• Aumentar Fonte
  • Diminuir Fonte
  • Trocar contraste

Atualidades: “A greve que sufoca Cristina” e o cenário da economia argentina

Economia Argentina

De acordo com a revista Istoé, a presidente “Cristina Kirchner sofre com as pressões econômicas e agora sociais” na Argentina.

No dia 10 de abril, uma greve geral comandada principalmente por três centrais sindicais peronistas, parou a maior parte dos serviços na capital da Argentina e em outras importantes cidades. A paralisação é resultado da crise econômica pela qual o país passa desde 2008, quando a inflação se transformou em problema. O governo não resistiu ao populismo e segurou o câmbio para controlar a inflação. Em consequência, o regime de alto crescimento acabou, enquanto o peso se valorizava e as reservas diminuíam. O resultado foi, há cerca de dois anos, a perda de confiança dos argentinos no peso e seu aumento violento no mercado paralelo. Era a crise que se delineava.

A crise econômica na Argentina é um assunto a ser estudado, pensando em causas para a crise, consequências para o território argentino, para as relações entre Argentina e Brasil e para o Mercosul. Aliás, você sabe o que é o Mercosul? Assista uma aula e saiba mais sobre o assunto.

Leia a reportagem completa sobre a economia argentina no site da revista Istoé.