Sistema cardiovascular: órgãos, função e exercícios

Saiba tudo sobre o sistema cardiovascular e seus componentes, entendendo sua importância no nosso corpo.

Os humanos apresentam uma circulação fechada, dupla e completa, que passa pelo sistema cardiovascular. Este sistema é responsável por diversas funções, como o transporte de substâncias pelo corpo, sejam elas nutrientes ou excretas. Além disso, ele também ajuda na regulação da temperatura corporal e na imunologia, com o transporte de células de defesa.

Os órgãos que formam esse sistema são o coração, responsável pelo bombeamento de sangue, e os vasos sanguíneos, que são principalmente as veias, artérias e os capilares. É nestes vasos que o sangue vai circular pelo corpo, e cada um deles apresenta características diferentes, importantes para o metabolismo.

Esquema simplificado do sistema circulatório humano.

1. Função do sistema cardiovascular

A principal substância transportada pelo sistema cardiovascular é o sangue, que contém nutrientes, gases, hormônios e outras substâncias, além dos elementos figurados.

  • Transporte de gases: O oxigênio é transportado para as células para que ele seja utilizado na respiração celular. Já o gás carbônico cai na circulação como resto metabólico, para ser eliminada do corpo no momento da expiração.

O sangue pode ser classificado de acordo com a quantidade de oxigênio presente nele: o sangue arterial apresenta altas quantidades de oxigênio (usualmente representado em vermelho), enquanto o sangue venoso apresenta baixas quantidades de oxigênio, e uma maior concentração de gás carbônico (usualmente representado em azul).

  • Transporte de nutrientes: Os nutrientes adquiridos na alimentação são transportados no sangue para chegar às células, e lá serão utilizados no metabolismo.
  • Transporte de hormônios: Os hormônios são produzidos por glândulas endócrinas, e são diretamente liberados no sangue para chegar nas células alvo.
  • Transporte de excretas: Os restos metabólicos são transportados para serem retirados do organismo. As principais substâncias são os excretas nitrogenados, como a ureia.
  • Transporte de células de defesa: Os glóbulos brancos são transportados não só pelo sistema linfático, mas também pelo sangue, para chegar ao local de infecção ou ao patógeno e agir na defesa do organismo.
  • Regulação térmica: A circulação permite uma distribuição de calor pelo corpo, podendo também ajudar a dissipá-lo para o ambiente com mais facilidade (ao aumentar a quantidade de sangue periférico), ou reter calor (ao aumentar a quantidade de sangue ao redor dos órgãos internos).
👉 Assine o Descomplica, e tenha acesso à aula completa sobre Sangue e Imunidade

2. Vasos sanguíneos

Os vasos sanguíneos apresentam uma estrutura básica, formada pelo endotélio (camada de tecido epitelial) e as túnicas. A túnica adventícia ou externa é formada por tecido conjuntivo, encontrada apenas em vasos de grande calibre. Já a túnica média é formada por musculatura lisa, e é revestida internamente e externamente por lâminas elásticas. Por fim a túnica interna ou íntima reveste internamente os vasos, sendo formada pelo endotélio e pela membrana basal.

Vasos sanguíneos e suas divisões.

Artérias

São os vasos que saem do coração para os órgãos do corpo. Apresentam o endotélio e a túnica média espessos, além de fortes paredes elásticas que ajudam a suportar a alta pressão sanguínea. A principal e maior artéria é a aorta, que com suas ramificações leva o sangue para o tronco, membros superiores e inferiores.

Veias

São os vasos que chegam dos órgãos para o coração. Apresenta uma musculatura menos desenvolvida e menor pressão sanguínea, e por isso a movimentação dos músculos esqueléticos ajuda o sangue a retornar ao coração. As veias também apresentam válvulas que impedem o refluxo do sangue. As principais veias são a veia cava superior e a veia cava inferior, que chegam diretamente ao coração.

Capilares

São vasos de pequeno calibre e com uma única camada de células epiteliais, não possuindo as túnicas médias e adventícia. A espessura desses vasos permite que aconteça a hematose e a troca de nutrientes.

A imagem mostra algumas diferenças entre as artérias, veias e capilares.

3. Anatomia do coração

O coração humano se localiza na região mediana do tórax, é um órgão muscular formado por quatro cavidades, ou câmaras cardíacas: dois átrios que recebem o sangue, e dois ventrículos, por onde o sangue sai. A musculatura na região dos ventrículos é mais desenvolvida que nos átrios.

Além dessas cavidades, ele apresenta diferentes envoltórios que ajudam na proteção e fisiologia:

  • Miocárdio: músculo cardíaco, formado por um tecido muscular estriado de contração involuntária.
  • Pericárdio: A porção mais externa é chamada de pericárdio fibroso, um tecido conjuntivo resistente, e a região mais interna é o pericárdio seroso, que entra em contato com o músculo cardíaco.
  • Lâminas do pericárdio seroso: A lâmina parietal é mais externa que a lâmina visceral, e elas delimitam a cavidade pericárdica, que apresenta fluidos para facilitar os movimentos do coração. A lâmina visceral também pode ser chamada de epicárdio, e apresenta nervos e gânglios nervosos.
  • Endocárdio: É responsável por recobrir o miocárdio internamente, ajudando a delimitar as cavidades do coração.
Esquema das camadas do coração.

No coração, podemos observar válvulas, que impedem o refluxo do sangue. No lado direito entre o átrio e o ventrículo, há a valva tricúspide, formada por três partes, enquanto entre o ventrículo e a artéria pulmonar temos a valva pulmonar. No lado esquerdo, entre o átrio e o ventrículo observamos a valva mitral ou bicúspide, formada por duas partes, e entre o ventrículo e a artéria aorta valva aórtica ou semilunares.

Esquema do coração, indicando os vasos e valvas que o compõe.

4. Circulação

A circulação nos humanos é fechada, ocorrendo totalmente dentro de vasos sanguíneos, dupla, passando duas vezes pelo coração antes de retornar à primeira cavidade, e completa, não havendo mistura entre o sangue venoso e o sangue arterial.

O sangue passa pelo coração por dois caminhos, que serão descritos com mais detalhes a seguir:

  • Pequena circulação: coração 🡪 pulmão 🡪 coração
  • Grande circulação: coração 🡪 corpo 🡪 coração

Pequena circulação ou Circulação pulmonar

O sangue venoso (pobre em oxigênio) chega ao átrio direito pela veia cava, passa para o ventrículo direito e sai do coração para os pulmões pelas artérias pulmonares. No pulmão, o sangue sofre hematose e é oxigenado, se tornando arterial (rico em oxigênio). Ele então retorna ao átrio esquerdo pela veia pulmonar.

Grande circulação ou Circulação sistêmica

Após o sangue arterial chegar ao átrio esquerdo pela veia pulmonar, ele passa para o ventrículo esquerdo e sai do coração para os outros órgãos do corpo (incluindo o pulmão e o próprio coração) pela artéria aorta. Nestes órgãos, o sangue libera oxigênio e recebe o gás carbônico que está sendo excretado das células, e se torna venoso. O sangue retorna ao átrio direito para iniciar um novo ciclo cardíaco.

Esquema da circulação no corpo humano, indicando os principais vasos sanguíneos e alguns órgãos onde ocorrem as trocas gasosas.

5. Ritmo e ciclo cardíaco

A circulação acontece por conta dos batimentos cardíacos. Quando as cavidades do coração relaxam, elas se enchem de sangue, e quando elas contraem, elas expulsam o sangue. Esse movimento de relaxamento é chamado de sístole, enquanto a contração é chamada de diástole. Os átrios e os ventrículos se contraem de maneira alternada, como podemos ver na animação a seguir:

Animação do batimento cardíaco, onde as setas indicam o fluxo sanguíneo.
  • Sabe o barulho que ouvimos no coração? São as bulhas cardíacas, que é o barulho feito pelo fechamento das valvas, sendo o primeiro som feito pelas valvas atrioventriculares e o segundo som pelas valvas semilunares.

Para que os batimentos cardíacos estejam ordenados, ocorre um estímulo elétrico pelo nódulo sinoatrial ou nó sinusal, conhecido também como marca-passo. A presença desta estrutura faz com que o coração gere seu próprio estímulo elétrico, sendo assim parcialmente independente do sistema nervoso central para que o miocárdio se contraia.

  • Pessoas com problemas cardíacos podem adquirir um marca-passo artificial, com mesma função.

O nó atrioventricular é outra estrutura importante para a contração do miocárdio, pois ele causa um atraso no sinal, permitindo que os ventrículos se contraiam apenas quando os átrios estejam relaxando. O sinal é distribuído aos ventrículos por células que formam o feixe de His, entre os dois ventrículos, e lateralmente pelas células de Punkinje, que permite que os ventrículos se contraiam ao mesmo tempo.

Animação mostrando o percurso do sinal elétrico feito pelo nódulo sinoatrial e do nódulo atrioventricular.

6. Problemas no sistema cardiovascular e doenças cardíacas

Vimos que o sistema cardiovascular é muito importante para nosso corpo, e o bom funcionamento do coração é essencial para a vida. Veja a seguir alguns problemas e doenças que podem ocorrer neste sistema, lembrando sempre que em casos de dúvidas ou sintomas, é ideal procurar um profissional da área.

Hemorragia

Ocorre quando um vaso sanguíneo se rompe e não há a coagulação. Neste caso, há um extravasamento do sangue para fora desses vasos, e a pressão sanguínea fica alterada podendo causar outros sintomas, como cansaço, enjoo e confusão mental.

Arritmia cardíaca

É um termo genérico para qualquer condição que altera a frequência e o local dos estímulos elétricos do coração. Podemos ter arritmias relacionadas a taquicardia (grande número de batimentos) ou bradicardia (baixo número de batimentos). A arritmia pode ser apenas um sintoma ou resposta à atividades físicas.

Infarto

Para se oxigenar, o coração recebe sangue da artéria coronária, derivada da aorta. O infarto ocorre quando não há circulação por essa artéria, como por conta de um coágulo ou mesmo pelo espessamento das paredes dos vasos (como na aterosclerose), e isso causa morte de células musculares. O estresse pode causar constrição dos vasos, causando sintomas semelhantes ao do infarto, porém sem causar a morte do tecido.

Esquema de um infarto, ocorrendo pelo bloqueio da artéria por aterosclerose.

Sopro no coração

O sopro ocorre quando alguma das valvas cardíacas não fecha corretamente, havendo um leve refluxo, ou que há um menor espaço para passagem do sangue. O sopro pode ser congênito ou adquirido, e pode estar presente em níveis mais ou menos graves.

Antes de testar o conhecimento resolvendo alguns exercícios, vamos revisar as informações sobre o sistema cardiovascular em alguns pontos resumidos:

  • As funções do sistema cardiovascular envolvem transporte de substâncias e regulação da temperatura corporal;
  • O sistema cardiovascular é formado por vasos sanguíneos (veias, artérias e capilares) e pelo coração;
  • As artérias são vasos que levam sangue do coração para o corpo, e apresentam maior espessura e pressão, enquanto veias levam o sangue do corpo para o coração, tendo um menor tamanho e pressão;
  • É nos capilares que ocorre a hematose e a passagem de nutrientes;
  • O coração possui dois átrios e dois ventrículos, além de uma musculatura própria, o miocárdio;
  • A pequena circulação é quando o sangue se oxigena no pulmão, e a grande circulação é quando o sangue oxigenado é levado para todo o corpo;
  • O relaxamento do miocárdio é chamado de sístole, e a contração de diástole;
  • O ciclo cardíaco é controlado principalmente pelo nódulo sinoatrial, também conhecido como marca-passo.

7. Exercícios

1 . O sistema cardiovascular é formado pelo coração e uma grande quantidade de vasos sanguíneos. Esses vasos podem ser classificados em três tipos distintos: artérias, veias e capilares. Sobre as artérias, marque a alternativa correta: a) Atuam transportando exclusivamente sangue oxigenado. b) Atuam transportando exclusivamente sangue rico em gás carbônico. c) Atuam transportando sangue do coração para outras partes do corpo. d) Atuam transportando sangue de diversas partes do corpo em direção ao coração

2 . Para que o coração mantenha seu ritmo, existe um complexo sistema excitatório atuando nesse órgão. Uma dessas estruturas é conhecida como marcapasso natural, que atua mandando impulsos que garantem a contração do coração. Verifique as alternativas a seguir e marque aquela que indica corretamente o nome dessa região do coração. a) Miocárdio. b) Valva pulmonar. c) Nó sinoatrial. d) Septo interatrial. e) Endocárdio.

3 . A figura a seguir esquematiza o coração de um mamífero:

Esquematiza o coração de um mamífero

a) Em qual das câmaras do coração, identificadas por A, B, C e D, chega o sangue rico em gás oxigênio? b) Em qual dessas câmaras chega o sangue rico em gás carbônico? c) Qual dos vasos, identificados por I, II, III e IV, leva sangue do coração para os pulmões? d) Qual desses vasos traz sangue dos pulmões?

Gabarito

1 . C

As artérias são os vasos sanguíneos de maior calibre, que transportam sangue do coração para outras partes do corpo (para o pulmão na circulação pulmonar e para todo o corpo na circulação sistêmica).

2 . C

O nó sinoatrial, ou nódulo sinoatrial, tem função de controlar o ritmo cardíaco, determinando os momentos de sístole e diástole dos átrios e ventrículos.

3 . a) B, no átrio esquerdo, onde a veia pulmonar chega com sangue arterial. b) A, no átrio direito, onde a veia cava chega com o sangue venoso. c) III, indicando a artéria pulmonar, que sai com sangue venoso do ventrículo direito para o pulmão. d) IV, indicando a veia pulmonar, que chega com sangue arterial ao átrio esquerdo.

👉 Se prepare para o Enem e Vestibulares estudando Biologia de graça no Descomplica!

💚

A maior sala de aula direto da sua casa!

Junte-se aos 230 mil alunos que descobriram como melhorar os resultados estudando online! 👉 Clique aqui e saiba como!

Continue estudando
Post do blog

Exercícios Resolvidos: Sistema Circulatório

Leia o resumo “Como funciona o Sistema Circulatório?” e resolva os exercícios abaixo.
artigo
Post do blog

Mapa Mental: Circulação Comparada

Aprenda ainda mais sobre Circulação Comparada com a ajuda desse mapa mental super legal! 🙂
artigo