• Aumentar Fonte
  • Diminuir Fonte
  • Trocar contraste

O Sisu está chegando e você ainda tem dúvidas sobre as cotas? Vem conferir!

O Sisu está aí e você não pode vacilar. Se você ainda não sabe como as cotas funcionam, este post é para você!

SistemaSelecao-Unificada-Sisu-2015

As datas para inscrição no Sisu 2017 vão ser divulgadas até esta quinta-feira, dia 19. Se você ainda tem alguma dúvida, é bom tirar logo! Agora, se essa dúvida é sobre a lei de cotas, senta aí que a gente tem muuuito o que conversar.

CALCULE O RESULTADO DO SISU 2017 AQUI!

Em primeiro lugar, você sabe o que são as cotas? A lei de cotas é uma política obrigatória que assegura a reserva de 50%, ou seja, metade das matrículas por curso e turno em 59 universidades federais e 38 institutos federais de educação, ciência e tecnologia. Se você não se encaixa na lei de cotas, como veremos abaixo, não se preocupe! A outra metade das vagas é para ampla concorrência.

Além das cotas, as universidades ainda podem definir mais uma reserva para políticas de ação afirmativa. Estas não são obrigatórias, por isso nem todas as instituições têm. Por Exemplo: a FURG reserva 5% de suas vagas de ampla concorrência para candidatos com deficiência.

Mas bem, voltando para as cotas: no total, são 4 modalidades em que o candidato pode concorrer. Confira-as abaixo:

  • Candidatos com renda familiar bruta per capita igual ou inferior a um salário mínimo e meio e que tenham curso todo o Ensino Médio em escolas públicas.
  • Candidatos autodeclarados pretos, pardos ou indígenas, com renda familiar bruta per capita igual ou inferior a um salário mínimo e meio e que tenha cursado todo o Ensino Médio em escolas públicas.
  • Candidatos cotistas que, independente da renda, tenham cursado integralmente o Ensino Médio em escolas públicas.
  • Candidatos cotistas autodeclarados pretos, pardos ou indígenas que, independente da renda, tenham cursado todo o Ensino Médio em escolas públicas.

É importante lembrar que, mesmo que você se encaixe em qualquer uma destas modalidades, você ainda pode se inscrever para vagas da ampla concorrência!

Depois da inscrição, se você for aprovado, você vai precisar comprovar os requisitos. Até o ano passado, para os critérios de raça ou cor, bastava a autodeclaração; para comprovar renda, era preciso apresentar a Folha Resumo do Cadastro Único, obtida nas prefeituras municipais, ou uma declaração da renda bruta familiar; e, para comprovar que o candidato cursou o ensino médio em escolas públicas, era necessário apresentar o histórico escolar ou a Declaração de Conclusão do Ensino Médio. Porém, com as mudanças no Sisu 2017, as próprias universidades e instituições poderão definir quais serão os documentos necessários para matrícula. Por isso, vale a pena ficar de olho no site da universidade que você deseja.

E aí? Tirou suas dúvidas? Deixe um comentário!