Mapa Mental: O Que é Histologia Vegetal?

28/06/2017 Rebeca Khouri

Descomplique a sua prova de biologia! Dê uma olhada neste mapa mental e saiba o que é Histologia Vegetal!

histologia vegetal

Entender o que é Histologia Vegetal é um passo importante para os estudos de biologia, especialmente da Botânica.  A área, responsável pelo estudo dos tecidos (conjunto de células que são morfologicamente idênticas) vegetais, incluindo a organização, características e estruturas de todos os tecidos das plantas.

As plantas apresentam duas formas de crescimento, o primário e o secundário. O primeiro diz respeito à sua altura e o secundário apenas a sua espessura. Nem todas elas crescem das duas formas e nomeamos as que tem apenas o primeiro crescimento como monocotiledôneas.

As células que formam os tecidos meristemáticos não são diferenciadas, ou seja, todas podem dar origem a outros tipos de células. Elas sofrem sucessivamente o processo de mitose e tempos depois conseguem se diferenciar em tecidos meristemáticos.

QUER CONFERIR ESSA MATÉRIA DEPOIS? INCLUA ELA NO SEU PLANNER SEMANAL!

Entenda o que é histologia vegetal e os Tecidos Meristemáticos

Os tecidos meristemáticos estão presentes na região na qual ocorre a multiplicação celular e são responsáveis pela formação do que conhecemos como tecidos permanentes.

Tecidos Meristemáticos Primários

Responsáveis pelo crescimento (altura) do vegetal e é encontrado na gema apical, gemais laterais do caule e em toda a extensão do caule, incluindo a raiz.

São divididos em três:

  • Protoderme: que tem como função revestir o embrião, originando a epiderme da planta, tecido inicial de revestimento.
  • Procâmbio: responsável por originar o floema primários, xilema e tecidos vasculares.
  • Meristema fundamental: responsável pela origem do córtex tem como tecidos de sustentação a esclerênquima e colênquima, além da parênquima.

QUER SABER MAIS SOBRE O QUE É HISTOLOGIA VEGETAL? CONFIRA ESTE RESUMO FEITO ESPECIALMENTE PARA VOCÊ.

Tecido Meristemático Secundário

Responsável pelo crescimento da espessura da planta, ele é dividido em dois: felogênio e câmbio. O primeiro é responsável por originar a feloderme e o suber, já o segundo pelos floemas secundários e xilema.

Tecidos Adultos

Conhecidos também como tecidos permanentes eles são classificados de acordo com sua funcionalidade: condução, sustentação, preenchimento e revestimento

  • Tecidos de Preenchimento são aqueles que preenchem o espaço entre os tecidos condutores e os de revestimento.  Podem ser encontrados em todos os órgãos das plantas e tem como representantes as parênquimas.
  • Tecidos de Revestimento são aqueles que protegem caules, folhas e raízes e são a periderme e a derme. Seus representantes são o feloderme, súber e felogênio.
  • Tecidos de Sustentação são aqueles encontrados em frutos, raiz, caule e folhas e tem como origem o meristema fundamental. Seus representantes são o esclerênquima e o colênquima.
  • Tecidos de Condução são aqueles responsáveis pela distribuição e transporte de água para todo o corpo da planta. Seus representantes são o floema e o xilema.

 

LEIA MAIS SOBRE ANGIOSPERMAS COM ESTAS SEIS DICAS INDISPENSÁVEIS PARA SUA PROVA DE BIOLOGIA! CLIQUE AQUI E CONFIRA!

Rebeca Khouri

Rebeca Khouri escreveu 31 artigos

Deixe o seu comentário!

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *