• Aumentar Fonte
  • Diminuir Fonte
  • Trocar contraste

A Descrição – Início

Olá, pessoal!

Hoje vou começar a falar de um gênero textual que volta e meia dá o ar da graça nos vestibulares: a descrição. No Rio de Janeiro, a UFF é a que mais costuma pedir esse tipo de texto.

As principais características do gênero Descrição são:

1. Frases nominais (orações centradas em predicativos nominais)

2. Adjetivos (nesse gênero, eles possuem grande expressividade!)

3. Períodos curtos

4. Coordenação (obs: quando existe subordinação, prevalecem as orações adjetivas)

Um recurso muito comum na descrição é a comparação, para que seja possível a visualização com mais precisão daquilo que está sendo descrito. Por isso, o emprego constante do conectivo “como”.

Não tem mistério. O que vocês devem saber sobre descrição, basicamente, é que se trata de um texto caracterizado por ser o “retrato verbal” de pessoas, objetos, cenas ou ambientes. A descrição é a enumeração de características. É difícil, no entanto, encontrar um texto exclusivamente descritivo. O que ocorre, são trechos descritivos no meio de textos narrativos, de relatos, e até mesmo dissertativos.

No próximo post, voltarei com a diferença entre descrição subjetiva (ou impressionista) e descrição objetiva (ou técnica).

Até lá!