, por parte da elite do Rio Grande do Sul, devido a protestos contra altas taxas cobradas pelo governo central sobre o charque gaúcho.

3. B

Comentários: 

a) Essa opção está errada, porque aponta que a industrialização ocorreu no século XIX, e na verdade ela vai se iniciar no século XX, principalmente a partir do governo de Getúlio Vargas.

b) O governo Vargas foi marcado pela forte preocupação com a industrialização brasileira, e para isso investiu muito na industria de base, um exemplo disso foi a criação da Petrobrás, explicitando o foco no setor de energia. Juscelino Kubitschek realmente mudou o foco para o setor automobilístico, atraindo empresas estrangeiras e abrindo novas rodovias.

c) As características indicadas no texto sobre substituição de importações e capital estatal são verdadeiras, mas as indústrias têxtil e de produtos alimentícios não são indústrias de base, nem de produtos duráveis.

d) O processo de desconcentração industrial não se inicia na década de 50. Esse processo se inicia durante os anos 70 e vai se consolidar na década de 90, com a abertura econômica e o desenvolvimento técnico-cientifico.

e) Apesar do processo de desconcentração industrial iniciado na década de 90, São Paulo ainda apresenta o maior parque industrial do país, e a região sudeste ainda é a região com maior número de indústrias do país, apesar do crescimento das outras regiões, como a nordeste, citada na questão.