Estratégias de Conclusão

Olá!

Conforme prometi no último post, hoje vim mostrar algumas estratégias que podem ser usadas na Conclusão, a fim de manter o nível de interesse do leitor, e garantir uma boa nota. Assim como fizemos na Introdução e no Desenvolvimento, analisando estratégias, escolham a que parecer melhor para vocês, e pratiquem bastante. São elas:

– Proposta de Intervenção – Tipo bem comum, mas bastante eficiente. Aqui, o candidato se mostra preocupado com a problemática abordada, e sugere soluções para a mesma. É preciso, todavia, fugir de soluções “utópicas”. Lembremos que a grande maioria dos problemas pedidos em temas de vestibulares não são de fácil solução. Por isso, ao invés de “viajar” e propor coisas pouco viáveis, às vezes é melhor sugerir maneiras de amenizar a questão.

– Intertextualidade – Aqui, podemos fazer referências a autoridades no assunto abordado, filósofos, escritores famosos, referências culturais… Bom para quem tem uma boa vagagem cultural, e é uma excelente maneira de demostrar conhecimento de mundo e , quem sabe, terminar seu texto com uma “frase de efeito”.

– Sugestão de figuras – Nessa estratégia, o autor faz uso de figuras de linguagem para causar impacto no leitor. As mais comuns são: hipérboles, metáforas, metonímias e ironias. Destaca-se por ser uma estratégia bastante diferenciada.

No próximo post, voltarei falando sobre o título!

Até lá!

Continue estudando
Post do blog

Questões Comentadas: Coesão Textual

Leia o resumo O que é Coesão Textual e Coerência Textual?” e resolva o exercício abaixo.
artigo
Post do blog

Mapa Mental: Estrutura da Dissertação

Aprenda a Estrutura da Dissertação para arrasar na redação do ENEM e garantir sua nota 1000! 😀
artigo