Como ocorrem os processos de mitose e meiose?

As células são maquinarias que funcionam a todo vapor, com metabolismo próprio, fabricando diversas substâncias para elas mesmas e para outras células. Elas também reproduzem-se, formando novas células, que em geral são clones idênticos quando não ocorre mutação. Também podem formar células diferentes, com um número menor de cromossomos. Quando as células produzem células idênticas, através da duplicação celula, chamamos o processo de mitose. E quando produzimos células com metase do número de cromossomos, seja para formar gametas, em animais, seja para formar novos indivíduos em vegetais, o processo é chamado de meiose.

Mitose e meiose
Mitose e meiose

Mitose

Neste tipo de divisão celular, há a formação de duas novas células idênticas à célula-mãe que as originou. Logo, se a célula se dividisse ao meio, ela originaria duas células com metade do número de cromossomos e organelas. Como esse não é o objetivo da mitose, primeiramente a célula deve duplicar tudo em seu interior, como organelas e o próprio DNA. Essa fase de duplicação e crescimento chamamos de intérfase, que possui intensa atividade metabólica. Quando tudo está ponto para que ocorra a divisão celular, esta inicia-se, dividindo-se em 5 etapas: prófase, metáfase, anáfase, telófase e citocinese.

Prófase: Fase em que a célula tem sua membrana nuclear disfeita e formação do fuso acromático. É nesta fase que o cromossomo começa a ficar visível. Metáfase: os cromossomos duplicados migram para o equador da célula, se condensando ao máximo. Eles posicionam-se deitados e, entre a metáfase e a anáfase, há a duplicação dos centrômeros para que, na anáfase propriamente dita, haja a separação das cromátides irmãs, que antes estavam juntas. Quando os cromossomos já foram para cada polo celular, a célula começa a estrangular, processo chamado de telófase. A separação em duas novas células geneticamente iguais chama-se citocinese.

Mitose
Mitose

Meiose

Antes que a meiose ocorra, para a formação de gametas, é necessário que haja o processo de mitose. Isso porque, se a célula logo originasse as células com metade do número de cromossomos, logo acabariam as células que poderiam originar mais gametas e o indivíduo tornaria-se estéril. Então, depois da mitose, uma das células filhas segue para o processo de meiose. No caso da meiose, chamamos as primeiras 5 etapas de  prófase I, metáfase I, anáfase I, telófase I e citocinese I. Isso ocorre porque depois essas etapas ocorrerão novamente, mas de forma um pouco diferente. Para que não haja confusão, as 5 etapas seguintes serão chamadas de  prófase II, metáfase II, anáfase II, telófase II e citocinese II.

Na prófase I, há a o pareamento dos cromossomos homólogos e é nessa fase que pode ocorrer o crossing-over, que permite maior variabilidade genética. O crossing-over é uma “troca de pernas” entre os cromossomos, que permite que haja diferentes tipos de combinações. Na metáfase I, as cromátides irmãs vão para o equador, mas posicionam-se de forma diferente à da meiose. Elas ficam em pé e, com isso, quando ocorre a anáfase, não há a separação das cromátides irmãs. Cada par de cromátides irmãs vai para a nova célula a ser formada. Na anáfase I, há a separação dos cromossomos homólogos. A telófase I e citocinese I terminam essa primeira etapa da meiose, onde as novas células formadas não estão mais com os cromossomos homólogos juntos. Depois, acontecem as 5 etapas seguintes: na prófase II a carioteca começa a desintegrar-se. Na metáfase II as cromátides irmãs vão para o equador e ficam de forma deitada, o que possibilita que, durante a anáfase II, haja finalmente a separação delas pelo fuso acromático. Ao final, depois da telófase II e citocinese II, que são iguais em todos os processos, há a formação de 4 células geneticamente diferentes, com metade do número de cromossomos.

Exercícios sobre mitose e meiose

1. (Fuvest) Analise os eventos mitóticos relacionados a seguir:

I.Desaparecimento da membrana nuclear.
II.Divisão dos centrômeros.
III.Migração dos cromossomos para os pólos do fuso.
IV.Posicionamento dos cromossomos na região mediana do fuso.

Qual das alternativas indica corretamente sua ordem temporal?

a) IV-I-II-III.
b) I-IV-III-II.
c) I-II-IV-III.
d) I-IV-II-III.
e) IV-I-III-II.

2. (UFSC) A meiose caracteriza-se pela ocorrência de apenas uma duplicação do material genético para cada duas divisões nucleares, e é responsável pela formação de células haplóides a partir de células diplóides. Em relação a esse tipo de divisão celular, é CORRETO afirmar que:

01.O crossing over ocorre na prófase da meiose I e caracteriza-se pela permuta entre os segmentos das cromátides irmãs do mesmo cromossomo.
02.A redução, pela metade, do número cromossômico confere à meiose uma importância fundamental na manutenção do número constante de cromossomos da espécie.
04.A meiose ocorre durante o processo de produção das células reprodutivas e possibilita o aumento da variabilidade genética dos seres vivos que a realizam.
08.A primeira divisão meiótica é reducional, enquanto a segunda é equacional, já que a partir delas são formadas duas células diplóides e quatro células haplóides, respectivamente.
16.Na anáfase I ocorre a separação dos pares de homólogos, havendo a migração polar dos cromossomos duplicados.
32.As anáfases I e II são semelhantes entre si, à medida que os centrômeros se dividem e as cromátides de cada díade migram para o pólo da célula.
64.Na metáfase I, os pares de cromossomos homólogos duplicados encontram-se na placa equatorial da célula.

3. (UFSCar-2002) O gráfico mostra a variação da quantidade de DNA de uma célula somática durante as diversas fases de sua vida.

No gráfico, a mitose propriamente dita e a interfase correspondem, respectivamente, aos períodos de tempo:

a) 4 a 6    e    1 a 4.
b) 2 a 4    e    3 a 5.
c) 3 a 5    e    1 a 3.
d) 1 a 3    e    4 a 6.
e) 2 a 5    e    3 a 5.

4. (ENEM)


São características do tipo de reprodução representado na tirinha:

a)Simplicidade, permuta de material gênico e variabilidade genética.
b)Rapidez, simplicidade e semelhança genética.
c)Variabilidade genética, mutação e evolução lenta.
d)Gametogênese, troca de material gênico e complexidade.
e)Clonagem, gemulação e partenogênese.

Gabarito

1.D
2.02, 86 (04, 16 e 64).
3.A
4.B

Continue estudando
Post do blog

Mapa Mental: Mitose e Meiose

A Biologia é uma disciplina que costuma gerar muitas dúvidas entre os vestibulandos. O assunto de hoje é a divisão celular, um dos primeiros conteúdos que aprendemos na matéria. A divisão celular é um processo que as células de um organismo passam ao longo de toda a sua vida, desde a origem embrionária até os últimos segundos de sua vida. Existem dois tipos de divisão celular chamadas de mitose e meiose.
artigo
Post do blog

Questões comentadas: Mitose e meiose

 Leia o resumo Como ocorrem os processos de mitose e meiose? e resolva os exercícios abaixo.
artigo