Mapa Mental: Métodos de Raciocínio

Se liga nesse mapa mental maravilhoso sobre Métodos de Raciocínio que nossos monitores prepararam especialmente pra você que quer arrasar na redação do vestibular 🙂

Depois de uma maratona de Eixos Temáticos, voltamos às questões estruturais do nosso texto. Dessa vez, trataremos das formas de raciocinar num texto dissertativo-argumentativo. Na verdade, nosso objetivo, aqui, é identificar maneiras de organizar o que já está pronto na nossa cabeça. Afinal, todo mundo raciocina, né? O que nós precisamos, então, é conhecer métodos para deixar esse raciocínio mais evidente e, é claro, convincente. É como num quebra cabeça: muitas vezes, você sabe o resultado final daquele jogo. O problema é conseguir montá-lo de forma que, organizadamente, se alcance esse resultado. Hoje, falaremos de dois dos métodos de raciocínio mais interessantes para a sua redação – e para as questões de prova que cobram suas construções! Você sabe quais são eles?

Dedução

Vamos começar pela Dedução. O método dedutivo costuma ser o mais conhecido por um motivo muito simples: todo mundo conhece o famoso raciocínio de Aristóteles sobre Sócrates. Você não? Então veja:

Todo homem é mortal; ora, Sócrates é homem, logo, Sócrates é mortal.

Tenho certeza de que você já ouviu falar nisso. Esse é um exemplo bem básico de como funciona o método dedutivo. A dedução é aquela que se organiza do geral para o particular, ou seja, parte de uma verdade universal, geral, para chegar a afirmações e conclusões mais individuais. Tal ideia geral é conhecida como premissa inicial, oupremissa maior. Após isso, com uma ou mais premissas intermediárias (menores)  é possível chegar a uma conclusão, de caráter particular. Vamos ver um exemplo?

LEIA O RESUMO NA ÍNTEGRA!

Continue estudando sobre Métodos de Raciocínio: resolva exercícios de vestibular sobre o assunto! 🙂

Continue estudando
artigo
Post do blog

Questões comentadas: Métodos de raciocínio – Dedução e Indução

Leia o resumo “Como aplicar os métodos de raciocínio de dedução e indução em uma redação?” e resolva os exercícios abaixo.
artigo
Post do blog

Como aplicar os métodos de raciocínio de dedução e indução em uma redação?

Depois de uma maratona de Eixos Temáticos, voltamos às questões estruturais do nosso texto. Dessa vez, trataremos das formas de raciocinar num texto dissertativo-argumentativo. Na verdade, nosso objetivo, aqui, é identificar maneiras de organizar o que já está pronto na nossa cabeça. Afinal, todo mundo raciocina, né? O que nós precisamos, então, é conhecer métodos para deixar esse raciocínio mais evidente e, é claro, convincente. É como num quebra cabeça: muitas vezes, você sabe o resultado final daquele jogo. O problema é conseguir montá-lo de forma que, organizadamente, se alcance esse resultado. Hoje, falaremos de dois dos métodos de raciocínio mais interessantes para a sua redação – e para as questões de prova que cobram suas construções! Você sabe quais são eles?