Comece bem o ano aprendendo Movimento Uniforme!

Fique pronto para sua prova de Física e para o vestibular com este resumo irado sobre Movimento Uniforme!

Ao estudarmos o Movimento Uniforme (ou MU) estamos nos referindo aos movimentos em que não existe aceleração, ou seja, em que a velocidade é constante.

Existem dois tipos de MU: o Movimento Retilíneo Uniforme (MRU) e o Movimento Circular Uniforme (MCU). No MRU, estudamos os movimentos em linha reta cuja velocidade é constante. Apesar de existir aceleração centrípeta no MCU, que é o que faz o movimento ser circular, nos atentamos apenas ao fato da velocidade circular ser constante na hora de chamar de MCU. Hoje, estudaremos apenas o MRU.

Entenda o MRU de uma maneira super fácil, com um mapa mental explicadinho pra você:

Baixe aqui o mapa mental do vídeo e revise quando quiser!

Agora partiu conferir um resumo detalhado sobre Movimento Uniforme e zerar suas dúvidas? Confira:

Equação horária

A característica principal da equação horária no MRU é que se trata de uma equação do primeiro grau.

Em que:

  • S: posição final do móvel. É a posição do móvel quando você termina de analisar o movimento.
  • S0: posição inicial do móvel. É a posição quando você começa a analisar o movimento.
  • v: velocidade do móvel. Note que a velocidade sempre será diferente de zero (se a velocidade é zero não existe movimento, concorda?).
  • t: intervalo de tempo. Aqui vai entrar o tempo em você está analisando o movimento com determinada velocidade.

Velocidade

Como já vimos, a velocidade escalar no MU é constante e diferente de zero. Outra coisa importante é saber que a velocidade escalar no MU é sempre igual à velocidade escalar média.

Existem 2 tipos de velocidades escalares: velocidade escalar instantânea e velocidade escalar média. A primeira é a velocidade do móvel em determinado instante; a segunda é a velocidade média em determinado percurso. Com um exemplo, vai tudo clarear!

Exemplo: Um carro sai do Rio de Janeiro em direção à São Paulo com velocidade 60km/h e permanece assim por 2,5h. Logo após, sua velocidade muda muito rápido, chegando a 100km/h e permanece assim por mais 2,5h até chegar no destino. Sabendo que a distância percorrida foi de 400km, calcular a velocidade média.

Sendo bem direto, a velocidade média é a divisão do espaço percorrido (ou ΔS) pelo intervalo de tempo (Δt).

A questão deu tudo o que nós precisamos: ΔS=400km e t=2,5h+2,5h=5,0h.

Bom, com isso acabamos de calcular a velocidade média do nosso movimento. Você percebeu que a velocidade média foi totalmente diferente das velocidades dadas na questão? A velocidade média só irá levar em conta a distância percorrida e o tempo decorrido. Se a sua velocidade muda, não vai importar.

A velocidade instantânea indica qual a velocidade o móvel está em cada instante. Nesse exemplo, a velocidade instantânea do carro era 60km/h quando t=2h. E quando t=3h a velocidade instantânea era 100km/h. Pegou o jeito?

Nesse exemplo tivemos uma mudança na velocidade e, por isso, a velocidade média foi diferente da instantânea.

Gráficos

Existem 3 gráficos que podem ser apresentados pra você: Sxt, Vxt e Axt, posição pelo tempo, velocidade pelo tempo e aceleração pelo tempo, respectivamente.

Sxt

Gráfico que vai indicar como varia a posição do móvel durante o passar do tempo. Note que o gráfico NÃO mostra a trajetória do móvel, apenas como varia a posição dele.

Note que se for calculado a tangente do ângulo θ, teremos a velocidade média no movimento.

Como a função horária é uma equação do primeiro grau, o gráfico do MU sempre será uma reta. Caso a velocidade seja positiva, a reta é crescente. Caso a velocidade seja negativa, a reta é decrescente.

Vxt

Gráfico que vai indicar como varia a velocidade ao passar do tempo. Bom, como a velocidade não varia e é diferente de zero, temos um gráfico da seguinte forma:

No gráfico Vxt do MU, sempre teremos uma reta horizontal acima ou abaixo do eixo X. Caso a reta esteja acima do eixo X, a velocidade é positiva. Caso a reta esteja abaixo do eixo X, a velocidade é negativa.

Axt

Esse é o mais tranquilo de todos. A aceleração no MU e sempre nula logo, a reta sempre estará no zero.

Exercícios

1. (UFMG) Um automóvel viaja a 20 Km/h durante a primeira hora e a 30Km/h nas duas horas seguintes. Sua velocidade média durante as três primeiras horas, em km/h, é aproximadamente:

a) 20

b) 30

c) 31

d) 25

e) 27

2. Um ponto material movimenta-se sobre uma trajetória retilínea segundo a função horária s = 10 + 2t (no SI). Determine o instante em que o ponto material passa pela posição 36 m?

3. (ITE-SP) Dois móveis partem simultaneamente de dois pontos, AB, e deslocam-se em movimento uniforme sobre a mesma reta, de Apara B, com velocidades escalares de 20 m/s e 15 m/s. Sae o encontro ocorre 50 s após a partida, podemos afirmar que a distância inicial entre os mesmos era de:

a) 250 m

b) 500 m

c) 750 m

d) 900m

Gabarito

1. E

2. 13s

3. A

Continue estudando
Post do blog

Questões Comentadas: Exercícios de Movimento Uniforme

Vamos fazer exercícios de movimento uniforme?
artigo
Post do blog

Questões comentadas: Velocidade Média

Leia um resumo sobre Velocidade Média e responda as questões de vestibulares abaixo!

artigo