Questões Comentadas: A Revolução Agrícola e os Conflitos no campo

Leia o resumo “O que é Revolução Agrícola e o que ela tem a ver com os conflitos no campo?” e resolva os exercícios abaixo.

1. (UFF-RJ) A “Revolução Verde”, implementada em países latino-americanos e asiáticos nos anos 1960 e 1970, tinha como objetivo suprimir a fome e reduzir a pobreza de amplas parcelas da população. Entretanto, as promessas de modernização tecnológica da agricultura não foram cumpridas inteiramente, contribuindo para a geração de novos problemas e aprofundando velhas desigualdades.

Assinale a opção que faz referência a efeitos da “Revolução Verde”.

a) Coletivização das terras, implemento da agroecologia e expansão do crédito para os agricultores.
b) Distribuição equitativa de terras, difusão da policultura e uso de defensivos biodegradáveis.
c) Expansão de monoculturas, uso de técnicas tradicionais de plantio e fertilização natural dos solos.
d) Reconcentração de terras, crescimento do uso de insumos industriais e agravamento da erosão dos solos.

2. (UFRN) Leia a charge a seguir.

A charge coloca em evidência um conflito que está presente no espaço rural brasileiro. Esse conflito envolve duas lógicas: a preservação da floresta e a expansão do agronegócio. No Brasil, o desenvolvimento do agronegócio

a) requer grandes extensões de terra para o cultivo de monoculturas, degradando áreas de floresta nativa.
b) baseia-se no uso intensivo do solo para a prática da policultura, provocando desmatamento em reservas florestais.
c) favorece a desconcentração de terras para a produção agrícola, provocando a erosão de solos em áreas de floresta.
d) fundamenta-se na diversificação do uso do solo para fins agrícolas, degradando o ecossistema florestal.

3.  (UEL) O espaço geográfico é resultante e condicionante da organização social, o que pode ser exemplificado pela apropriação histórica da posse da terra no Brasil e suas implicações socioespaciais.

Com base nesse processo, assinale a alternativa correta.

a) A atual estrutura fundiária norte-paranense reproduz as características do processo de colonização iniciado no século XVI.
b) A concentração da posse da terra no Brasil foi reduzida com a Lei de Terras de 1850, que regulamentou a propriedade da terra.
c) A manutenção da elevada concentração da posse da terra e a mecanização agrícola no país intensificaram o processo de urbanização a partir de 1950.
d) As transformações fundiárias no nordeste brasileiro pós 1950 caracterizam-se pela ampliação do número de pequenas propriedades.

4. (IFBA)

No que se refere à relação campo-cidade no espaço geográfico brasileiro, é incorreto considerar que

a) a concentração fundiária no campo brasileiro tem como marco histórico a Lei de Terras de 1850 a partir da qual a terra se transformou em mercadoria, passando a ser um bem oligárquico.
b) a reflexão sobre a realidade do espaço brasileiro impõe a necessidade da compreensão histórica dos processos sociais articulando espacialmente o campo e a cidade.
c) a expansão do agronegócio vem contribuindo para a redução do êxodo rural pelo aumento do emprego direto de mão de obra assalariada nas áreas de fronteiras agrícolas.
d) o agravamento da problemática da mobilidade urbana nas metrópoles brasileiras está diretamente relacionado à política de incentivo a aquisição individual de automóveis pela redução do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI).

GABARITO

1. D

Comentário: A revolução verde não atingiu plenamente os seus objetivos, porque questões político-econômicas se sobrepuseram ao seu ideal original: acabar com a fome. Ao aumentar a produtividade e os lucros, fez-se a escolha de priorizar os interesses econômicos em detrimento a solução da fome nos países.

2. A

Comentário: O espaço rural brasileiro tem dificuldade de resolver grande parte dos seus conflitos devido à força política dos grandes proprietários junto à bancada ruralista, que impede que medidas para a redução das disparidades no campo e proteção da biodiversidade sejam aprovadas no congresso nacional.

3. C

Comentário: O processo de formação e consolidação do espaço geográfico brasileiro reflete de forma clara e precisa as diretrizes que orientaram a construção do Brasil como nação. Um projeto que desde os tempos de colônia expressou o clientelismo e a relação de poder vertical, de cima para baixo, revelando as desigualdades sociais como marca nas relações e decisões importantes para o povo brasileiro.

4. C

Comentário: A charge expressa bem o fenômeno que ocorreu após a década de 50, com o aumento da população nas metrópoles urbanas e diminuição da população rural, o que tornou o trânsito das grandes cidades um caos, diminuiu o significativamente o número de trabalhadores rurais e inverteu a dinâmica demográfica brasileira, em que a população urbana ultrapassou a população rural, tornando o Brasil um país urbano.

Continue estudando
artigo
Post do blog

Geografia Agrária: Entenda mais sobre o tema- Parte 1

O tema de hoje é a Geografia Agrária. Na primeira parte, falaremos sobre a agricultura tradicional e moderna. Já na segunda parte, falaremos sobre os diferentes tipos de pecuária no Brasil.
artigo
Post do blog

Questões comentadas: Agricultura e seus modelos produtivos

Leia o resumo “A agricultura e seus modelos produtivos” e resolva os exercícios abaixo.